Produtos e novidades em Celular e Smartphone

Xiaomi Mi A3 é oficializado com câmera tripla, Android One e tela AMOLED

Leitor de digitais e tela AMOLED são outros destaques do aparelho intermediário.

lançamento, xiaomi, android one
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

O Mi A3 foi lançado oficialmente pela Xiaomi, na Europa, nesta terça-feira (17), e diferente do que muitos esperavam, o mais novo celular intermediário da empresa se trata de uma versão do Mi CC9e renomeado para o mercado global.

Especificações iguais a do Xiaomi CC9e

O Mi A3 vem equipado com um Snapdragon 665, 4 GB de RAM e 64 ou 128 GB de armazenamento. A grande diferença está no sistema operacional, que diferente do Mi CC9e, conta o Android One, trazendo a experiência de um sistema puro para o usuário igual da versão anterior o Xiaomi Mi A2.

Tela com leitor de digitais reformulado

São 6,08 polegadas com display AMOLED, resolução HD+ (720x1520 pixels) e notch em formato de gota, que abriga uma câmera selfie.

Tela OLED é um dos grandes avançõs do Xiaomi Mi A3 / Divulgação

Sob a tela está um novo leitor de digitais óptico para desbloqueio do aparelho, que segundo a empresa, foi aprimorado para funcionar em situações extremas.

Além disso, também existe a opção de utilizar o reconhecimento facial no desbloqueio.

Fabricante dá grande foco às câmeras

Assim como no CC9e, ao olharmos a parte traseira do Mi A3 poderemos notar um conjunto de três sensores. Sendo o principal de 48 megapixels, o segundo de 8 megapixels e o terceiro com 2 megapixels.

Já na câmera frontal, o aparelho conta com 32 megapixels e inteligência artificial para embelezamento.

Outros detalhes do Mi A3 são: bateria de 4.030 mAh, com suporte a carregamento rápido de até 18W, dual chip, entrada de 3,5mm para fones de ouvido e será comercializado nas cores “More Than White” (mais que branco), “Kind of Grey” (mais ou menos cinza) e “Not Just Blue” (não é só azul).

Xiaomi Mi A3 está disponível em três cores diferentes / Divulgação

Ficha técnica do Xiaomi Mi A3:

  • Processador: Octa-core  Qualcomm Snapdragon 665
  • GPU: Adreno 610
  • Memória Ram: 4 GB (expansível via microSD)
  • Armazenamento interno: 64 GB ou 128 GB
  • Bateria: 4.030 mAh (suporte a carregamento rápido de 18W)
  • Câmera traseira: tripla de 48 MP (f/1.79) + 8 MP (f/2.2) + 2 MP (f/2.4) Grava em até 4k a 30 fps
  • Câmera frontal:  32 MP com reconhecimento facial
  • Tela: AMOLED de 6,08 polegadas com resolução HD+ (1560 x  720 px)
  • Desbloqueio: via leitor de digitais sob o display ou reconhecimento facial
  • Sistema operacional: Android One
  • Entrada P2 para fones de ouvido
  • Bluetooth: 5.0
  • Dimensões: 153,48 x 71,85 x 8,4 mm
  • Peso: 174g

Os aparelhos estarão disponíveis a partir do dia 24 de julho na Europa. A versão com 64 GB de armazenamento custará 249 euros, enquanto a versão de 128 GB chega a partir de 279 euros.

A Xiaomi ainda não divulgou qualquer informação sobre um possível lançamento no Brasil, mas enquanto isso você pode aproveitar para comprar o Mi A2, que tende a cair de preço com a chegada do sucessor:

Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone