Panela para fogão de indução: veja que modelo usar no cooktop

O jogo de panela para fogão de indução deve ser diferente dos outros tipos de queimadores

Ariel Cristina BorgesEditor(a)

Publicado e atualizado 2 min. de leitura.

Compartilhe:

Que a panela para fogão de indução não pode ser a mesma usada em outros tipos de fogões e cooktops, muita gente sabe. Ainda assim, depois de comprar o cooktop moderno, que funciona ligado diretamente à energia elétrica da casa, muita gente fica com dúvidas em relação a como escolher o melhor jogo de panelas. Afinal de contas, por que elas precisam ser diferentes? Como descobrir se elas são ou não adequadas para o cooktop por indução?

Hoje, o Zoom Explica vai tirar, exatamente, essas dúvidas: dá uma olhada para você aprender tudo o que precisa fazer sobre as panelas para fogão de indução.

Panela para fogão de indução: por que ela precisa ser diferente?

Para te explicar o porquê das panelas para fogão de indução serem diferentes, precisamos falar, primeiro, do funcionamento desse tipo de fogão. Ao invés de esquentar com fogo ou com uma resistência, como é o caso dos cooktops a gás e elétricos, o calor no fogão de indução é gerado por ondas eletromagnéticas por meio de uma bobina de cobre que gera uma corrente elétrica.

É justamente por isso que o fogão por indução é tido como mais seguro: ele só esquenta a panela. Ao toque, a superfície do cooktop permanece com a temperatura normal.

A questão é a seguinte: para que a panela esquente, ela precisa ser compatível com as ondas eletromagnéticas geradas pelo fogão. Ou seja: elas precisam ter um fundo com propriedades magnéticas que vai induzir a atividade da bobina de cobre e gerar o calor suficiente para que você consiga cozinhar.

Descubra quais são os melhores cooktops de indução para comprar nos últimos meses!

Como escolher o jogo de panela para fogão de indução

Um truque muito comum no momento de testar se as panelas servem ou não pare serem usadas junto do jogão de indução é feito com um imã: como elas precisam ter um fungo magnético, se um imã grudar na superfície da panela, ela pode ser usada. Mas o problema é que tanto numa loja física quanto na hora de comprar pela internet, colocar esse truquezinho em prática pode ser difícil.

Por isso, você deve prestar atenção ao material da composição das panelas: elas podem ser de ferro fundido, aço inox ou ter o fundo triplo. Além disso, é muito importante que o fundo das panelas para fogão de indução seja completamente reto e sem curvas, para que o uso seja mais fácil e seguro. Ou seja: nada de socar alho diretamente em uma delas, ok?

Outras opções de panelas como as de barro, de vidro ou cobre não podem ser usadas no fogão por indução porque não transmitem as correntes eletromagnéticas necessárias para o aquecimento. As de panelas de cerâmica comuns também não servem, mas você já encontra no mercado alguns modelos que são feitos com esse material, mas têm uma camada de indução no fundo - é o caso da linha Infinite Amplicook, da Electrolux.

Panela de pressão para fogão de indução é segura?

Seja comum, elétrica ou para fogão de indução, a panela de pressão sempre causa dúvidas entre quem não tem muita experiência com a cozinha (e, até mesmo, em quem tem). A resposta para o fogão de indução é a mesma dos outros: é importante usar a panela de pressão seguindo todas as regrinhas relacionadas à capacidade interna, manuseio e travas - elas vêm escritas no manual - para garantir a sua segurança na hora de usar.

No cooktop de indução, também é válido ressaltar um detalhe que também serve para todas as outras panelas: elas devem estar bem posicionadas na marca redonda do vidro, que é exatamente a parte das ondas magnéticas.

Leia também: