Não importa se a sua família é grande ou pequena: um eletrodoméstico essencial para armazenar com qualidade os alimentos da sua casa é o refrigerador. E se chegou a hora de comprar uma geladeira, é normal que você tenha algumas dúvidas: qual capacidade a geladeira deve ter? Vai investir em um modelo duplex? E o degelo, qual o melhor tipo para o seu próximo refrigerador?

Sim, um dos itens fundamentais no momento da compra, e que vai fazer aquela diferença nas suas tarefas do dia a dia, é o degelo. Aqui você vai poder conhecer cada tipo, para acertar na escolha da sua nova geladeira. Confira!

Você conhece a diferença entre freezer e congelador? A gente te conta.

Tenha mais eficiência com uma geladeira Frost Free

Para quem não quer trabalho, uma geladeira Frost Free será o modelo mais prático. Nesse tipo de degelo não há formação de gelo no freezer, ou seja, você não necessita descongelar nunca a geladeira. Mas, se você está pensando realmente em comprar um modelo Frost Free, vale lembrar que esse é o tipo de degelo mais caro: você paga pela praticidade.

Além disso, o que você precisa levar em consideração é que a tecnologia Frost Free consome mais energia, e nem todas as geladeiras vão contar com o Selo Procel A. Sendo assim, observe esses detalhes durante a compra de uma dessas geladeiras, que são indicadas para quem não quer ter trabalho algum com descongelamento. Aproveite para entender melhor o que é Frost Free.

Cycle Defrost: faça o degelo apenas 2 vezes ao ano

Na geladeira Cycle Defrost, o degelo é feito apenas duas vezes ao ano porque esse sistema faz acumular muito menos gelo no congelador. Porém, é feito da mesma forma que o degelo da geladeira manual.

Embora seja manual, é quase tão prático quanto o Frost Free, mas custa um pouco menos e economiza mais energia. Bom para quem não quer se preocupar com degelo da geladeira, mas não quer pagar muito caro.

Nas geladeiras mais básicas, temos o degelo manual

O degelo manual não é tão prático assim, já que de tempos em tempos é preciso desligar a geladeira para que o gelo, que fica na parede do congelador, derreta e seja retirado. Normalmente o refrigerador com esse tipo de degelo possui alguma gaveta ou compartimento para armazenar a água até que seja esvaziada.

Apesar de estar presente em geladeiras mais básicas, esse tipo de degelo é bom para quem passa mais tempo em casa e não se importa tanto assim em ter mais trabalho com a limpeza e o degelo. Vale lembrar ainda que a geladeira com degelo manual costuma ser mais barata e mais econômica.

Se vai degelar, aproveite e confira como limpar sua geladeira corretamente.

Degelo semiautomático: opção pouco mais prática que o manual

Sua única diferença para a manual é que a geladeira com degelo semiautomático dispensa o desligamento da tomada para o descongelamento. Ou seja, o refrigerador pode continuar funcionando enquanto o freezer descongela.

É um pouco mais prático que o degelo manual, pois a geladeira funciona normalmente. Geralmente também tem preço mais em conta, se você for comparar com refrigeradores mais modernos.

Degelo seco: um tipo de degelo também semiautomático

Também é semiautomático e dispensa o desligamento da tomada. Contudo, a água não precisa ser retirada, pois cai em um recipiente de evaporação. Se seguir as orientações do manual, você pode aproveitar a noite para acionar o descongelamento, economizando seu tempo útil. Esse tipo de degelo também economiza mais energia e custa menos que uma geladeira Frost Free.

Precisa de um refrigerador espaçoso? Conheça as melhores geladeiras grandes de 2021.

Saiba usar corretamente o degelo do seu refrigerador

Cada tipo de degelo requer cuidados especiais, então fique atento às informações do manual de sua geladeira. Jamais utilize facas e outros objetos cortantes para quebrar o gelo, tampouco use o secador de cabelo para degelar mais rapidamente. Esses objetos podem danificar a geladeira. Também nunca jogue água no refrigerador: a água pode escorrer e danificar o motor ou dificultar a formação de gelo no lugar correto.