Zoom indica em Livros

Livros para o vestibular 2013

Os livros de literatura que poderão aparecer no vestibular.

por Luiza Ramalho - Especialista em Livros e Música.

Conhecer bem a literatura brasileira, além de te ajudar a conhecer a boa cultura produzida no seu país, também pode ser um fator de enorme diferença na hora do vestibular. Ainda que não seja possível prever exatamente os livros que vão cair em cada prova, determinadas obras são tão frequentes que sua presença no ENEM ou outro vestibular de grande porte é muito comum.

Decidimos criar uma pequena lista que reúna e fale um pouco sobre cada um dos livros para o vestibular que podem aparecer no seu exame.

Dom Casmurro

Este clássico de Machado de Assis nos conta a história do triângulo amoroso mais conhecido de nossa literatura: Bento, Escobar e Capitu. "Dom Casmurro" é uma história envolvente sobre amor, traição e ciúme no Rio de Janeiro Imperial. Machado de Assis trabalha com uma linguagem bem intensa e rebuscada para trazer metáforas e poemas amorosos ao leitor. Provavelmente o livro para vestibular campeão em questões.

Capitães de Areia

A famosa história de Jorge Amado sobre um grupo de meninos de rua na Bahia. "Capitães de Areia" apresenta várias histórias envolvendo seus fantásticos personagens como Pedro Bala, Sem Pernas e outros capitães. O teor de crítica política é muito grande, e conforme os meninos amadurecem eles começam a caminhar na direção do sindicalismo, inspirados pelo pai de Pedro Bala.

Memórias de um Sargento de Milícias

Escrito por Manuel de Antônio de Almeida o enredo de Memórias de um "Sargento de Milícias" trata de Leonardo, filho de dois imigrantes portugueses, sua infância conturbada; sua juventude de transviada; seus amores com uma mulata; suas malandrices com o truculento Major Vidigal, chefe de polícia e sua promoção a sargento de milícias. Um livro para vestibular um pouco complicado, mas extremamente necessário para o entendimento do Brasil antigo.

Memórias Póstumas de Brás Cubas

Nesta incrível história de Machado de Assis conhecemos a história de Brás Cubas a partir de sua morte, que para tornar a narrativa mais interessante e "galante" decide começá-la pelo fim; como um defunto autor. "Memórias Póstumas" tem um formato diferente e interessante, o que costuma agradar as bancas que formulam as questões dos vestibulares.

O Cortiço

"O Cortiço" conta várias histórias, mais a principal seria a de João Romão e Miranda, o avarento dono do cortiço e seu rival menos rico, porém mais nobre que ele. No pano de fundo encontramos várias narrativas secundárias como as de Pombinha, Leocádia e Machona, assim como a do próprio cortiço. Um dos livros para vestibular com a linguagem mais complicada, já que remete a uma prosa portuguesa.

Triste fim de Policarpo Quaresma

Este clássico de Lima Barreto nos conta a história de Major, o Policarpo Quaresma do título, um nacionalista exaltado e ufanista que romantiza todo o Brasil. A narrativa de "Triste Fim de Policarpo Quaresma" se concentra nos problemas estruturais e sociais de nosso país que arruínam sucessivamente todas as pretensões do protagonista.

Morte e Vida Severina

João Cabral de Melo Neto decide apresentar as durezas de uma vida Severina, isto é, uma metáfora para a migração nordestina, que sai do sertão acreditando que pode ganhar a vida no Recife, ou em outras cidades grandes nas quais a seca é mais branda. Durante a sua jornada ele vai percebendo toda a vida é Severina, independe do lugar, ou das condições climáticas. "Morte e Vida Severina" é um livro para vestibular importante, e um livro para a vida indispensável.

Vidas Secas

A história de Graciliano Ramos mais uma vez nos conta a respeito de uma família de retirantes nordestinos que estão fugindo do sertão. No meio do caminho eles encontram um sítio abandonado e decidem tentar a vida no local, antes que ele seja afligido pela seca. "Vidas Secas" é um dos maiores clássicos nacionais de todos os tempos.

Primo Basílio

O "Primo Basílio" é um romance de Eça de Queirós que foi publicado em 1878. Nesta história, um lar burguês aparentemente feliz e perfeito, mostra que as suas bases são na verdade falsas e podres. O Primo Basílio funciona como uma obra combate social, mostrando que a ideia de família burguesa é construída em cima de mentiras e hipocrisia.

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em livros