Poder da mente acelera tempo de reação do mouse em nova tecnologia

Acessório promete oferecer tempo de reação mais rápido que um clique ao captar impulso do cérebro.

Redação - Zoom

Publicado e atualizado 2 min. de leitura.

Compartilhe:

Impulse é o nome de um novo acessório para games criado por uma empresa do Canadá chamada Brink Bionics, com o objetivo de acelerar seu tempo de reação ao clicar em um mouse. O dispositivo foi desenvolvido com a ajuda de especialistas em membros biônicos da Universidade de Waterloo, no Canadá, e utiliza os impulsos elétricos e um algoritmo para determinar quando um clique é realizado em menos da metade do tempo que levaria para clicar no mouse.

Já pensou usar sua própria mente para acelerar o clique do mouse? Pois é exatamente isso que o produto promete.

Impulse promete um tempo de reação menor no mouse ao captar impulsos elétricos ao invés de cliques (Reprodução: Brink Bionics)
Impulse promete um tempo de reação menor no mouse ao captar impulsos elétricos ao invés de cliques (Reprodução: Brink Bionics)

O Impulse é uma espécie de luva de neoprene que pesa aproximadamente 50 gramas, equipada com 3 sensores em um microprocessador. Seu funcionamento envolve captar o impulso elétrico enviado pelo cérebro e antecipar-se ao movimento mecânico de dobrar o dedo. Enquanto um jogador comum leva aproximadamente 150 milissegundos entre desejar clicar e de fato pressionar o botão do mouse, o Impulse pode captar o impulso elétrico e registrar o clique 80 milissegundos mais rápido. Pode parecer pouco, mas em situações como jogar online pode ser a diferença definitiva entre atirar em outro jogador ou tomar um tiro.

O dispositivo pode reduzir seu tempo de resposta tanto no clique direito quanto esquerdo e, como é ele que registra o clique, o mouse apenas é necessário para mover a mira no jogo. O Impulse não oferece qualquer auxílio para mirar, mas em confrontos um contra um ele oferece vantagem ao permitir que o usuário comece a atirar antes de seu adversário.

O acessórrio Impulse é feito de um emborrachado leve com sensores para captar impulsos do cérebro (Reprodução: Brink Bionics)
O acessórrio Impulse é feito de um emborrachado leve com sensores para captar impulsos do cérebro (Reprodução: Brink Bionics)

Em seu desenvolvimento, o Impulse já teve diversos protótipos desde 2018 e agora se tornará realidade graças a uma campanha de financiamento coletivo bem-sucedida no site Kickstarter em novembro de 2020. Os desenvolvedores conseguiram arrecadar 372% da meta em um total em dólares canadenses de CA$ 55,8 mil, mais de R$ 233 mil em conversão direta na data de publicação deste artigo, em 06/01/2021. O valor mínimo para apoiar a campanha e receber o aparelho era de CA$ 162, algo em torno de R$ 678.

Apoiadores deverão receber o dispositivo em maio de 2021, mas por enquanto não foram mencionados planos de produção em massa para o mercado. A produtora Brink Bionics afirmou que pode trazer novidades para a feira de eletrônicos CES 2021 (Consumer Electronics Show), que será realizada virtualmente.