Homem caucasiano usando cordas para treinar

Treino Funcional: o que é e quais os principais exercícios e acessórios

Entenda um pouco mais sobre o treinamento funcional em nosso artigo

João Schmidt

Publicado e atualizado 4 min. de leitura.

Compartilhe:

Antes usado apenas na reabilitação e tratamento de atletas lesionados, hoje, o treino funcional é a forma principal de exercício físico da maioria das pessoas. Trata-se de exercícios que ativam todas as áreas do corpo e promovem uma melhora cardiorespiratória, focando em movimentos e funções do dia a dia.

Mas como funciona o treino funcional? Quais são os exercícios mais usados? Para quem ele é indicado? Quais são seus benefícios? Para te ajudar a responder essas perguntas, nós preparamos esse artigo detalhando cada ponto sobre o treino funcional e as suas características.

Como fazer o treino funcional?

Homem negro fazendo abdominal em sua sala de estar
O abdominal é um dos exercícios presentes no treino funcional (Foto/Shutterstock)

De início, é necessário dizer que o treinamento funcional abrange todos os níveis de condicionamento físico, desde os mais sedentários até os atletas profissionais.

Os treinos funcionais geralmente se dividem em círculos e sem uso de pesos, os movimentos são multiarticulares em sua maioria, o que significa que duas ou mais articulações são ativadas durante sua execução.

Quais os tipos de treino funcional?

Mulher negra pulando em caixote na frente de fundo cinza
O pulo em caixotes auxilia na ativação dos músculos das pernas e na cardiorespiração (Foto/Shutterstock)

O treino funcional é dividido em duas modalidades, de alta intensidade e de baixa intensidade, fazendo com que dessa forma possa ser abranger os mais variados públicos para a atividade física, tantos sedentários ou idosos até atletas e militares em treinamento.

- Alta Intensidade: Foca em aprimorar a forma física e cardiorespiratória, por meio de exercícios que levam à exaustão do praticante.

- Baixa Intensidade: Foca na manutenção da saúde e bem estar, utilizando de exercícios para auxiliar em movimentos comuns do cotidiano.

Acessórios que podem ser usados no treino funcional

Existem alguns itens que podem quebrar um galho e tanto na hora dos treinos funcionais, como pesos e elásticos de resistência para quem procura tonificar a musculatura, ou outros mais básicos, como tênis e colchonete.

Bola de pilates

Assim como o pilates, o treino funcional pode fazer uso de bolas de pilates ou Bolas Suíças visando aprimorar o equilíbrio ou podendo sendo utilizadas em exercícios abdominais - a gente conta um pouco mais sobre esse acessório nessa matéria sobre Bola de Pilates. Dá uma olhada aqui nas melhores ofertas para a Bola 65 cm da LiveUp:

Colchonete de ginástica

O colchonete de ginástica é utilizado no treino funcional por auxiliar e promover mais conforto durante os exercícios - você pode saber mais sobre isso nessa matéria com as melhores opções de tapete de yoga ou nessa com tudo sobre colchonetes! Confira aqui as melhores ofertas para colchonetes de ginástica e veja qual o que mais se encaixa no seu treino!

Elásticos para treino

Os elásticos específicos para treino são uma excelente alternativa para promover resistência em diversos exercícios feitos no treino funcional. Você pode conferir aqui as melhores ofertas de elásticos extensores no mercado atualmente e escolher o melhor para você!

Tênis

Os tênis de academia vão te ajudar a não lesionar o pé ou a panturrilha, pois o treinamento funcional utiliza de exercícios como piques de velocidade, agachamentos e alongamentos. Dê uma olhada na nossa matéria com os melhores tênis de academia e confira as melhores ofertas do Tênis Olympikus Unissex Corrida Veloz:

Exercícios do treino funcional

Burpee

Mulher caucasiana fazendo burpees em academia
O burpee é um dos mais famosos exercícios do treino funcional (Foto/Shutterstock)

Burpee é uma somatória de movimentos que começa com uma flexão de braço e termina em um pulo. Geralmente, ele é feito por quem já tem mais experiência no treino funcional.

Prancha

Casal caucasiano fazendo prancha em quarto vazio
A prancha é usualmente feita em intervalos de 1 minuto (Foto/Shutterstock)

A prancha é um excelente exercício para fortalecer o chamado grupamento do core, e auxilia principalmente na postura e no desempenho esportivo. Esse exercício atua em mais de 28 pares de músculos, que envolvem abdômen e quadris e pode ser feito tanto pelos mais experientes até por novatos em atividades físicas.

Afundo

Mulher caucasiana fazendo afundo em quarto cinza vazio
O afundo é uma ótima opção pra quem busca maior força e resistência nas pernas (Foto/Shutterstock)

Um afundo pode se referir a qualquer posição do corpo humano em que uma perna é posicionada para frente com o joelho flexionado e o pé apoiado no chão, enquanto a outra perna está posicionada para trás.

Agachamento

Mulher caucasiana fazendo agachamento em fundo cinza usando elásticos
O agachamento é um exercício que vai muito além de ativar só as pernas (Foto/Shutterstock)

Um agachamento é um exercício físico de força em que o praticante abaixa os quadris a partir de uma posição em pé e depois se levanta. O agachamento é considerado um exercício vital para aumentar a força e o tamanho dos músculos da parte inferior do corpo, além de desenvolver a força do core.

Pular corda

Mulher caucasiana pulando corda em sala de estar
Pular acorda é uma atividade física excelente tanto paras as crianças quanto para os adultos (Foto/Shutterstock)

Pular corda é uma atividade aeróbica – o que significa que ela está relacionada ao aumento da frequência cardíaca, condicionamento físico e alta queima calórica, indo muito além de só uma brincadeira de criança.

Benefícios do treino funcional

Por se tratar de uma atividade física que ativa todas as partes do corpo humano, o treino funcional apresenta uma infinidade de benefícios, entres eles estão:

- Aumento da força muscular

- Baixo impacto para iniciantes

- Melhora da flexibilidade

- Avanço da coordenação motora

- Maior memória muscular

- Perda de peso