Panela de pressão elétrica é boa? Vale a pena?

Quer comprar uma panela de pressão elétrica? Vem descobrir os prós e contras do aparelho aqui

Ariel Cristina BorgesEditor(a)

Publicado e atualizado 5 min. de leitura.

Compartilhe:

A panela de pressão elétrica é uma das novidades do mercado de eletroportáteis de cozinha que mais tem ajudado no que se trata de praticidade no preparo de alimentos. Disponível em modelos com diferentes capacidades, tamanhos, funções e preços, ela tem mudado o dia a dia de muita gente. Ainda assim, se perguntar se fazer a mudança da panela de pressão tradicional por ela vale a pena é muito comum.

Por isso, hoje o Zoom vai te ajudar: vem descobrir os prós e contras da panela de pressão elétrica para descobrir se vale ou não a pena investir nela!

Vai trocar as panelas de casa? Dá uma olhada na nossa lista de melhores opções de jogos de panelas dos próximos meses!

Panela de pressão elétrica: como funciona?

A panela de pressão elétrica une a praticidade de cozinhar alimentos de forma mais rápida e eficiente com uma série de tecnologias que torna seu uso mais seguro e prático. O passo a passo costuma ser simples e bem intuitivo: depois de ligar a panela para fazer o preparo inicial dos alimentos, basta colocar água sem ultrapassar o limite máximo do eletroportátil, colocar a tampa e selecionar a função necessária ou o tempo de pressão. O timer pode funcionar emitindo um som quando a comida estiver pronta ou desligando a panela completamente ao chegar no zero.

Panela de pressão elétrica x panela de pressão tradicional

Antes de comprar uma panela de pressão elétrica é bem comum que você queira comparar o modelo mais tecnológico com o tradicional. Afinal de contas, fazer a troca de um pelo outro não é algo que acontece de uma hora para a outra por causa do costume que muita gente tem com a panela de pressão comum. Por isso, nós comparamos alguns aspectos delas duas aqui embaixo:

Funcionalidade

Uma grande vantagem da panela de pressão elétrica é que, dependendo do modelo, ela também pode ser usada para o preparo de pratos que não necessariamente precisam de pressão para ficarem prontos. Como ela usa uma tecnologia mais avançada do que as panelas elétricas simples, basta selecionar no painel a forma de utilização entre as opções disponíveis. Ou seja: além de conseguir fazer feijão, cozinhar carnes mais duras e preparar sopas, por exemplo, com a panela de pressão elétrica certa você também consegue fazer arroz, legumes, peixes, ensopados e outros.

Praticidade

A possibilidade de preparar vários pratos com um só aparelho enche os olhos de muita gente na hora de comprar uma panela de pressão elétrica, mas vale o aviso: se você pensa em investir numa dessas para cozinhar alimentos diferentes para a mesma refeição, vai precisar começar com bastante antecedência. Isso acontece porque na panela elétrica você só consegue fazer um de cada vez - algo que não acontece em fogões com várias bocas e panelas tradicionais - mesmo que ela tenha capacidade para vários.

Segurança

A questão da segurança é sempre colocada em pauta quando o assunto é panela de pressão e a razão é simples: se não for usada da maneira correta, o modelo tradicional pode explodir. Elas têm a válvula de segurança para eliminar a pressão de dentro da panela caso haja necessidade, diferentes tipos de fechamento e a borrachinha de vedação, mas ainda assim, acidentes podem acontecer. Um erro muito comum que pode causar esse tipo de problema é ultrapassar a capacidade interna do utensílio. Nos modelos elétricos, isso é mais difícil: geralmente, eles têm várias tecnologias para travar a tampa e parar o cozimento diminuindo a pressão se for necessário.

Ainda não tomou a decisão final? Dá uma olhada na nossa lista das melhores panelas elétricas do momento!

Limpeza

Quem já teve que lavar uma panela de pressão de alumínio depois de cozinhar feijão sabe que o serviço não é dos mais simples. Mesmo nas versões antiaderentes, muitas vezes você precisa de força, esponja de aço, sabão e outros produtos para deixar tudo limpinho. A panela de pressão elétrica ganha nesse aspecto: limpar o cesto em que os alimentos são preparados é bem mais prático por causa do formato dele, com menos curvas e pelo acabamento, que é antiaderente na maioria das vezes. A parte eletrônica do aparelho, no máximo, vai precisar de um paninho úmido para a retirada de possíveis respingos e sujeiras.

Preço

Uma coisa que você só descobre na hora em que precisa comprar uma panela de pressão é que ela é a mais cara entre todas as que são necessárias para a montagem de uma cozinha funcional - e aqui estamos falando dos modelos tradicionais, ok? A panela de pressão elétrica costuma ser ainda mais cara, como era esperado, mas também oferece resultados diferentes e que compensam o investimento maior. A decisão final, nesse caso, fica por conta do orçamento que você tem disponível.

Panela de pressão elétrica: vale a pena na conta de luz?

Esse ponto deve ser analisado separadamente porque é uma das principais dúvidas de muita gente. Afinal de contas, qual é o impacto da panela de pressão elétrica na conta de luz? Geralmente, os modelos têm Selo Procel A. Além disso, ela é considerada econômica porque, de fato, tem tecnologias que fazem o consumo de energia no preparo de um mesmo prato ser menor - aqui, a comparação é entre a energia elétrica e o gás necessários para cozinhar a mesma quantidade de feijão na panela elétrica e na tradicional, por exemplo.

Por isso, se você mora sozinho e vai usar a versão elétrica uma ou duas vezes na semana, o investimento compensa, sim: o gás de botijão vai durar mais tempo, a conta do gás encanado possivelmente vai diminuir e a mudança na conta de luz não vai ser tão grande. Mas se a sua família é maior e a panela de pressão é necessária várias vezes por semana em períodos longos de uso, pode ser que o impacto seja maior: nesse caso, vale a pena calcular os possíveis gastos e considerar se a mudança pelo modelo mais tecnológico vale a pena a longo prazo.

Buscando ofertas de panela de pressão elétrica? Confira as três mais vendidas aqui do Zoom:

1. Panela de Pressão Elétrica Philco

O modelo de panela de pressão elétrica que faz mais sucesso aqui no Zoom é o da Philco. Com seis litros de capacidade, o aparelho pode preparar comida para grupos médios e grandes, tem 14 receitas pré-programadas e funções como Manter Pressão, Aquecer/Cancelar e Timer.

2. Panela de Pressão Elétrica Electrolux PCC20

Também com seis litros de capacidade, o segundo lugar da lista de panelas de pressão elétricas que fazem mais sucesso por aqui é a Electrolux PCC20. Ela tem 15 receitas pré-programadas e as funções Manter Aquecido e Programar Início.

3. Panela de Pressão Elétrica Walita RI3103/75

A panela de pressão elétrica Walita RI3103/75 tem cinco litros de capacidade e é indicada para o preparo de refeições de grupos pequenos e médios. Ela tem timer com desligamento automático, função Manter Aquecido e interior antiaderente.

Leia também: