Biotina: o que é, para que serve, quais os benefícios e como tomar

A biotina contribui para o fortalecimento e saúde dos cabelos, unhas e pele; veja os benefícios e as melhores opções de compra

Letícia LamarcaRedatora

Publicado e atualizado 5 min. de leitura.

Compartilhe:

Você já conhece a biotina? Também conhecida como vitamina H ou vitamina B7, a biotina é uma vitamina do complexo B, essencial para o funcionamento do corpo. Ela contribui para a saúde da pele, cabelos e unhas e, por isso, costuma ser a "queridinha" de quem está sofrendo com a queda capilar. E não é só isso! Essa vitamina também auxilia na absorção de nutrientes como glicose, aminoácidos e ácidos graxos.

A biotina pode ser encontrada em alimentos como amêndoas, avelãs e cereais integrais, mas também em suplementos quando não é possível obtê-la em quantidade necessária no organismo. Se você ficou curioso para saber o que é, para que serve, quais os benefícios e como tomar essa vitamina, fique tranquilo! Convidamos a nutricionista Bruna Ribeiro (@nutri.bbargiela) para nos ajudar a explicar tudo o que você precisa saber sobre a biotina. Confira abaixo:

E não se esqueça de consultar um profissional de saúde antes de adquirir qualquer suplemento alimentar.

Já ouviu falar na vitamina B12? Conheça já o suplemento para quem deseja fortalecer a imunidade!

Entenda o que é, para que serve e quais os benefícios da biotina! (Imagem: Reprodução/Shutterstock)
Entenda o que é, para que serve e quais os benefícios da biotina! (Imagem: Reprodução/Shutterstock)

O que é biotina?

A biotina (B7) é uma das vitaminas responsáveis por ajudar no metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras. Ela é essencial para as carboxilases, enzimas responsáveis pela quebra de macronutrientes e transformação em energia. A vitamina B7 é uma vitamina hidrossolúvel (solúvel em água).

Sendo assim, a melhor forma de obtenção dessa vitamina é por meio de alimentos, a partir de uma alimentação rica em nutrientes. A ingestão de suplementos, entretanto, potencializa os benefícios da biotina no corpo – é claro, com o acompanhamento profissional adequado para isso.

"Também conhecida como vitamina H (do alemão Haar und Haut, que significa cabelos e pele), a biotina está ligada à saúde dos cabelos, pele, unhas e ao sistema imune", explica Bruna.

Biotina: para que serve?

A biotina contribui para a saúde da pele, unhas e cabelos (Imagem: Reprodução/Shutterstock)
A biotina contribui para a saúde da pele, unhas e cabelos (Imagem: Reprodução/Shutterstock)

A biotina apresenta uma série de benefícios para o corpo. Ela serve para promover a saúde da pele, pois garante a formação de colágeno e queratina, fundamentais para a elasticidade e resistência da pele. Além disso, a vitamina fortalece as unhas e os cabelos, já que mantém a produção de proteínas essenciais para tal.

Bruna destaca que a deficiência de vitamina B7 pode ser suprida com a suplementação e, é claro, uma alimentação equilibrada. A nutricionista afirma que, se a alimentação for pobre nutricionalmente, não haverá vitaminas, minerais e aminoácidos suficientes para revigorar os cabelos e as unhas, por exemplo.

"Nosso organismo precisa de uma quantidade ideal de macronutrientes (carboidratos, lipídios e proteínas) e micronutrientes (vitaminas e minerais) para que assim consiga sintetizar de forma correta todos esses nutrientes e por fim destinar esses aminoácidos 'que sobraram' para esses anexos (cabelos e unha)", diz.

E não para por aí! Por garantir a energia nas células, a biotina ajuda a regular os níveis de glicose no sangue e, por consequência, prevenir ou controlar a diabetes. Ela ainda auxilia na manutenção do sistema nervoso central, de forma a contribuir no tratamento de acne e no controle dos níveis de colesterol, por exemplo.

Quais são os benefícios da biotina?

Entre os benefícios da biotina podemos destacar:

  • Auxílio no crescimento dos cabelos e, portanto, na queda capilar;
  • Ajuda no fortalecimento das unhas, evitando que elas fiquem quebradiças;
  • Auxílio na resistência da pele, de forma a dificultar o aparecimento de erupções cutâneas;
  • Ajuda no controle da diabetes, por conta da quebra e absorção da glicose;
  • Contribuição para o sistema nervoso central, níveis de colesterol e deficiências nutricionais na gravidez e amamentação.

Biotina: engorda ou emagrece?

A biotina não engorda, mas pode auxiliar no emagrecimento (Imagem: Reprodução/Shutterstock)
A biotina não engorda, mas pode auxiliar no emagrecimento (Imagem: Reprodução/Shutterstock)

A biotina não engorda, e pode ajudar no emagrecimento. Ela não emagrece diretamente, mas contribui para o metabolismo, já que participa da quebra de alimentos, transformando-os em energia para o organismo. A vitamina garante a digestão e absorção dos nutrientes, auxiliando na limpeza da inflamação causada pelo excesso de gordura.

Portanto, ao ajudar o metabolismo e ainda proporcionar energia para a realização de atividades físicas, por exemplo, a biotina pode, sim, emagrecer indiretamente. E, não: ela não possui quantidades calóricas significativas para o ganho de peso.

Como tomar biotina?

Caso você queira começar a tomar biotina, o ideal é procurar um nutricionista para que ele possa confirmá-lo de que a suplementação pode ser um caminho a ser seguido. Isso porque a vitamina já é encontrada em alimentos como ovo, oleaginosas, banana, legumes, grãos e cereais integrais, por exemplo.

A suplementação com biotina pode ser indicada tanto para quem apresenta deficiências nutricionais quanto para quem deseja potencializar o combo “alimentação saudável + exercícios físicos” – sempre a partir de recomendação médica.

Qual é o melhor horário para tomar biotina?

Não existe um horário específico para tomar biotina. No entanto, é sempre aconselhável ingerir vitaminas e suplementos junto com alguma refeição. Isso pode impedir desconfortos e fazer com que a biotina seja melhor aproveitada pelo organismo.

Qual é a melhor biotina?

A melhor biotina deve se encaixar com os seus objetivos pessoais. Para isso, na hora de escolher, é importante avaliar a dose ofertada pelo suplemento, a fórmula da vitamina e é, claro, o custo-benefício do produto. Para te ajudar nessa, nós selecionamos as biotinas mais conhecidas do mercado. Veja aqui:

1. Biotina Maxinutri

A biotina Maxinutri é uma das mais buscadas pelos usuários. Esse é um suplemento que possui, além da biotina, outras vitaminas do complexo B, como as vitaminas B1, B5 e B9. Apesar do custo-benefício, o produto promete deixar a pele, as unhas e os cabelos com aparência mais saudável.

2. Biotina Sidney Oliveira

Outra que aparece entre as mais “queridinhas” dos usuários, a biotina Sidney Oliveira possui um dos melhores custo-benefício do mercado. Sua quantidade de vitaminas é equilibrada, o que fará com que o corpo aproveite os benefícios e não fique sobrecarregado. Ela também ajuda na saúde da pele, unhas e cabelos.

3. Biotina Stem

Para finalizar, a biotina Stem também desempenha um papel fundamental na saúde da pele, unhas e cabelos. Ela é utilizada para complementar a dieta diária, visando a manutenção da integridade dessas partes do corpo.

Veja mais sobre o universo dos suplementos: