Entenda antes de comprar em TV

TV com webOS: como funciona o sistema operacional da LG?

Sistema operacional das Smart TVs LG oferece interface agradável e recomendação de conteúdo.

webos, lg, sistema operacional, smart tv
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

TVS LG EM OFERTA:

Até algum tempo atrás, as TVs eram diferenciadas apenas pelo tamanho da tela. Porém, atualmente, esses aparelhos têm diversas especificações que devem ser levadas em conta na hora de fazermos a nossa escolha.

Cada marca utiliza um sistema operacional diferente e, neste artigo, você verá quais são as características de uma Smart TV LG com sistema operacional webOS.

Outros fabricantes usam sistemas diferentes. Por exemplo, a Samsung desenvolveu o Tizen OS e várias marcas instalam o Android em suas TVs. Por isso, continue lendo este artigo para conhecer melhor o sistema operacional da LG e entenda quais são as suas vantagens e desvantagens.

Vantagens de ter uma Smart TV com webOS

Ao comparar as diversas marcas de televisão, é difícil não se encantar com os recursos de uma Smart TV com webOS. Veja algumas características que mais chamam atenção.

Interface

A primeira impressão que o webOS causa é ótima. Afinal, o formato e a disposição dos ícones na tela permite acessar as funções principais de forma simples. O sistema organiza os atalhos em uma barra na parte inferior da tela, reunindo os aplicativos mais importantes, como a Netflix, o YouTube e o navegador de internet.

A interface do sistema é bastante agradável e muito intuitiva. Algo interessante é a ausência de opções de configuração na tela inicial. Isso é bom, já que permite ter à mão apenas aquilo que é utilizado com maior frequência.

Qualquer dispositivo que é conectado à televisão, como um pendrive ou um videogame, também é exibido na barra de atalhos, facilitando o acesso. Além disso, também é possível adicionar atalhos dos canais de TV que você mais gosta.

Cursor

O webOS tem um cursor em formato de seta, assim como os sistemas operacionais utilizados em computadores. Porém, diferentemente dos PCs, os comandos não são feitos com um mouse. A movimentação do cursor é feita com o controle remoto da TV.

Basta apontar o controle para a tela e a setinha acompanhará o movimento da sua mão. Essa é uma melhoria interessante em relação a outros modelos de TV, visto que em outros sistemas, o movimento do cursor é feito pressionando as teclas do controle remoto.

Com esse sistema de movimentação do cursor, é muito mais fácil navegar pelas opções disponíveis na tela. Além disso, digitar textos agora é bem mais simples.

Basta ir apontando o controle para as letras e, quando a setinha estiver posicionada sobre o caractere desejado, é só pressionar o botão central no controle remoto. Assim, realizar suas buscas no YouTube ou até mesmo no navegador de internet se torna uma tarefa bem mais prática!

Conteúdo

Com o webOS, a experiência de ver televisão é muito interessante. Afinal, ele oferece um recurso que trabalha em conjunto com o YouTube. O sistema operacional analisa o que você está assistindo e recomenda vídeos para você assistir na Internet.

Dessa forma, não é preciso ficar procurando algo para assistir. Depois que você encontrar um vídeo interessante, sua Smart TV se encarregará do resto e fará sugestões de conteúdo relacionado.

SmartShare e ScreenShare

Você conhece alguém que sai para passear e não tira fotos? A maioria das pessoas faz questão de registrar os melhores momentos com os amigos. Assim, é muito comum que um grupo de pessoas felizes tire fotos para guardar de recordação. Porém, já percebeu que algumas pessoas acabam nem revendo as fotos que foram tiradas?

Uma Smart TV com webOS facilita isso para você. O recurso SmartShare permite que você compartilhe para a TV todas as fotos e vídeos que estão no seu celular. E você pode até colocar uma música de fundo para tocar enquanto vê as fotos!

O ScreenShare é uma maneira de espelhar na TV a tela do celular ou do computador. Essa é outra forma bastante prática de mostrar para os seus amigos as recordações dos bons momentos que você guardou no seu celular.

Desvantagens do sistema operacional webOS

É importante analisar também algumas desvantagens das Smart TVs LG com webOS. É importante ter em mente que as questões abaixo talvez não representem um problema para algumas pessoas.

Atualizações

Atualizações de sistema operacional são algo que favorecem a segurança. Afinal, com o tempo, certas fragilidades acabam sendo descobertas por pessoas mal-intencionadas. Quando um sistema recebe uma atualização, isso ajuda a manter a segurança.

Além disso, as atualizações às vezes chegam para oferecer algum recurso extra. Porém, no caso do webOS, elas são mais raras do que no Android TV.

Lojas de aplicativos

A loja de aplicativos do sistema operacional webOS é bem limitada. Embora alguns bons serviços para streaming de vídeo estejam disponíveis, como a Netflix e o Globo Play, não tem como ganhar da Gloogle Play Store. Afinal, a loja do Android é fantástica e tem uma infinidade de apps.

Configuração inicial

Algumas pessoas talvez não se agradem da configuração inicial do webOS. Afinal, ela é bastante parecida com a configuração de um celular. Ela solicita diversas informações para configurar a rede e também as contas de usuário para utilização dos serviços. Porém, isso não é comum na maioria das outras televisões.

Entretanto, para várias pessoas, isso não é necessariamente um problema. Afinal, hoje em dia, já que diversos aparelhos estão conectados à internet, está se tornando normal realizar diversas configurações em um equipamento.

Conclusão

Como você viu neste artigo, o sistema operacional webOS oferece recursos muito poderosos que farão você ter uma experiência interessante. Afinal, a interface dele é bastante agradável e a utilização do controle remoto é simples. Além disso, as indicações de conteúdo em vídeo vão trazer ainda mais diversão para você e sua família!

Conheça o nosso canal no YouTube:

 

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em tv