Review LG NANO86: TV NanoCell da marca entrega alta qualidade de imagem

Saiba mais sobre essa TV NanoCell com resolução 4K e inteligência artificial

Redação - Zoom

Publicado e atualizado 8 min. de leitura.

Compartilhe:

Recentemente a LG anunciou sua nova linha de TVs NanoCell de 2020, composta por 6 modelos, sendo 2 deles, a Nano95 e a Nano96, como estreia do 8K aqui no Brasil.

Nesse review vamos falar sobre a Nano86, que chega com tecnologia nanocristal e é considerada uma opção intermediária entre as LED e OLED, já que competem diretamente com as QLEDs da Samsung e TCL, pois empregam mecanismos similares e estão na mesma faixa de preço. Podemos adiantar, aqui, que esse modelo vale a pena para quer procura por alta qualidade de imagem, mas não quer gastar tanto dinheiro com um modelo mais parrudo, como a LG CX, OLED da marca.

Continue com a gente e confira tudo sobre essa TV que traz inteligência artificial, comando de voz e é uma boa opção para os gamers. Dê um Zoom!

Prós

  • Ampla gama de cores
  • Sistema operacional rápido
  • Múltiplos assistentes pessoais
  • Boa para jogos

Contras

  • Nível de contraste
LG NANO86 é um dos modelos mais parrudos da linha NanoCell 2020 da marca. (Imagem: Reprodução/LG)
LG NANO86 é um dos modelos mais parrudos da linha NanoCell 2020 da marca. (Imagem: Reprodução/LG)

Ficha técnica da TV LG NANO86:

  • Ano de lançamento: 2020
  • Tamanhos: 55" | 65"
  • Tela: IPS LCD
  • Resolução 4K
  • Processador: Alpha 7 3ª Geração
  • Frequência nativa: 120 Hz
  • Inteligência artificial: Sim
  • Controle remoto inteligente: Sim
  • Áudio: 20W RMS de 2.0 canais - Ultra Surround
  • Conexões: 4x HDMI | 3x USB | 1x LAN
  • Recursos Extras: Wi-Fi, Conversor digital integrado, Bluetooth e Modo Galeria
  • Sistema operacional: webOS 5.0

Design

LG NANO86 traz visual moderno para decorar o ambiente

A Nano86 apresenta um bom acabamento na cor preta com moldura estreita e bordas mais finas na parte superior e laterais, valorizando a tela, que em evidência oferece melhor aproveitamento do conteúdo durante a exibição.

A base central é arqueada, para sustentar o painel, e na parte traseira é possível ocultar os fios para evitar bagunça de cabos espalhados, que interferem na paisagem do ambiente. Esse modelo já vem com furos na traseira no padrão Vesa, para fixar o equipamento na parede ou painel, por exemplo. Mas, os acessórios de instalação são adquiridos separado.

Moldura fina e base em formato de arco conferem um visual sofisticado (Foto: Divulgação/ LG)
Moldura fina e base em formato de arco conferem um visual sofisticado (Foto: Divulgação/ LG)

Um dos recursos que chama a atenção nesse modelo é o Modo Galeria, capaz de transformar essa TV LG em um belo quadro e reproduzir paisagens ou obras de arte enquanto estiver em stand by, afim de dar um ar mais sofisticado à decoração da casa.

Diferente do que acontece em alguns modelos de entrada da LG, como na UN7300, a NANO86 acompanha o controle remoto inteligente Smart Magic e, através dele, vai ser possível conversar com a TV e acessar o menu de forma simples, já que ele simula um mouse e o scroll facilita a transição pela página e a seleção de funções.

Imagem

Cores puras e aprimoradas com o processador inteligente

Com resolução 4K de 3840 x 2160 pixels, essa smart TV LG chega com painel IPS e utiliza o sistema RGB, ou seja, gera cores puras combinando o vermelho, verde e azul, sem subpixel branco e sua filtragem fornece tons mais vibrantes e realistas.

A tela nanocristal, presente nesse modelo, é formada por nanopartículas de aproximadamente 1 nanômetro de diâmetro, que são aplicadas diretamente sobre o painel de LED retroiluminado e, assim, são capazes de filtrar as cores e retirar as impurezas e opacidade, resultando em uma variação cromática ampla com tons mais vivos e precisos.

A grande vantagem desse display é a exibição com ampla gama de cores, que gera uma imagem de qualidade surpreendente, rica em detalhes e com cores quentes. Aqui só não temos o preto puríssimo, como acontece nas TVs OLED. Além disso, em ambientes muito iluminados é possível sentir um pouco de reflexo na tela, menos do que acontece nas TVs LED, mas ainda assim é possível ter interferência.

Comparativo entre TV convencional (primeiro quadro) e TV nanocristal (Foto: Divulgação/ LG)
Comparativo entre TV convencional (primeiro quadro) e TV nanocristal (Foto: Divulgação/ LG)

Já o campo de visão proporciona uma boa experiência ao espectador, independente da sua posição em relação ao televisor. No quesito contraste, esse modelo não produz um tão assertivo, o que pode incomodar quem está mais acostumado com display tipo VA. Mas, para compensar nesse quesito, ela vem Local Dimming, que compõe cenas escuras mais intensas, no intuito de impedir vazamento de luz.

Vale observar que enquanto as TVs OLEDs alcançam o preto puro e são mais caras, a Nano86 tem preço mais em conta e não corre o risco de sofrer com o efeito burn-in, que é mais comum de acontecer nas telas com diodo emissor de luz orgânico.

O brilho é equilibrado e ganha uma forcinha com o eficiente processador Alpha 7 de 3ª geração, que utiliza algoritmo de inteligência artificial para otimizar as cenas e ainda consegue identificar a iluminação do ambiente para regular o brilho automaticamente.

Assim como a maioria dos modelos de TVs 4K presentes hoje no mercado, a NANO86 também realiza upscaling, ou seja, consegue otimizar e reproduzir conteúdos gravados em resoluções menores o mais próximo do UHD. Além disso, ela suporta as principais tecnologias utilizadas pelas grandes produtoras de filmes e séries, como HDR 10 Pro, HLG Pro e Dolby Vision.

Sensor inteligente detecta a luz do ambiente para ajustar o brilho da tela (Foto: Divulgação/ LG)
Sensor inteligente detecta a luz do ambiente para ajustar o brilho da tela (Foto: Divulgação/ LG)

Aqui não precisa se preocupar com a fadiga ocular quando estiver assistindo aos seus programas favoritos, pois essa TV 4K passou pelo teste de risco fotobiológico de LED e provou que oferece uma exibição confortável, sem prejuízos a visão.

Para os cinéfilos de plantão, ela chega com o Filmmaker Mode, capaz de reproduzir o filme com o mesmo padrão adotado durante a filmagem. Dessa forma, o processador desliga automaticamente o recurso de suavização de movimento para não perder nenhum detalhe da imagem original.

Desempenho

Experiência gamer de alta performance nessa TV LG

Com frequência nativa de 120 Hz, a LG Nano86 simula até 240 Hz e, com isso, consegue processar mais quadros por segundo e, assim, transmitir sem borrões cenas de intenso movimento, já como as de eventos esportivos, filmes de ação e jogos, por exemplo.

De acordo com a fabricante, essa TV LG apresenta baixo input lag e roda games mais pesados com ótima fluidez, sem qualquer atraso de comando ou trepidação de imagem. Por ser compatível com HGiG e AMD FreeSync, é possível ter alta qualidade de exibição com ajustes gráficos precisos e sincronizados, proporcionando uma experiência visual rica e imersiva. Sua plataforma responsiva funciona sem travamentos.

Nano86 chega com suporte ao FreeSync da AMD (Foto: Divulgação/ LG)
Nano86 chega com suporte ao FreeSync da AMD (Foto: Divulgação/ LG)

A NANO86 ainda chega com duas entradas tipo HDMI 2.1, que atende a nova geração de consoles de videogames e, inclusive, é compatível com os padrões VRR, ALLM e eARC para oferecer uma excelente jogabilidade. Toda configuração parruda faz desse modelo uma das melhores TVs para jogar videogame, visto que seu programa é rápido e carrega recursos modernos.

Leia também: Melhor TV para games em 2020: LG CX lidera ranking

Vale dizer, ainda, que ela chega com o famoso sistema operacional webOS, já conhecido por estar presente na maioria das TVs da LG, e que é muito fluido e traz o melhor dos aplicativos de streaming e jogos do momento. A Nano86 chega, também, com suporte às assistentes virtuais Alexa, da Amazon, e Google Assistente, do Google.

Inclusive, um ponto bem legal aqui é que se você tiver uma smart speaker da Amazon, por exemplo, é possível comandar através dela a televisão, ou seja, você pode desligar e ligar o aparelho, mudar o canal e aumentar o volume, por exemplo, tudo através do comando de voz e sem precisar da ajuda do controle remoto inteligente da marca, o Smart Magic.

Ah, e por falar nisso, é com ele que você vai conseguir mexer em toda a televisão, desde mudar os canais - já que aqui é possível mexer em todos os aparelhos conectados às portas HDMI e USB através do controle da marca -, a até mesmo falar com as assistentes, que podem te responder desde "O que está passando na Globo, Alexa?" até "Qual a previsão do tempo para amanhã?".

Conexões

TV chega com diversas entradas

Essa TV LG traz um bom número de conexões, com duas portas HDMI 2.0 nas laterais e duas HDMI 2.1 na parte traseira, indicadas para plugar videogames ou home theaters, por exemplo.

Além disso, ela conta com três portas USB 2.0, uma RF para antena, uma saída digital óptica e uma AV In. Aqui é possível estabelecer a conexão com a internet via cabo pela entrada LAN ou através do Wi-Fi dual-band (2.4GHz e 5GHz).

Esse modelo ainda vem com Bluetooth 5.0, conexão rápida para transferir arquivos de dispositivos móveis, como tablets e notebooks, por exemplo, ou até mesmo parear caixas de som e fones de ouvido. É compatível com Miracast e Apple AirPlay 2, que possibilitam o espelhamento da tela do celular Android e iOS.

Áudio

LG Nano85 vem com sistema Dolby Atmos e ajustes inteligentes

A Nano86 tem sistema sonoro Ultra Surround de 2.0 canais com 20 watts de potência que, por meio da inteligência artificial, simula som surround de 4.0 para aprimorar e ampliar a capacidade sonora. Com esse sistema de som, é possível ter um áudio alto, claro e bem imersivo, sem chiados.

Com ela, é possível controlar o áudio por gênero, por exemplo: ao exibir um noticiário, filme ou música, o processador inteligente identifica a categoria e aplica o efeito que pode tornar as vozes mais claras e o áudio mais enfático ou expressivo.

A posição da TV e o local no qual o espectador está sentado são detectados automaticamente pelo sensor, que envia sinais para o processador regular o volume de acordo com o espaço, afim de garantir a melhor experiência.

Recursos extras

LG Nano86 chega com plataforma rápida e interativa

Sem dúvida, o sistema operacional webOS 5.0 é um dos grandes destaques da TV Nano86, como dito anterior, pois essa plataforma exclusiva da LG é conhecida por ser uma das mais velozes do segmento e nessa versão atualizada continua intuitiva e recheada de aplicativos.

Em sua Store encontramos os apps mais populares, como Netflix, Amazon Prime Video, Telecine, HBO GO, Globoplay, Twitch, Spotify, YouTube, Apple TV, entre outros, disponíveis para download.

Seu programa inteligente ThinQ AI admite comando de voz através do Google Assistente ou da Alexa Amazon. Agora, para os proprietários de iPhone, é possível conversar com a Siri através do Apple HomeKit.

Central de automação para integrar aparelhos inteligentes (Foto: Divulgação/ LG)
Central de automação para integrar aparelhos inteligentes (Foto: Divulgação/ LG)

No seu painel de controle é possível gerenciar dispositivos inteligentes, ou seja, que também tenham acesso à assistentes pessoais, como máquinas de lavar, geladeiras, lâmpadas, aspiradores de pó, dentre outros que detêm a certificação OCF. É possível comandar todos os equipamentos através do controle remoto Smart Magic ou do celular via app LG TV Plus, disponível para download gratuitamente tanto para Android quanto para iOS.

Ao sincronizar aparelhos inteligentes você cria uma rotina de funcionamento para a casa e desfruta de maior comodidade ao administrar tudo do sofá.

Custo-benefício

Vale a pena comprar essa TV LG?

Como vimos no decorrer da análise, a smart TV LG Nano86 vem com recursos avançados, como inteligência artificial, e suporta as principais tecnologias que atendem o público gamer. Além disso, ela é capaz de oferecer som e imagem de qualidade, e tudo isso com um dos melhores custo-benefício do mercado.

Resumindo, ela é um ótimo modelo para se adquirir se você preza por aparelhos tecnológicos.

Leia também: