Smartmi Air Conditioner A: Xiaomi lança ar-condicionado com Inteligência Artificial

Novo aparelho da Xiaomi pode ser controlado pelo smartphone e gera uma economia até 20% maior.

Smartmi Air Conditioner A: Xiaomi lança ar-condicionado com Inteligência Artificial
Gustavo MartinsEditor(a)

Publicado e atualizado 2 min. de leitura.

O Smartmi Air Conditioner A, o novo aparelho de ar-condicionado com recursos de Inteligência Artificial da Xiaomi, já é uma realidade, pelo menos na China. O aparelho “conversa” com outros eletrodomésticos da casa, pode ser controlado à distância pelo smartphone e ainda tem uma eficiência energética aprimorada, quando comparado aos seus concorrentes.

De acordo com a fabricante, o novo Smartmi economiza 20% a mais na conta de luz em relação a outros aparelhos disponíveis no mercado. O problema é que a chegada do novo ar-condicionado para o público internacional, o brasileiro inclusive, ainda não tem data definida.

Leia também:

Para cômodos menores ou maiores

O novo ar-condicionado Xiaomi é adequado para variados tamanhos de ambientes, já que conta com versões de 12 mil BTUs e de 18 mil BTUs.

A capacidade de 12 mil BTUs é a ideal para um ambiente de 20 m², enquanto 18 mil BTUs são suficientes para um ambiente de cerca de 30 m².

Ainda de acordo com a Xiaomi, o Smartmi Air Conditioner A tem 4,65 APF de eficiência energética anual, enquanto a taxa exigida na China é de 4,5 APF. Isso quer dizer que é preciso menos energia para que o aparelho funcione perfeitamente. Ou melhor: a conta de luz fica mais barata no fim do mês.

Outros recursos permitem o funcionamento integrado a outros aparelhos da casa por meio da tecnologia Xiao AI, a Inteligência Artificial da Xiaomi. Assim, o usuário pode criar rotinas para que o ar-condicionado seja acionado ou ainda fazer o controle por comando de voz.

Além disso, o usuário pode ligar o aparelho via smartphone à distância, como acontece já com outros aparelhos de concorrentes, como o Dual Inverter Voice da LG, ou ainda alterar a temperatura e escolher novas configurações para o Smartmi. Afinal, chegar em casa depois de um dia de trabalho e encontrá-la na temperatura ideal é gratificante, não acha?

Os preços de lançamento, pelo menos na China, estão bem em conta. A versão menor, de 12 mil BTUs, custa 2.299 yuans, o que dá aproximadamente R$ 1.400 em conversão direta, sem o acréscimo de impostos. Já a versão maior, de 18 mil BTUs, tem o preço de 2.699 yuans, cerca de R$ 1.600.

Para saber mais detalhes do lançamento desse ar-condicionado, é só ficar de olho aqui no nosso site!

Leia mais: