Zoom indica em Câmera Digital

Lentes: os olhos da câmera

O que são e para que servem as grande-angulares e as teleobjetivas.

por Felipe Brito - Especialista em Tecnologia.

Apesar de ser possível fotografar sem usar lentes, esses componentes das câmeras facilitam muito a vida do fotógrafo, além de oferecer efeitos e possibilidades que as vezes parecem até feitos no Photoshop.

Em geral, as lentes nas câmeras profissionais são divididas em três grandes grupos: as grande-angulares, as normais e as teleobjetivas. Cada um desses grupos tem a mesma função: direcionar a luz presente em uma cena para que o sensor possa captá-la corretamente. Ainda assim, as características de cada grupo são diferentes, como você descobre a seguir.

Como o olho humano

As lentes normais são aquelas que oferecem ao sensor um ângulo de visão próximo do obtido com o olho humano (que também tem sua própria lente, o cristalino). Ou seja, uma câmera com lente normal consegue projetar no sensor a mesma área vista por um olho sem qualquer outro artifício.

Estas lentes são bastante versáteis, e costumam dar bons resultados na maioria dos estilos de fotografia, e têm distância focal próxima a 50 mm. Esse valor não é exato, já que é uma herança das câmeras analógicas.

Enxergando tudo

Já a câmera com lente grande-angular tem distância focal menor do que os 50 mm das normais. Por isso, oferecem – como diz o nome – um ângulo de visão superior ao do olho humano, chegando em alguns casos a até 180º, e costumam ser muito utilizadas para a fotografia de ambientes pequenos e também de paisagens.

Graças à curvatura exagerada do vidro utilizado nesse tipo de lente, as grande-angulares costumam apresentar um efeito chamado de aberração esférica, que curva linhas retas quando elas estão próximas aos cantos da foto. Algumas lentes são conhecidas como olho de peixe.

Visão além do alcance

Já as câmeras teleobjetivas são lentes longas, com distância focal superior aos 50 mm das normais. É comum encontrar lentes de 200 ou 300 mm, mas alguns fabricantes têm equipamentos que contam com até 700 mm ou mais de distância focal e oferecem um ângulo de visão mais restrito do que as lentes normais.

As teles até 100 mm costumam ser muito utilizadas para retratos, já que oferecem uma aproximação confortável entre fotógrafo e modelo. Já lentes com distância focal maior – 300 mm ou mais – são utilizadas principalmente na fotografia de esportes. As superteles, lentes de 1000 mm ou mais, podem ser usadas até mesmo para a fotografia astronômica.

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em câmera digital