Produtos e novidades em Celular e Smartphone

Redmi 7A: celular 'basicão' da Xiaomi tem preço baixo e bateria poderosa

Modelo é anunciado com destaques interessantes para a categoria de entrada.

Celular
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

A Xiaomi anunciou oficialmente o Redmi 7A, sucessor do Redmi 6A. O celular pertence ao segmento de smartphones de entrada e surpreende pelo preço baixo. Na China, ele tem preço fixo de 549 yuan (cerca de R$ 315 em conversão direta, no câmbio do dia).

O Redmi 7A tem especificações interessantes para um modelo de entrada. A começar pela bateria de 4.000 mAh, que conferem uma boa autonomia longe das tomadas.

Redmi 7A Redmi 7A tem tela de 5,45 polegadas – Foto: Divulgação/Xiaomi

Bom, bonito e barato

Quem espera usar muitos programas ao mesmo tempo, aplicativos mais pesados ou jogos de muita ação não terá no Redmi 7A a melhor opção. No entanto, ele é uma opção certeira para quem quer um celular que suporte bem redes sociais, programas mais básicos e jogos simples.

Seu processador é o Snapdragon 439, um modelo mais simples da Qualcomm. Há duas versões do 7A: uma com 2 GB de memória RAM e 16 GB de armazenamento e outra com 3 GB de RAM e 32 GB de memória interna. O sistema operacional nativo é o Android 9.0 Pie.

A tela do Redmi 7A tem 5,45 polegadas, com resolução HD e formato 18:9. Não é um display dos maiores, mas tem tamanho suficiente para proporcionar conforto ao exibir vídeos e fotos no dia a dia. As imagens, no entanto, podem apresentar serrilhados.

O Redmi 7A tem uma câmera traseira de 13MP com PDAF e flash LED. Já a câmera de selfie trem um sensor de 5 MP.

Preço e disponibilidade do Redmi 7A

O Redmi 7A começa a ser vendido na China no dia 06 de junho por preço equivalente a R$ 315. Ainda não se sabe se a Xiaomi pretende trazer o celular ao Brasil e qual seria seu preço oficial por aqui.

Enquanto o Redmi 7A não chega, conheça os melhores preços para o Redmi 6A no Zoom:

Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone