Zoom indica em Celular e Smartphone

Review Moto G7 Play: uma análise do "basicão" da Motorola

Simples e compacto, aparelho é a opção mais barata da linha Moto G7.

moto g7 play, review, análise, motorola, moto g
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

Lançado em fevereiro aqui no Brasil, o Moto G7 Play é o celular "mais baratinho" entre os outros quatro membro da família Moto G7.

Enviado para testes aqui no Zoom, deixei o meu iPhone 8 na gaveta por uns bons dias e utilizei o aparelho (obrigado, Motorola!) como meu celular principal por uns dias.

Já adiantando um pouco as minhas considerações, posso dizer que a minha experiência foi bem agradável, levando em consideração que também testei o Moto G7 Plus, modelo mais avançado da linha.

Confira abaixo a análise completa do Moto G7 Play:

Design: um ponto que surpreende

  • Pontos positivos: tamanho compacto e aparelho leve
  • Pontos negativos: falta de proteção IP68 e tela com resolução HD

Tem muita gente que condena o uso de plástico (policarbonato) na traseira dos celulares, mas no Moto G7 Play esse não é um ponto que posso reclamar.

A traseira do aparelho é bonita, simples e um ponto importante: faz dele um celular leve (149g), ao contrário da versão plus, que é mais pesada (172g) e grande para mãos pequenas como as minhas.

Na parte frontal, logo se percebe as bordas laterais bem grossas, lembrando um pouco o iPhone XR, mas que depois de um tempo (e se você não for tão exigente) é fácil de se acostumar.

A tela tem um bom aproveitamento, apesar do notch estar lá, e um tamanho ótimo para levar no bolso e, também, navegar pela internet, navegar pelos aplicativos e, claro, dar uma olhadinha no Instagram e Facebook.

A única coisa que pode incomodar quem assiste Netflix e YouTube pelo celular é a resolução HD+, bem abaixo dos padrões e de outros aparelhos da própria linha Moto G7 em 2019.

Câmera: Moto G7 Play é bom para fotos? Não.

  • Pontos positivos: satisfatória em ambientes claros
  • Pontos negativos: câmera traseira única e frontal "ok"

A câmera é sempre um ponto que desperta a curiosidade dos leitores. Por isso, dediquei um final de semana para andar de bicicleta, tirar umas fotos de dia com o Moto G7 Play em um local com céu aberto, e posso dizer que fiquei bem surpreso com o resultado.

Aqui em embaixo segue um comparativo dele com o meu iPhone:

Moto G7 Play não ficou devendo ao iPhone 8 em fotos de dia / Foto: Beto Rocha

Dando - literalmente - um Zoom, é possível perceber que resultado não é tão assustador assim visto esse ser um aparelho só com uma câmera traseira (13MP com abertura focal de f/2.0) e consegue captar detalhes importantes da paisagem.

Agora compare essa foto tirada a noite:

Foto noturna do Moto G7 Play perdeu muita qualidade / Foto: Beto Rocha

Apesar de parecer mais clara, o Moto G7 Play forçou bastante uma claridade que não existia ali vendo a olho nu, o que acaba prejudicando mais os detalhes.

Apesar dos resultados agradáveis na câmera traseira, não posso dizer o mesmo na frontal. A Motorola continua não me agradando nesse ponto (já tive um Moto G6 Plus como aparelho principal). Observem como nossos rostos ficaram menos nítidos:

Moto G7 Play deixou selfies com efeito "lavado" / Foto: Beto Rocha

Ou se você é ligado em tirar muitas selfies, é melhor considerar outra opção.

O mesmo dá pra dizer em relação a gravar vídeos, já que o Moto G7 Play, diferente do Moto G7 Plus, não conta com estabilização ótica de imagem, sendo preciso segurar firme o celular enquanto grava.

Desempenho: o suficiente para o uso básico

  • Pontos positivos: fluidez do sistema operacional
  • Pontos negativos: não é o mais indicado para jogos pesados

Bom, se você assim como eu pega o ônibus/metrô todos os dias e curte alguns joguinhos mais casuais como Subway Surfers ou Sonic Dash, por exemplo, a experiência foi tranquila.

No Hearthstone a experiência foi mais difícil e tive de ter um pouco mais de paciência no carregamento inicial, que em conjunto da tela em resolução HD+ me deram um pouco de saudade do Moto G7 Plus e do iPhone.

Ah, uma dica importante que deixo aqui é realizar o backup (e depois a limpeza) das suas fotos e vídeos no Google Fotos. Dessa forma, o seu aparelho fica mais leve, o que acaba ajudando no desempenho. (:

Bateria: na medida para um dia inteiro

  • Pontos positivos: aguentou um dia de uso normal
  • Pontos negativos: precisou ser recarregada assim que cheguei em casa

Deu para usar um dia normal, escutando música na ida e volta aqui do Zoom. Diferente do iPhone e outros aparelhos que já testei, a entrada P2 está presente nesse celular e pude deixar os fones de ouvido Bluetooth também guardados por um dia.

Mas se você quer ainda mais autonomia, vale investir um pouco mais na comprar do Moto G7 Power, que tem capacidade de 5.000 mAh.

Por falar em som, não recomendo utilizar o aparelho como caixinha de som por dois motivos: não é estéreo e isso faz a bateria acabar mais rápido.

Conclusão: Moto G7 Play vale a pena ou não?

Depende de quem for utilizar.

Curti bastante a pegada compacta do aparelho e me fez muitas vezes acreditar (exceção na hora de tirar fotos) que um celular mais básico como o Moto G7 Play é o suficiente para o dia a dia: acessar as redes sociais, joguinhos básicos e escutar uma música enquanto volto do trabalho.

O Moto G7 Play é um celular básico, com boa autonomia de bateria e entrada para dois chips, capaz de atender perfeitamente a minha mãe ou minha tia, mas que para mim, heavy user do Instagram (@albrtorocha) e outros aplicativos mais pesados, não é a opção mais indicada.

Mas se você é o tipo de pessoa que tira fotos bem casuais e registros mais rápidos como aquela fotinha do aniversário do filho(a), o Moto G7 Play é capaz de tirar fotos com qualidade aceitável na câmera traseira. Olha só aqui esse exemplo:

Moto G7 Play é bom para tirar fotos casuais, mas só com a traseira / Foto: Beto Rocha

Apesar do resultado não ter me agradado nas fotos, foi dentro do esperado, considerando que o foco desse aparelho aqui não é a fotografia, mas sim o custo/benefício.

Tem alguma dúvida sobre o Moto G7 Play que não expliquei aqui? É só me enviar um e-mail que terei o maior prazer em ajudar! (:

Ficha técnica do Moto G7 Play:

  • Tela de 5,7 polegadas HD+ Max Vision (19:9)
  • Processador Qualcomm Snapdragon 632 (octa-core de até 1,8 GHz)
  • Memória RAM de 2 GB
  • Armazenamento de 32 GB (expansível via microSD)
  • Câmera frontal de 8 MP (f/2.2)
  • Câmera traseira de 13 MP (f/2.0)
  • Bateria de 3.000 mAh

Compare os preços do Moto G7 Play aqui no Zoom:

Veja também análise em vídeo do Moto G7 Play:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone