SSD NVMe: o que é essa tecnologia e quais suas vantagens?

O SSD NVMe é a forma mais avançada de armazenamento para computadores e notebooks domésticos. Entenda o que ela é e como funciona

Filipe SallesRedator

Publicado e atualizado 6 min. de leitura.

Compartilhe:

Os HDs foram a única unidade de armazenamento para computadores (sem contar disquetes, CDs e pendrives, que são periféricos) por décadas. Uma das poucas peças mecânicas em um computador, o HD vem aos poucos sendo substituído pelos SSDs. A diferença entre eles ainda causa certa confusão, e por isso temos artigos que comparam HD e SSD. Até o momento em que chegou o SSD NVMe para confundir ainda mais.

Mas, calma, as diferenças entre um SSD NVMe e um SSD Sata III são poucas e fáceis de compreender. De maneira muito resumida, um SSD M2 NVMe pode ser quase sete vezes mais rápido que um SSD Sata III, que por sua vez é cerca de 10 vezes mais ágil do que um HD convencional.

Como uma peça consegue essa velocidade tão absurda? Essa é a pergunta que vamos responder. Mas, antes, deixa uma aba separada para ler este artigo completo mostrando o que é um SSD.

Leia também no Zoom:

O que é NVMe?

Sigla para Non-Volatile Memory Express, que significa Memória Expressa Não Volátil em inglês. A memória não volátil é, simplesmente, o tipo de memória que não se apaga após o computador se desligar. Ou seja, é uma tecnologia referente a um disco de armazenamento.

Uma confusão comum, no entanto, é achar que o NVMe é um padrão físico de SSD. Ou seja, acreditar que um SSD NVMe parece diferente de um SSD SATA ou PCI Express é um engano bem comum. Na verdade, a tecnologia de NVMe se refere ao software instalado no SSD, não à forma como ele foi construído.

Será que esse é um SSD NVMe? Teríamos de olhar na caixa ou instalá-lo para saber! (Fonte: Sandisk/Divulgação)
Será que esse é um SSD NVMe? Teríamos de olhar na caixa ou instalá-lo para saber! (Fonte: Sandisk/Divulgação)

Como funciona o NVMe?

Agora que já sabemos que o NVMe não tem nada a ver com a construção do SSD ou o conector que ele usa, como funciona um SSD NVMe?

A tecnologia não foi feita para aumentar a performance do SSD. Ou seja, ele não aumenta a velocidade do disco em si. Na verdade, o que torna o SSD com essa tecnologia mais rápido é que o NVMe otimiza o caminho que o computador leva entre o seu comando e o acesso ou escrita do arquivo.

É como se o SSD fosse o seu carro e o NVMe uma estrada pavimentada recentemente. Ou seja, você pode correr no máximo da velocidade porque a pista não oferecerá nenhuma resistência. Tecnologias mais antigas como o AHCI, usado nos HDs, seriam uma estrada de barro, que não permitiria seu carro correr o máximo que ele pode.

Por que um SSD NVMe é melhor que um SSD Sata?

Como mencionamos antes, o NVMe não se compara ao Sata dessa maneira. É perfeitamente possível que o seu SSD NVMe também seja Sata, inclusive.

Por outro lado, o mais comum é que a tecnologia esteja presente nos SSD M2 NVMe, que são menores, mas compatíveis com versões mais recentes do NVMe. Como qualquer software, o NVMe recebe atualizações e melhorias que são implementadas nos SSDs mais recentes.

Nesse caso, então, o mais correto é dizer que o SSD M2 é melhor que um SSD Sata, por já ter um padrão mais avançado e compatível com as edições mais recentes do NVMe. A tecnologia também é compatível com SSD de conector PCI Express.

Para comparar melhor, um SSD SATA III atualmente possui velocidade de leitura de cerca de 550mb/s, dependendo do modelo. Já um SSD NVMe possui cerca de 3500mb/s. Com essa velocidade, é capaz do SSD ligar o seu Windows antes mesmo de você tirar o dedo do botão de ligar.

Saiba mais sobre computadores e suas peças aqui no Zoom:

5 vantagens em usar um SSD NVMe

  • Velocidade de 2 a 7 vezes mais rápida que SSDs de outro padrão
  • Velocidade quase 20 vezes maior que a de um HD convencional
  • O SSD M2 NVMe ocupa menos espaço do gabinete e da placa-mãe
  • O Windows abre quase instantaneamente
  • Excelente para trabalhar com ciência de dados

5 modelos de SSD NVMe que você pode encontrar no Zoom

Agora que você já entendeu a velocidade incrível que essa tecnologia possibilita em seu disco de armazenamento, que tal conhecer alguns dos principais modelos de SSD NVMe? Confira a seguir!

Adata XPG SX6000 Lite

Modelo mais econômico de SSD NVMe da Adata (Fonte: Adata/Divulgação)
Modelo mais econômico de SSD NVMe da Adata (Fonte: Adata/Divulgação)

Um dos modelos mais simples de SSD NVMe, esse produto da Adata traz 256GB de armazenamento e entrada M2. Sua velocidade de leitura e gravação é de 1800mb/s e 900mb/s, respectivamente. Ela não é tão alta quanto a da maioria dos outros SSDs, mas ainda assim pode te impressionar bastante, especialmente se está migrando de um computador com HD.

Confira ofertas do SSD Adata XPG SX6000 Lite no Zoom!

Corsair Force Series MP510

Outra alternativa de SSD NVMe econômica, esse modelo apresenta um pouco mais de velocidade (Fonte: Divulgação/Corsair)
Outra alternativa de SSD NVMe econômica, esse modelo apresenta um pouco mais de velocidade (Fonte: Divulgação/Corsair)

Outro SSD NVMe com conector M2, o Corsair Force Series MP510 tem uma boa vantagem em relação ao anterior, já que traz maior velocidade de leitura e gravação. Com 3100mb/s para ler arquivos e 1050mb/s para escrever novos arquivos no SSD, ele peca apenas por ter um pouco menos de capacidade, com 240GB.

Conheça as ofertas do Corsair Force Series MP510 no Zoom!

Kingston A2000

Uma das vantagens dos SSD M2 NVMe é que eles são muito compactos (Fonte: Divulgação/Kingston)
Uma das vantagens dos SSD M2 NVMe é que eles são muito compactos (Fonte: Divulgação/Kingston)

Com maior capacidade e oferecendo 500GB para armazenar seus programas e arquivos, esse modelo da Kingston é tão fino que parece um pendrive. Além disso, a velocidade de leitura e gravação continuam sendo destaques por conta do NVMe.

Enquanto os modelos anteriores apresentam grande diferença nas velocidades, o A2000 da Kingston é mais equilibrado. Sua leitura é de 2.200mb/s e a de gravação é de 2.000mb/s. Vale notar também que o A2000 também conta com modelos com 256GB e também 1TB de armazenamento.

Confira as ofertas do SSD NVMe Kingston A2000 aqui no Zoom!

Adata XPG Gammix S5

O segundo SSD NVMe da Adata traz melhor velocidade e armazenamento (Fonte: Divulgação/Adata)
O segundo SSD NVMe da Adata traz melhor velocidade e armazenamento (Fonte: Divulgação/Adata)

Com velocidades parecidas ao do modelo da Kingston, o Adata XPG Gammix S5 abre arquivos a 2100mb/s, mas os grava a 1500mb/s. Ainda assim, sempre vale lembrar que, mesmo que a velocidade seja menor, ela ainda é muito alta. O Gammix S5 conta com conector M.2 e sua capacidade de armazenamento é de 1TB.

Veja mais sobre o Adata XPG Gammix S5 nas ofertas do Zoom!

WD Black SN750

O SSD da WD Black é o mais robusto da lista, mas ainda há opções mais velozes! (Fonte: Divulgação/WD Black)
O SSD da WD Black é o mais robusto da lista, mas ainda há opções mais velozes! (Fonte: Divulgação/WD Black)

Fechando nossa lista de SSD NVMe temos o modelo SN750 da WD Black, com uma das maiores velocidades de gravação e leitura dessa lista. Para ter noção, ele abre arquivos a 3.470mb/s. Para entender o quanto essa velocidade é alta, imagine que esse SSD NVMe é capaz de abrir um jogo de 3GB em menos de um segundo.

A velocidade de gravação também é alta, gravando 3.000mb/s. Ou seja, esse mesmo jogo de 3GB é instalado no seu computador em apenas um segundo. Vale considerar que esse modelo possui versões de 1TB ou 2TB de armazenamento. Com ele, não é necessário investir em outro SSD ou HD.

Confira as ofertas do WD Black SN750 no Zoom agora mesmo!