Zoom indica em Livros

Livros para o ENEM: veja opções para estudar Português e Literatura

O ENEM 2018 está chegando! Conheça os melhores livros para estudar para a prova e se dar bem em Linguagem.

livros enem
por Luiza Ramalho - Especialista em Livros e Música.

Mesmo que a leitura de livros não seja obrigatória para realizar a prova do Exame Nacional do Ensino Médio, uma boa dica para estudar para o ENEM é saber que questões abordando conceitos intrínsecos nas obras mais famosas dos autores sempre são elaboradas todos os anos, a fim de avaliar o conhecimento dos candidatos sobre literatura.

Sendo o ENEM o maior processo seletivo para ingresso nas universidades do Brasil, uma pergunta mal respondida pode ser crucial para a classificação do candidato.

Apesar disso, a equipe organizadora da prova nunca revela quais livros realmente embasarão essas perguntas e, por isso, analisamos provas anteriores, obras de destaque e selecionamos esses livros para que você consiga se preparar para o ENEM 2018. Confira!

Modernismo

Os modernistas de todas as fases são os preferidos para embasar as questões do ENEM. O tema é recorrente principalmente pela Semana de Arte Moderna de 1922, que revolucionou a literatura e a arte do Brasil.

As obras de Carlos Drummond de Andrade são as mais requisitadas para a prova, com destaque para A rosa do povo (1945) e Alguma Poesia (1930). Mas é preciso estudar também autores como Clarice Lispector, Manuel Bandeira, Guimarães Rosa, Mario de Andrade e Oswald de Andrade.

O conceito do modernismo é abrangente e, por isso, não deixe de conhecer as obras de Anita Malfatti e Tarsila do Amaral. Seguem os livros mais pedidos:

Realismo e Romantismo

Joaquim Maria Machado de Assis, ou apenas Machado de Assis, é o representante do realismo/romantismo, considerado por muitos críticos e estudiosos um dos maiores nomes da literatura do Brasil.

Por isso, não há prova do ENEM que não tenha uma questão de suas obras. As mais pedidas do autor são Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881) e Dom Casmurro (1900).

Mas, além dele, o acervo desse movimento literário abrange clássicos que não podem ficar de fora dos estudos dos candidatos do ENEM. Entre eles, destacamos:

Como a literatura internacional também pode ser requisitada, não deixe de conferir obras do português Eça de Queiroz. O autor escreveu romances de importância reconhecida mundialmente, como Os Maias (1888), O Crime do Padre Amaro (1875) e Cidade e as Serras (1901).

Simbolismo e literatura contemporânea

Já nesse movimento, vale a pena se ligar nos poetas Cruz e SousaAugusto dos Anjos e Cecília Meireles que, apesar de modernista, possui muitas obras com influência do simbolismo. Dela, já apareceu no ENEM o poema “Cântico VI”.

No ENEM ainda podem ser cobradas questões com referências mais atuais e autores contemporâneos, como Rubem BragaRubem Fonseca e Luiz Fernando Verissimo.

Agora você já conferiu os principais livros para o ENEM. Com que frequência mantém seus estudos ou lê livros? Confira nossa lista com os 35 melhores livros para ler em 2018!

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em livros