Zoom indica em Livros

Ficção Científica: conheça 9 dos melhores livros já publicados

De viagens espaciais a governos autoritários, confira nossa lista com 9 livros de ficção científica.

Livros
por Luiza Ramalho - Especialista em Livros e Música.

Quem gosta de histórias criativas e inovadoras com certeza curte ler livros de ficção científica. Neles os autores misturam descobertas da ciência e seus possíveis desdobramentos com a realidade, contribuindo, inclusive, para debates atuais sobre a sociedade e as relações presentes nela.

Pensando nisso, preparamos uma lista com 9 dos melhores livros de ficção científica que todo nerd de respeito deve ler! Dê um Zoom!

Uma trilogia de cinco livros: O Guia do Mochileiro das Galáxias

Se você gosta de histórias bem explicadinhas, onde tudo faz sentido, fuja desse livro! Nele acompanhamos a história de Arthur Dent, um cidadão comum inglês que tem sua casa demolida para passar uma via expressa. Mas isso não é problema, já que o planeta Terra será destruído para passar uma via expressa hiperespacial.

Não entendeu nada? Nem tente! Apenas se divirta com essa história de outro mundo em um universo totalmente bizarro (no bom sentido) que Douglas Adams criou. Na edição definitiva, a trilogia de cinco livros (vá acostumando com a falta de sentido) é reunida pela primeira vez. Você pode ter todos os livros em um só, numa edição lindona feita pela Arqueiro.

Clique aqui e saiba mais sobre o Dia da Toalha e O Guia do Mochileiro das Galáxias

Título original The Hitchhiker's Guide to the Galaxy
Autor Douglas Adams
Tradução Carlos Irineu da Costa, Marcia Heloisa Amarante Gonçalves e Paulo Henriques Britto
Editora Arqueiro
Número de páginas 672
Primeira publicação 1979

Ficção científica e política? Temos: 1984, de George Orwell

O livro é de 1949, mas sua história continua incrivelmente atual. 1984 é uma das mais importantes distopias escritas no século XX. Não é a toa que seu alcance de público foi extraordinário e continua a surtir efeitos até hoje. A obra, apesar de ser uma ficção científica, é capaz de nos deixar pensando que aquilo tudo nunca esteve muito longe de acontecer, nem em 1949, nem hoje.

Você já deve ter ouvido falar do Grande Irmão, ou Big Brother. Esse é o personagem principal da obra prima de George Orwell e representa um governo autoritário que está sempre de olho na população. As teletelas estão presentes em todos os lugares, observando os movimentos de cada cidadão. O livre arbítrio não existe mais, a verdade é manipulada, assim como os pensamentos.

Leia mais sobre a obra: 1984 - obra de George Orwell completa 70 anos em 2019

Título original Nineteen Eighty-Four
Autor George Orwell
Tradução Heloisa Jahn, Alexandre Hubner 
Editora Companhia das Letras 
Número de páginas 416 
Primeira publicação 1949 

A primeira ficção científica: Frankenstein

O que acontece quando uma jovem de 19 anos é desafiada por um dos maiores poetas da história, Lord Byron, a escrever uma história aterrorizante? Assim nasceu Frankenstein, considerada a primeira história de ficção científica escrita. Mary Shelley podia até ser jovem, mas sua mente já voava por mundos nunca antes explorados.

Isso a permitiu dar vida a um dos mais temidos monstros da literatura, criado pelo cientista Victor Frankenstein, a partir de corpos mortos que ele desenterrava dos cemitérios. A criatura nos assusta, mas também nos instiga. Por essas e outras, Frankenstein é um livro que não pode faltar na sua estante, nem na sua comemoração do Dia da Toalha.

Título original Frankenstein
Autora Mary Shelley
Editora Darkside
Número de páginas 304
Primeira publicação 1818

A estética cyberpunk de Neuromancer

Nerd que é Nerd já se aventurou pelo mundo “high tech, low life” do cyberpunk. Com cowboys do espaço e um universo virtual muito antes do advento da internet, Neuromancer desenhou uma estética diferente, que serviu de inspiração para muitas obras posteriores. Se você é fã de Matrix, agradeça a esse livro!

Em Neuromancer, William Gibson nos apresenta Case, uma espécie de hacker, que é impedido de entrar no mundo virtual e tem que se virar no mundo real. A percepção da realidade vai mexer com a cabeça do cowboy do espaço e com a nossa também. É um livro denso, mas muito interessante!

Título original Neuromancer 
Autor William Gibson
Tradução Fábio Fernandes
Editora Aleph
Número de páginas 304 
Primeira publicação 1984 

Entre no pessimismo de Admirável Mundo Novo

Crianças criadas em laboratório, sociedade separada em castas, cada uma com sua função que não pode ser modificada, pessoas se aliviando com uma droga chamada Soma. Tudo isso está presente no admirável mundo novo que Aldous Huxley construiu e nos apresenta com maestria.

Nesta ficção científica, conhecemos a sociedade perfeita, mas que, vista de perto, não é tão perfeita assim. Tudo é sintético e o pessimismo impera. Junto com 1984, Admirável Mundo Novo é um exemplo marcante da descrição de governos autoritários. Leitura obrigatória para os fãs do gênero!

Título original Brave New World
Autor Aldous Huxley
Editora Biblioteca Azul 
Número de páginas 312 
Primeira publicação 1932 

Aniquilação: o subgênero New Weird

O livro ficou mais conhecido com a adaptação cinematográfica produzida pela Netflix. Em Aniquilação, primeiro livro da trilogia Comando Sul, de Jeff Vandermeer, acompanhamos a missão de uma bióloga (junto com uma antropóloga, uma psicóloga e uma topógrafa) desvendando os mistérios da Área X, um lugar isolado, onde a natureza selvagem tomou conta.

Aniquilação faz parte de um subgênero da ficção científica e fantasia chamado New Weird. Os acontecimentos narrados causam estranhamento, não são muito claros, chegando a ser bizarros em alguns casos. Com uma narrativa entrecortada, não é uma obra fácil de ler, mas quem se aventurar pelas páginas não vai se arrepender!

Título original Annihilation 
Autor Jeff Vandermeer
Editora Intrínseca
Número de páginas 200
Primeira publicação 2014

O Homem do Castelo Alto e a realidade alternativa

Já imaginou como seria o mundo se a Segunda Guerra Mundial tivesse sido ganha pelos Nazistas? Philip K. Dick nos dá uma ideia em O Homem do Castelo Alto. Alemanha e Japão dominam a sociedade, os judeus só conseguem sobreviver com nomes falsos e os negros voltam a ser escravizados.

Em um mundo cercado por terrores, nós entramos de cabeça nos dramas vividos pelos personagens. Apesar de ser uma obra de ficção científica, é voltada para o lado humano.

Philip K. Dick é um gênio da fantasia. Ele consegue descrever mundos absolutamente críveis, fazendo parecer que somos parte de tudo aquilo. Nesse caso, ele utiliza do passado para criar um futuro distópico levando a reflexão sobre o que de fato é a realidade.

Título original The Man in the High Castle
Autor Philip K. Dick
Tradução Fábio Fernandes
Editora Aleph
Número de páginas 304
Primeira publicação 1962

Obra prima de Isaac Asimov: Trilogia da Fundação

Composta por 3 livros (Fundação, Fundação e Império e Segunda Fundação), a Trilogia da Fundação foi eleita a melhor obra de ficção científica e fantasia de todos os tempos. Só por isso já bastaria estar em sua estante, mas calma que tem mais!

A Aleph caprichou na edição que trouxe para o Brasil. Além de uma obra super importante para o gênero, você ainda vai ter uma obra gráfica muito competente! Quem já é fã de carteirinha de ficção científica, vai reconhecer várias passagens que inspiraram obras posteriores.

Saiba mais sobre o autor: Isaac Asimov - conheça os livros do autor de Fundação

Título original Foundation
Autor Isaac Asimov
Tradução Fábio Fernandes
Editora Aleph
Número de páginas 728
Primeira publicação 1951

Guerra do Velho: é mais do que uma guerra no espaço

John Scalzi é um dos nomes que se destacam na ficção científica contemporânea. Guerra do Velho foi seu romance de estreia, mas depois dele já vieram Encarcerados e Head On, que ainda não recebeu tradução. O autor tem uma escrita bem característica, rápida e divertida.

Nessa obra, por exemplo, a humanidade entra em guerra com os alienígenas para conquistar os poucos planetas habitáveis que ainda estão disponíveis. Para se alistar ao exército, no entanto, é preciso ter mais de 75 anos. Prepare-se para descobrir como isso é possível por meio de novas tecnologias e dinamismo.

Título original Old Man's War
Autor John Scalzi
Tradução Petê Rissatti
Editora Aleph
Número de páginas 368
Primeira publicação 2005

Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em livros