Zoom indica em Livros

Os 10 Melhores Livros de J. R. R. Tolkien

Descubra quais histórias serão responsáveis pelas suas próximas aquisições de livros!

Melhores Livros de J. R. R. Tolkien
por Luiza Ramalho - Especialista em Livros e Música.

Não dá para pensar em livros de fantasia sem lembrar de John Ronald Reuel Tolkien (J. R. R. Tolkien), conhecido internacionalmente por suas obras consagradas — muitas traduzidas para mais de trinta idiomas!

Sua imaginação para criar histórias incríveis teve forte influência dos contos de fadas que ouvia de sua mãe quando criança. Com tamanho sucesso, não é à toa que o escritor é considerado pai da literatura fantástica e um dos autores mais bem-sucedidos de todos os tempos.

Se você está pensando em conhecer mais sobre o autor e a sua obra de fantasia, confira uma lista com os 10 melhores livros de Tolkien!

1. O Senhor dos Anéis

Nada melhor que começar com a trilogia mais famosa do escritor britânico: O Senhor dos Anéis. Provavelmente você faz parte do grupo de pessoas que viu as versões para o cinema inúmeras vezes. São filmes imortais, que influenciaram e continuarão influenciando gerações. Quem é fã não pode abrir mão de todos os títulos:

  • A Sociedade do Anel: na fantástica Terra-Média, o hobbit Frodo tem a missão de destruir um anel mágico antes que chegue às mãos do mal. Para isso, precisará trilhar um caminho árduo ao lado de outros hobbits, um elfo, um mago, um anão e dois humanos.
  • As Duas Torres: a sociedade do anel é dissolvida após a captura de Merry e Pippin pelos orcs. Frodo e Sam seguem a jornada para destruir o anel, enquanto Aragorn, Gimli e Legolas vão ao resgate dos hobbits sequestrados.
  • O Retorno do Rei: para conter o ataque de Sauron, Gandalf e Pippin partem para Tirith, capital de Gondor. Theoden reúne um exército, enquanto Frodo, Sam e Golum seguem a viagem para destruir o anel.

2. O Hobbit

Outro título bastante conhecido, O Hobbit foi publicado em 1937 e é considerado um clássico da literatura infantil.

Conta a história de Bilbo Bolseiro, cuja vida muda totalmente quando se une ao mago Gandalf e mais treze anões em uma jornada para recuperar um tesouro roubado. O percurso é repleto de perigos e, no fim, Bilbo precisa encarar o mais terrível dragão da Terra-Média.

3. Os Filhos de Húrin

Em Os Filhos de Húrin a história é ambientada em tempos anteriores ao da saga mais famosa de Tolkien. No livro, o leitor acompanha a trajetória dos irmãos Túrin e Niemor, que, após verem seu pai envolto em uma maldição lançada por Morgoth, terão seus destinos tragicamente traçados.

Glaurung, servo de Morgoth que assume a forma de um dragão sem asas, é um dos perigos que acompanham os protagonistas.

4. O Silmarillion

Essa coletânea de obras literárias não pode faltar na coleção de quem ama livros de fantasia. Ela é dividida em cinco partes e composta por 24 capítulos. Inclusive, a história dos filhos de Húrin é brevemente contada em algumas das páginas.

Tolkien trabalhou nos textos de Silmarillion ao longo de toda a sua vida. São lendas de um passado remoto, ligadas às três gemas perfeitas criadas pelo mais talentoso dos elfos.

5. A Queda de Artur

É a única incursão do escritor nas famosas lendas do Rei Artur. A obra narra a expedição do protagonista até longínquas terras selvagens, descreve o traidor Mordred e cita as dúvidas que rodeavam Lancelot em seu castelo francês.

A Queda de Artur traz detalhes da fuga de Guinevere de Camelot e da batalha naval ocorrida no retorno de Artur à Grã-Bretanha.

6. Beowulf

O livro traz um poema épico com mais de 3 mil linhas, escrito em língua anglo-saxã. As páginas contam eventos ocorridos na região da Escandinávia, com foco no herói da tribo dos gautas, Beowulf.

Com sua força excepcional, o protagonista precisa livrar os dinamarqueses da ameaça de monstros diabólicos e combater um dragão.

7. A História de Kullervo

A História de Kullervo entra na lista de melhores livros de Tolkien por trazer um dos personagens mais sombrios das obras do escritor. Kullervo é um menino órfão criado na propriedade de Untamo, mago responsável pela captura de sua mãe e pela morte de seu pai.

O protagonista tem poderes sobrenaturais e conta apenas com o amor de sua irmã gêmea Wanona, além de ser protegido pelo cão negro Musti. Ele jura vingança contra o mago, mas perceberá que um destino cruel o aguarda.

8. As Aventuras de Tom Bombadil

A obra contém dois poemas com linguagens diferentes para aproximar ainda mais o leitor da complexa poesia tolkieniana. A edição bilíngue de As Aventuras de Tom Bombadil é dividida em três partes: além do texto original do poema de Tolkien, o livro traz duas traduções para o português.

A primeira parte é do renomado poeta William Guedes, enquanto a segunda pertence a Ronald Kyrmse, um especialista da obra de Tolkien. O original em inglês é reproduzido integralmente na última parte do livro.

9. Beren e Lúthien

Tolkien se inspirou em sua esposa, Edith Bratt, ao criar a história de amor presente em Beren e Lúthien. O livro mostra a relação do mortal Beren com a donzela imortal Lúthien, apontada como uma das mais belas princesas élficas.

O romance entre os personagens é condenado desde o início por causa de algumas incompatibilidades. Lúthien é de linhagem real, enquanto Beren é retratado como um simples mortal fora da lei, sem pai e exilado pela própria raça.

10. A Queda de Gondolin

A Queda de Gondolin é o último trabalho feito por Christopher Tolkien, filho que atua com os manuscritos deixados pelo autor. A história conta a jornada de Tuor até Gondolin, uma cidade secreta utilizada como refúgio élfico para o povo do Rei Turgon.

Grande parte da narrativa aborda o momento em que Morgoth, o inimigo sombrio, lança seu exército de seres malévolos contra a cidade.

 

E aí, já sabe quais obras entre os melhores livros de Tolkien merecem compor a sua estante de literatura fantástica? Aproveite as sugestões e faça ótimas escolhas!

Confira também nossa lista com os 35 melhores livros para ler em 2018!

Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em livros