The Sero: a smart TV vertical da Samsung vale a pena?

Analisamos a ficha técnica da TV QLED 4K que se adapta a diferentes formatos de conteúdo

Gabrielle NunesEditor(a)

Publicado e atualizado 4 min. de leitura.

Compartilhe:

Já imaginou ter uma TV vertical? Depois de décadas assistindo a televisões fabricadas na horizontal, pode parecer impossível ver uma TV "em pé", mas foi isso mesmo que a Samsung fez. The Sero é uma TV vertical, no formato das redes sociais. Mas não precisa se preocupar: ela adapta sua forma de exibição para atender ao formato do conteúdo assistido.

Então, se o objetivo é criar um ambiente de cinema, The Sero pode ser usada na horizontal para garantir uma maior imersão no filme. Quer conhecer mais sobre essa TV QLED 4K da Samsung? A gente fez uma análise dos principais pontos da ficha técnica do aparelho, confira.

Fique por dentro das atualizações para 2021 de The Frame, a TV Samsung que vira obra de arte.

Ficha técnica da Samsung The Sero:

  • Tela QLED com resolução 4K
  • Frequência de 60Hz
  • 3 entradas HDMI e 2 USB
  • Conversor Digital e Wi-Fi Integrado
  • Conexões Wi-Fi e LAN
  • Potência do áudio: 60W 4.1ch
  • Sistema operacional Tizen
  • Dimensões: 564,7 x 1228,1 x 83,4 mm (sem o suporte)
  • Peso: 26 kg (sem o suporte)
A smart TV Samsung The Sero gira para se adaptar ao formato do conteúdo (Imagem: Divulgação/Samsung)
A smart TV Samsung The Sero gira para se adaptar ao formato do conteúdo (Imagem: Divulgação/Samsung)

Design e tela

The Sero tem um design revolucionário no mercado de smart TVs. Ela foi pensada pela Samsung para que sua tela se adapte ao tipo de conteúdo assistido. Por exemplo, se você quiser assistir os stories dos seus amigos no Instagram ou vídeos no TikTok, o formato na vertical faz com que essa TV seja mais indicada do que qualquer outra.

Mas, para assistir seus filmes e séries favoritos com alta qualidade de imagem, é só voltar The Sero para a posição horizontal. A tela QLED com resolução 4K garante excelente qualidade, com contraste entre as imagens, cores vívidas e reais e, é claro, tons escuros mais puros. Com o aprimoramento de imagem, a TV Samsung transforma conteúdos com qualidade mais baixa em o mais próximo de 4K.

Além disso, essa smart TV Samsung tem cinco modos para se integrar ao ambiente quando não está sendo usada: poster, relógio, parede de som, foto ou cinema. Com eles, você pode exibir fotos, obras de arte ou mesmo um relógio quando The Sero estiver desligada.

Quer saber a diferença entre as telas LCD, LED, QLED e OLED? A gente te explica aqui nesse artigo.

Sistema operacional

As smart TVs da Samsung utilizam o sistema operacional próprio da companhia, chamado Tizen. Por isso, The Sero já vem com os principais aplicativos de streaming instalados, como Netflix, Prime Video, Globoplay e Youtube.

Feita para transmitir o conteúdo do seu celular na tela grande, The Sero tem o app Smart Things, que permite conectar a TV com o smartphone apenas tocando o aparelho em sua lateral. Esse aplicativo também permite controlar outros dispositivos inteligentes da sua casa diretamente pela smart TV.

Para os usuários da Apple, você também pode transmitir o conteúdo do seu iPhone ou iPad na tela da TV usando AirPlay 2.

Confira como assistir suas séries e filmes favoritos da Netflix na sua smart TV.

The Sero também pode ser usada na vertical (Imagem: Divulgação/Samsung)
The Sero também pode ser usada na vertical (Imagem: Divulgação/Samsung)

Áudio

O sistema de áudio inclui quatro canais que somam 60W de potência, mais que a maior parte das smart TVs top de linha no mercado. Essa potência, que já é mais que suficiente para ambiente médios e grandes, fica ainda melhor com a tecnologia Dolby Digital Plus, garantindo experiência de cinema em casa. Se, ainda assim, quiser um som mais potente, você pode utilizar um home theater ou soundbars.

The Sero também vem com Inteligência de Som Antirruído, que ajuda a eliminar ruídos para melhorar a experiência. Seu Amplificador de Voz analisa o barulho no ambiente e usa inteligência artificial para aumentar as vozes na cena, garantindo que você ouça os diálogos com clareza.

Descubra os prós e contras de usar soundbars para amplificar o som da sua smart TV.

Recursos extras

O grande diferencial da The Sero é girar para adaptar seu formato ao tipo de conteúdo que está sendo exibido. Isso garante uma melhor conexão com seu smartphone, para transmitir as redes sociais ou o que você preferir na tela grande.

The Sero também tem sensor de luminosidade inteligente, que se adapta automaticamente de acordo com o nível de luz do ambiente. Além disso, a smart TV Samsung tem integração a múltiplos assistentes virtuais: você pode escolher entre a Bixby, da própria fabricante, ou a Alexa.

Que tal ter uma TV para usar em ambientes externos? Conheça The Terrace, da Samsung.

The Sero tem cinco tipos de Modo Ambiente (Imagem: Divulgação/Samsung)
The Sero tem cinco tipos de Modo Ambiente (Imagem: Divulgação/Samsung)

Conclusão: Samsung The Sero vale a pena?

A Samsung The Frame traz tecnologias únicas que não são encontradas facilmente no mercado de smart TVs. Por isso, se você busca uma TV que se adapte ao formato dos seus conteúdos, essa é uma ótima escolha. Além disso, essa TV QLED tem design minimalista e se integra perfeitamente a qualquer ambiente.

Se o objetivo é criar um ambiente de cinema em casa, a qualidade de imagem e som de The Sero também está acima da média, mesmo entre os aparelhos de ponta. Com a tela QLED 4K e 60W de potência de som, ela é suficiente mesmo para os consumidores exigentes.

Mas é claro que tudo isso tem um preço. Atualmente, The Sero está custando a partir de R$ 8.800, um preço bem alto para uma TV de 43 polegadas. Porém, o valor se justifica pelas tecnologias presentes da smart TV Samsung. Para quem busca um aparelho top de linha e com característica únicas, The Sero vale a pena.

Quer ficar por dentro de tudo sobre smart TVs? Confira nossa página de artigos sobre TVs.