TV Samsung TU8000 vs RU7100: o que mudou de uma geração para outra?

Os dois modelos da Samsung apresentam imagens incríveis, mas o que evoluiu da versão 2019 para a 2020?

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 9 min. de leitura.

A Samsung está sempre apostando em inovações e tecnologias avançadas em seus produtos, e isso não ficou para trás em um dos seus mais recentes lançamentos, a Crystal TU8000, que faz parte da “nova categoria de TVs 4K da marca”, que inaugura o processador Crystal e aprimora ainda mais a imagem Ultra HD.

Essa nova geração chega para superar a sua tão famosa antecessora, a Samsung RU7100, que é uma das TVs mais buscadas e vendidas aqui no Zoom, por entregar imagem de qualidade aliada a um preço que cabe no bolso.

Podemos adiantar que, como já é esperado, a geração 2020 vence essa batalha, por diversos motivos. O primeiro ponto é que ela chegou ao mercado com um preço acessível, na faixa de R$2.699 (modelo de 50 polegadas), vs R$2.279 da RU7100. A qualidade das imagens ficou ainda melhor, o sistema operacional está mais fluido, além de chegar com alguns recursos que antes só eram vistos nos aparelhos QLED da marca, como o suporte à assistente pessoal, Modo Ambiente Foto e o Modo Game.

Está curioso(a) para saber mais detalhes? Então continue com a gente para ver em quais outros quesitos a Samsung TU8000 vence nessa batalha de ficha técnica!

Tela

Displays diferentes, mas com a mesma resolução

Começamos nossa análise falando dos tamanhos, que consideramos como um ponto de destaque nos dois modelos. Isso porque tanto a RU7100 quanto a TU8000 chegaram ao mercado com um leque muito grande de tamanhos, dando poder ao usuário na hora escolher o melhor modelo e preço, coisa que não vemos com frequência nos portfólios de outras marcas.

O que diferencia essas duas TVs Samsung é que o modelo de 2019 vem com mais opções, 7 no total, e com versões menores, como as de 43 e 49 polegadas, coisa que não acontece com a TU8000, já que os tamanhos começam a partir do 50. Mas, em compensação, a Crystal 4K apostou em um modelo maior, de 82 polegadas, que não faz parte do leque da sua antecessora.

Com relação à imagem, ambas apresentam resolução 4K, de 3.840 x 2.160 pixels, conhecida também como Ultra HD. No entanto, a diferença nesse quesito está no processador Crystal 4K da TV TU800, que aprimorou os níveis de cor, contraste e upscalling.

Para termos uma ideia do quão melhor é a imagem da Crystal, a própria Samsung tem uma métrica que compara a qualidade de imagens dos seus aparelhos, o PQI (Picture Quality Index). A pontuação da TV RU7100 é de 1.300 PQIs, já a TU8000 chega a 2.100 PQIs, mostrando sua superioridade.

Testamos a TU8000 a de 50 polegadas e podemos garantir que ela é capaz de entregar imagens de alta qualidade, principalmente para uma TV 4K custo-benefício. Foi possível ver detalhes, alto contraste entre tons claros e escuros, além das cores estarem bem mais próximas à realidade. De fato, esse modelo chegou para bater de frente com os concorrentes e para surpreender quem quer um aparelho moderno, mas sem gastar muito.

TV Samsung TU8000 vem com processador Crystal UHD que faz com que as imagens fiquem mais claras e próximas à realidade. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)
TV Samsung TU8000 vem com processador Crystal UHD que faz com que as imagens fiquem mais claras e próximas à realidade. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)

O display de LED VA da RU7100 garante brilho mesmo em ambientes com luminosidade, além do excelente tempo de resposta e contraste na organização dos cristais líquidos que formam as imagens. O HDR Premium, High Dynamic Range, está presente nas duas TVs Samsung, o qual intensifica as cores das cenas e aumenta o contraste entre tons claros e escuros. A tecnologia do painel de ambas também é 100% RGB, que significa a falta de subpixels brancos para garantir imagens mais próximas da realidade.

Um ponto de atenção aqui é com relação à ambientes claros e escuros. Durante os testes com a TU8000, percebemos que quando o ambiente está muito claro, a luz reflete no display e isso acaba dificultando, um pouco, a experiência de assistir à séries e filmes com cenas mais escuras. Na RU7100 temos o mesmo problema. E isso acontece porque as telas são LED, e não QLED, tecnologia que não deixa a luz refletir no display, mesmo em ambientes claros, e que está presente nos modelos mais avançados da Samsung.

Quanto à frequência, ambas apresentam taxa de atualização nativa de apenas 60 Hz, que graças à tecnologia de processamento de imagem Clear Motion Rate, pode ser elevada a 120Hz. Ou seja, elas não estão isentas de possíveis “engasgadas” nos momentos mais agitados de filmes de ação ou de games.

Design

Evolução do design de bordas ultrafinas a bordas infinitas

Outra novidade do modelo 4K 2020 da Samsung é o design de bordas infinitas. Devido à essa evolução, a Crystal UHD tem o display mais fino da categoria, de acordo com a fabricante, e ainda vem com a famosa “tela infinita”, denominação bem conhecida quando nos referimos aos smartphones Samsung, capaz de proporcionar maior imersão no conteúdo que está sendo reproduzido. As dimensões da tela de 50 polegadas com os pés da base são de 1116.8 x 719.1 x 250.2 mm.

Já a TV Samsung RU7100 tem o design Slim com bordas finas e acabamento preciso, que contribui para um ambiente sofisticado e elegante. As dimensões da tela de 50 polegadas com a base são de 1124.8 x 728.8 x 261.3 mm, alguns milímetros a mais que a nova Crystal UDH.

O visual livre de cabos está presente em ambos os modelos e elimina os perigos de ter fios emaranhados. Os cabos que estão conectados na parte traseira do aparelho passam por canaletas escondidas no suporte, que garantem um visual mais clean ao ambiente. Elas estão disponíveis na cor preta, sem efeito luminoso.

Visual livre de cabos pode ser visto tanto na Samsung TU8000 quanto na Samsung RU7100. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)
Visual livre de cabos pode ser visto tanto na Samsung TU8000 quanto na Samsung RU7100. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)

Desempenho

TU8000 chega com sistema operacional mais fluido e múltiplos assistentes pessoais

O sistema operacional Tizen é exclusivo da Samsung e acompanha todas as smart TVs da marca. Ele tem a plataforma baseada no Linux, e suas qualidades incluem uma interface intuitiva, barra inferior “enxuta” que exibe recomendações personalizadas e conteúdos recentes, como canal de TV, fonte de sinal e aplicativos.

Falando em aplicativos, a nova versão do Tizen para a Crystal TU8000 trouxe algumas melhorias no layout, com ícones um pouco menores e tema mais escuro. Aplicativos como Netflix, Amazon Prime Video, Apple TV+, YouTube e Globoplay já vêm pré-instalados, e você ainda encontra diversas opções para download na loja da Samsung.

Mas a novidade maior fica no campo da inteligência artificial e os múltiplos assistentes pessoais disponíveis que vão facilitar a vida. Enquanto a RU7100 não traz essa tecnologia, a TU8000 te possibilita escolher entre a Alexa e a Bixby. Para conversar com ambas, basta apertar o botão com o ícone do microfone no controle remoto que ela vai atender aos mais diversos comandos.

Durante os testes com a TU8000, a Alexa apresentou alguns problemas. A partir da terceira semana de uso, ela começou a não responder mais à diversos comandos. Por exemplo: quando pedíamos para ela aumentar ou abaixar o volume da TV, funcionava, porém quando pedíamos para mudar de canal (dentro da TV a Cabo - no caso dos testes utilizamos a Net Cabo), ela dizia mudar mesmo sem ter realizado o comando. Em alguns dias, inclusive, a Alexa não respondeu a nenhum direcionamento que lhe dávamos.

Entramos em contato com a Samsung e, segundo eles, uma possível explicação é se tratar de um problema apenas do produto que testamos, já que não tiveram outros relatos similares. Também por isso, a fabricante não pode nos dar um posicionamento conclusivo sobre esta falha de funcionamento. Outro ponto é que, aparentemente, não houve atualização do software da Alexa no mês de julho/2020 - o que poderia esclarecer o ocorrido. Assim, fica o alerta: testar o comando de voz logo após adquirir os novos modelos da marca é recomendado, já que é a primeira vez que ela integra assistentes pessoais de terceiros aos seus produtos da categoria de TV.

Com relação à Bixby, ao contrário do que já acontece nos smartphones da marca, ela ainda não é capaz de responder à comandos em português nas TVs. Mas, de acordo com a Samsung, a assistente pessoal vai apresentar suporte à língua portuguesa a partir do 3º TRI deste ano, 2020. A marca ainda nos disse que, até o final do ano, o portfólio de 2020 também deve receber a Google Assistente.

Conexões

TU8000 e RU7100 têm controle remoto único e múltiplas conectividades

A Samsung oferece o recurso do Controle Remoto Único, que permite ao usuário controlar diversos aparelhos ligados via Bluetooth ou HDMI à smart TV a partir de um único controle. Entre os aparelhos compatíveis estão consoles de videogames, soundbars, TVs Box, Home Theaters, entre outros. Diferente da RU7100, a nova geração Crystal UDH traz no controle remoto uma personalização para o Brasil: o botão dedicado à Globo Play.

Tanto a Samsung RU7100 quanto a Samsung TU8000 conseguem controlar os diversos apps conectados via HDMI e USB através do Controle Remoto Único. (Imagem: Divulgação/Samsung)
Tanto a Samsung RU7100 quanto a Samsung TU8000 conseguem controlar os diversos apps conectados via HDMI e USB através do Controle Remoto Único. (Imagem: Divulgação/Samsung)

Além disso, ainda é possível mexer na TV à cabo que esteja conectada ao aparelho através do controle próprio da TV, sendo possível aumentar e abaixar volume, mudar de canal e até mesmo, com a ajuda da Alexa, pedir para “assistir a Globo”, caso você não saiba o número de canal exato.

E por falar nisso, um ponto negativo do controle, de ambos os modelos, é que ele não vem com botões numéricos, e isso pode dificultar um pouco a experiência na hora de selecionar os canais, já que você vai precisar mudar de um em um para chegar onde deseja, nos dois modelos.

Controle Remoto Único está presente em ambas TVs Samsung. Mas, o da TU8000 (na foto) vem com alguns diferenciais: botão de microfone e da GloboPlay. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)
Controle Remoto Único está presente em ambas TVs Samsung. Mas, o da TU8000 (na foto) vem com alguns diferenciais: botão de microfone e da GloboPlay. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)

Como dissemos anteriormente, no caso da TU8000 a Alexa pode te ajudar com isso, pois é possível pedir para que ela coloque no canal que deseja tanto falando o número quanto o nome (exemplo: “Alexa, mudar canal para a Globo”).

Pensadas para múltiplas conectividades, ambas TVs Samsung vem com 03 entradas HDMI, 02 entradas USB, Wi-Fi integrado, Ethernet, Bluetooth e espelhamento do smartphone para TV. Algumas formas são compatíveis com os dois modelos, como o Smart View e através do app Smart Things. Já o modelo 2020 chega com duas outras maneiras: Tap View, em que basta encostar o celular na borda da televisão para conectar, e o Apple Air Play 2, para os usuários de smartphones Apple.

O Digital Living Network Alliance é um padrão desenvolvido para facilitar o acesso à arquivos multimídia em diversos aparelhos eletrônicos de forma simplificada. A única conectividade presente na TV Samsung RU7100 que não está presente na Crystal UDH é a entrada de componentes Pb e Pr.

Áudio

TU8000 não tem grandes modificações no sistema de som, comparada com a antecessora

O sistema Dolby Digital Plus e os 20 Watts RMS de potência estão presentes tanto no modelo RU7100 de 2019, quanto na Crystal UHD de 2020. Esse limite não é considerado baixo, mas caso o ambiente apresente barulhos externos ou internos, pode existir uma dificuldade na audição do som vindo das TVs.

Uma soundbar, caixas de som ou fones de ouvido são boas opções para acompanhar esses modelos da Samsung 4K, tendo em vista a excelente conectividade do Bluetooth e as 3 entradas HDMI dos televisores.

Extras

TU8000 ainda vem com Modo Ambiente Foto, Game e Sensor Ecológico

As inovações da Samsung também são pensadas na economia da conta de energia do final do mês e soluções ecológicas. O “Sensor Ecológico” presente nas duas smart TVs da marca otimizam o brilho da tela automaticamente de acordo com a luz do ambiente, diminuindo assim o consumo.

Por falar em energia, a nova geração TU8000 tem o consumo um pouco maior que a anterior, na faixa de 145 kW/h, e ambas trazem a garantia do INMETRO com classificação A em eficiência energética.

Para quem curte videogames, ao ligar um console, a TV TU8000 ativa instantaneamente o Modo Game, que diminui o tempo de resposta e aciona funções extras, as quais não estão presentes na RU7100, que minimizam a quebra das imagens e otimizam a exposição de luz nas cenas mais escuras.

Outra novidade da Crystal 4K é o Modo Ambiente Foto, uma herança dos modelos top de linha QLED, que transformam a TV em uma galeria pessoal de imagens enquanto estiver desligada.

Modo Ambiente Foto está presente na TV Samsung TU8000. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)
Modo Ambiente Foto está presente na TV Samsung TU8000. (Imagem: Yulli Dias/Zoom)

Custo-benefício

Samsung TU8000 vs Samsung RU7100: quem vence essa batalha?

No quesito custo, a TV Samsung RU7100 apresenta preço mais em conta quando comparada com a Samsung Crystal UDH, mas nenhuma diferença exorbitante que ultrapasse 100 reais, segundo a loja online da empresa.

O que temos que levar em conta é o aumento de preço que o modelo de 2019 RU7100 sofreu nos últimos 6 meses, como podemos ver no nosso Histórico de Preços abaixo. Esse aumento está ligado ao lançamento da Crystal 4K e possivelmente às condições de distanciamento social impostas pela pandemia do COVID-19 e à alta do dólar, que faz com que os preços da maioria dos eletrônicos aumente consideravelmente.

Histórico de Preços do Zoom, presente nas páginas de produto, mostra a evolução dos valores mês a mês. (Imagem: Reprodução/Zoom)
Histórico de Preços do Zoom, presente nas páginas de produto, mostra a evolução dos valores mês a mês. (Imagem: Reprodução/Zoom)

Levando o custo-benefício em consideração, além da otimização e melhoria das tecnologias, inteligência artificial e diversos modos extras presentes, a TV Samsung TU8000 Crystal 4K é quem vence essa batalha. O novo modelo 2020 da marca é um concorrente parrudo para todas as outras as marcas, visto que é um modelo de entrada que traz tecnologias avançadas e ainda consegue manter o custo baixo.

Confira mais detalhes das TVs Samsung e compare preços:

TU8000

TU7000