Celular com câmera quádrupla: 9 smartphones para comprar em 2020

Selecionamos celulares com quatro câmeras traseiras em diversas faixas de preço. Descubra qual é o melhor para você.

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 9 min. de leitura.

Em busca de um celular com câmera quádrupla? A tendência é que em 2020, mais celulares cheguem essa característica. Por isso, o Zoom preparou para você uma lista com smartphone que já têm quatro lentes traseiras.

Fotos com 108 MP, lentes de ângulo aberto com estabilização profissional, teleobjetivas que alcançam zoom de até 100 vezes são alguns dos recursos que esses celulares podem oferecer com um conjunto maior de câmeras, dando maior versatilidade na hora de fazer o clique.

Leia também: Melhor celular para selfie em 2020: 10 modelos com câmera frontal boa

A marca que mais se destacou na nossa lista foi a Samsung, que está investindo em vários modelos com quatro câmeras para 2020, seja de celulares intermediários como o A51 ou modelos mais avançados como o Galaxy S20 Ultra

A Xiaomi também está entrando nesta “onda” e já possui opções com bom custo-benefício. A Motorola, por sua vez, ainda dá seus passos iniciais nos celulares com conjunto quádruplo. Veja a seleção completa abaixo.

O Xiaomi Redmi Note 8 é o celular com câmera quádrupla que tem menor preço da nossa lista

A Xiaomi está adotando o conjunto de quatro câmeras em seus celulares intermediários. O Redmi Note 8 é uma opção para quem quer variedade na hora de fotografar, mas sem gastar muito. Além da sua câmera principal, que tem 48 MP, ele também traz uma lente ultra-wide, lente macro e sensor de profundidade, para fotos com o Modo Retrato. Esse smartphone consegue fazer vídeos em 4K a 30fps.

O conjunto de hardware entrega um bom desempenho, principalmente comparado a outros celulares do mesmo preço. O Redmi Note 8 usa um processador Snapdragon 665, tem opções com 3, 4 ou 6 GB de memória RAM e 32, 64 ou 128 GB de memória interna.

Ficha técnica do Redmi Note 8:

  • Tela de 6,3 polegadas Full HD (19.5:9)
  • Processador: Snapdragon 665
  • Memória RAM: 3, 4 ou 6 Gb
  • Armazenamento: 32, 64 ou 128 GB, expansível via microSD
  • Câmera traseira quádrupla: 48 MP (f/1.8) + 8 MP (f/2.2) (ultra-wide) + 2 MP (f/2.4) (Macro) + 2 MP (profundidade)
  • Câmera traseira grava em 4K @ 30 fps
  • Câmera frontal: 13 MP (f/2.0)
  • Câmera frontal grava em Full HD @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.000 mAh
  • Sistema operacional: Android 9 (Pie)

O Xiaomi Redmi Note 8 Pro tem selfies panorâmicas

Se o Redmi Note 8 Pro é pouco pra você, a Xiaomi tem a versão “Pro” desta linha, com um processador melhor, maior quantidade de memória RAM e armazenamento, e câmeras com sensores melhores. Neste modelo a câmera principal possui 64 MP e consegue capturar mais detalhes que sua versão mais básica. Ela também se sai melhor em fotos de ambientes com pouca luminosidade.

O restante do conjunto acaba sendo semelhante ao Redmi Note 8, isso significa que temos uma câmera com lente ultra-wide de 8 MP, uma para macro de 2 MP e outra de 2 MP que funciona como sensor de profundidade. Sua câmera frontal também recebeu um upgradee aqui conta com 20 MP, com suporte a HDR e também à fotos panorâmicas, algo bem legal para quem quer inovar nas selfies.

Ficha técnica do Redmi Note 8 Pro:

  • Tela de 6,53 polegadas Full HD (19.5:9)
  • Processador: Mediatek Helio G90T
  • Memória RAM: 6 ou 8 GB
  • Armazenamento: 64, 128 ou 256 GB, expansível via microSD
  • Câmera traseira quádrupla: 64 MP (f/1.9) + 8 MP (f/2.2) (ultra-wide) + 2 MP (f/2.4) (Macro) + 2 MP (profundidade)
  • Câmera traseira grava em 4K @ 30 fps
  • Câmera frontal: 20 MP (f/2.0)
  • Câmera frontal grava em Full HD @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.500 mAh
  • Sistema operacional: Android 9 (Pie)

O Samsung Galaxy A51 é a evolução do Galaxy A50, um dos celulares mais buscados no Zoom

A Samsung investiu pesado no conjunto de câmeras de seus aparelhos para 2020. O A51 é um celular um pouco mais acessível para quem quer variedade em fotografia. Além de sua câmera principal de 48 MP, ele conta com mais três lentes para fotos em ângulo ultra-wide, macro (detalhes bem próximos) e no Modo Retrato.

Além do conjunto quádruplo, outro destaque desse aparelho acaba sendo sua câmera frontal que tem 32 MP, abertura f/2.2 e recurso HDR integrado. Mesmo pertencendo ao segmento intermediário, ela não deixa a desejar e consegue ótimas selfies, principalmente em ambientes claros. O Galaxy A71 tem processador Exynos 9611 4 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento, expansível via microSD de até 512 GB.

Ficha técnica do Galaxy A51:

  • Tela de 6,5 polegadas Full HD+ (20:9)
  • Processador: Exynos 9611
  • Memória RAM: 4 GB
  • Armazenamento: 128 GB, expansível em até 512 GB via microSD
  • Câmera traseira quádrupla: 48 MP (f/2.0) + 12 MP (f/2.4) (ultra-wide) + 5 MP (f/2.2) (macro) + 5 MP (profundidade)
  • Câmera traseira grava em 4K @ 30 fps
  • Câmera frontal: 32 MP (f/2.2)
  • Câmera frontal grava em Full HD @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.000 mAh
  • Sistema operacional: Android 10

O Samsung Galaxy A71 é um celular intermediário premium que tem câmera de 64 MP

No quesito câmeras, o Galaxy A71 é uma versão um pouco melhorada do A51 citado anteriormente. O sensor principal tem resolução de 64 MP e consegue fotos com bastante detalhes. Ele também conta com uma lente ultra-wide, uma lente macro e uma quarta câmera que é usada como sensor de profundidade, para fotos com fundo desfocado (Modo Retrato).

A câmera frontal tem 32 MP e recurso HDR integrado, para melhores contrastes e cores. Esse smartphone tem processador Snapdragon 730 e 6 GB de memória RAM, conjunto que rodará até apps mais exigentes sem grandes problemas.

Ficha técnica do Galaxy A71:

  • Tela de 6,7 polegadas Full HD+ (20:9)
  • Processador: Snapdragon 730
  • Memória RAM: 6 GB
  • Armazenamento: 128 GB, expansível em até 512 GB via microSD
  • Câmera traseira quádrupla: 64 MP (f/1.8) + 12 MP (f/2.2) (Ultra-wide) + 5 MP (f/2.4) (Macro) + 5 MP (profundidade)
  • Câmera traseira grava em 4K @ 30 fps
  • Câmera frontal: 32 MP (f/2.2)
  • Câmera frontal grava em Full HD @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.500 mAh
  • Sistema operacional: Android 10

O Motorola One Zoom tem lente teleobjetiva para zoom óptico de até 3 vezes

O One Zoom foi o primeiro celular da Motorola a ter um conjunto quádruplo de câmeras. A empresa apostou em um sensor de 48 MP com tecnologia Quad Pixel para a câmera principal. As outras três câmeras são de 8 MP (teleobjetiva); 16 MP para fotos de ângulo aberto (ultra-wide); e 5 MP usada apenas como sensor de profundidade. Além disso, sua câmera frontal possui 25 MP e recurso HDR.

Seu destaque é a possibilidade de zoom óptico de até 3 vezes, que permite aproximar bastante uma cena sem grande perda de qualidade, algo incomum no segmento intermediário.

A lente secundária consegue manter a qualidade das fotos mesmo com o recurso ativado e o aparelho faz um ótimo trabalho na estabilização, para que a foto não saia tremida. O One Zoom tem um conjunto de hardware intermediário, com processador Snapdragon 675 e 4 GB de memória RAM. Conheça mais detalhes sobre o smartphone em nosso review completo.

Ficha técnica do Motorola One Zoom:

  • Tela de 6,39 polegadas FHD+ (19.5:9)
  • Processador: Snapdragon 675
  • Memória RAM: 4 GB
  • Armazenamento: 128 GB expansível
  • Câmera traseira quádrupla: 48 MP (f/1.7) + 8 MP (f/2.4) (Teleobjetiva com zoom de 3 vezes) + 16 MP (f/2.2) (Ultra-wide) + 5 MP (profundidade)
  • Câmera traseira grava em 4K @ 30 fps
  • Câmera frontal: 25 MP (f/2.0)
  • Câmera frontal grava em Full HD @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.000 mAh
  • Sistema operacional: Android 9.0 (Pie)

O Huawei P30 Pro tem zoom de até 50 vezes

Por muito tempo o P30 Pro foi considerado por muitos o celular com melhor conjunto de câmeras do mundo. Atualmente, ele já perdeu esse posto, mas ainda está ali entre os melhores, oferecendo quatro câmeras traseira de ótima qualidade com lentes Leica.

Seu sensor principal tem 40 MP, e a câmera secundária conta com 8 MP (zoom óptico de 5 vezes). A terceira tem 20 MP e lente ultra-wide, já a quarta é um sensor ToF para fotos com alta precisão no Modo Retrato.

Se hoje vários celulares conseguem atingir um zoom de 50 vezes ou mais, foi por influência do P30 Pro, que também se destaca pelo seu modo noturno. Além de um conjunto de câmeras excelente, ele também conta com um hardware muito potente, sendo um Kirin 980 8 GB de memória RAM – é um hardware muito potente que não terá problemas com tarefas pesadas, como jogos e apps de edição de fotos e vídeos.

Ficha técnica do Huawei P30 Pro:

  • Tela de 6,47 polegadas FHD+ (19.5:9)
  • Processador: Kirin 980
  • Memória RAM: 6 ou 8 Gb
  • Armazenamento: 256 GB
  • Câmera traseira quádrupla: 40 MP (f/1.6) + 8 MP (f/3.4) (teleobjetiva com zoom de 5 vezes) + 20 MP (f/2.2) (ultra-wide) + sensor ToF 3D
  • Câmera traseira grava em 4K @ 30 fps
  • Câmera frontal: 32 MP (f/2.0)
  • Câmera frontal grava em Full HD @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.200 mAh
  • Sistema operacional: Android 9.0 (Pie)

O Samsung Galaxy Note 10+ tem funções de câmeras controladas à distância pela S Pen

O Galaxy Note 10+ é o sonho de consumo de muita gente, pois é um celular bastante completo. Quando foi lançado, em 2019, bateu toda a concorrência e por algum tempo ficou como o melhor celular para fotografias do mundo. Sua câmera principal tem 12 MP, a secundária tem 12 MP e lente teleobjetiva, a terceira tem 16 e lente ultra-wide, para fotos com ângulo mais aberto. A última é um sensor ToF para fotos com efeito de profundidade.

Um dos destaques do Galaxy Note 10+ é a caneta eletrônica S Pen, e ela também tem um papel importante nas fotografias. Com esse acessório você consegue alternar modos da câmera usando gestos a distância, recurso que não está disponível em concorrentes. É válido lembrar que esse celular tem especificações excelentes com Snapdragon 855 e incríveis 12 GB de memória RAM. Veja a nossa análise completa do Galaxy Note 10+ para saber mais detalhes.

Ficha técnica do Galaxy Note 10+:

  • Tela de 6,8 polegadas WQHD+ (19:9)
  • Processador: Exynos 9825
  • Memória RAM: 12 GB
  • Armazenamento: 256 GB ou 512 GB expansível
  • Câmera traseira quádrupla: 12 MP (f/2.2-2.4) + 12 MP (f/2.1) (teleobjetiva com zoom óptico de 2 vezes) + 16 MP (f/2.2) (ultra-Wide) + sensor ToF 3D
  • Câmera traseira grava em 4K @ 60 fps
  • Câmera frontal: 10 MP (f/2.2)
  • Câmera frontal grava em 4K @ 30 fps
  • Capacidade da bateria: 4.300 mAh
  • Sistema operacional: Android 9 (Pie)

O Samsung Galaxy S20+ tem ótima estabilização em gravações com a lente ultra-wide

A linha S20 foi lançada no mercado este ano, e seus modelos chegaram para ficar entre os melhores celulares do mundo. A Samsung sempre foi uma das marcas referências em relação às câmeras, e agora novamente a empresa surpreendeu. A principal característica do seu conjunto quádruplo é que agora a câmera ultra-wide também faz filmagens com o uso do recurso Super Steady, que dá uma estabilização quase profissional para a imagem sem precisar de tripé ou estabilizador externo.

Além do conjunto excelente de câmeras, esse aparelho possui configurações avançadas, com destaque para sua tela que tem resolução Quad HD+ e com 120Hz de taxa de atualização, o que torna as imagens mais fluidas, melhorando a experiência com a interface e com jogos. O processador do S20+ é o Snapdragon 865, sendo um dos mais potentes do mercado no momento.

Ficha técnica do Galaxy S20+:

  • Tela de 6,7 polegadas Quad HD+ com 120 Hz
  • Processador: Snapdragon 865
  • Memória RAM: 8 GB
  • Armazenamento: 128 GB, expansível via microSD
  • Câmera traseira quádrupla: 12 MP (f/1.8) + 64 MP (f/2.0) (teleobjetiva) + 12 MP (f/2.2) (ultra-wide) + 0.3 MP ToF 3D (sensor de profundidade)
  • Câmera traseira grava em 8K @ 24 fps e 4K @ 30/60 fps
  • Câmera frontal: 10 MP (f/2.2)
  • Câmera frontal grava em 4K @ 30/60 fps
  • Capacidade da bateria: 4.500 mAh
  • Sistema operacional: Android 10

O Samsung Galaxy S20 Ultra tem ultra zoom de até 100 vezes

O celular mais potente da Samsung no momento é o Galaxy S20 Ultra e suas principais diferenças para o S20+ estão nas câmeras. O sensor principal do aparelho agora tem 108 MP, conseguindo fotos maiores e com mais detalhes. O sensor da sua lente teleobjetiva é menor, e tem 48 MP, mas tem um zoom híbrido de 10 vezes. Por falar em zoom, esse aparelho conta com o recurso “Ultra Space Zoom”, que chega em uma aproximação de até 100 vezes.

A câmera ultra-wide segue sendo a mesma e também tem recurso para estabilização de vídeo, enquanto que o quarto sensor é um ToF 3D para fotos com profundidade. Sua câmera frontal também teve um salto muito grande, com o sensor subindo de 10 para incríveis 40 MP.

Ficha técnica do Galaxy S20 Ultra:

  • Tela de 6,9 polegadas Quad HD+ com 120 Hz
  • Processador: Snapdragon 865
  • Memória RAM: 12 Gb
  • Armazenamento: 128 Gb expansível
  • Câmera traseira quádrupla: 108 MP (f/1.8) + 48 MP (f/3.5) (teleobjetiva) + 12 MP (f/2.2) (ultra-wide) + 0.3 MP ToF 3D (sensor de profundidade)
  • Câmera traseira grava em 8K @ 24 fps e 4K @ 30/60 fps
  • Câmera frontal: 40 MP (f/2.2)
  • Câmera frontal grava em 4K @ 30/60 fps
  • Capacidade da bateria: 5.000 mAh
  • Sistema operacional: Android 10

Leia também: