Como funciona o carregamento rápido do celular?

Entenda um pouco mais sobre as formas de carregamento rápido do celular

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 6 min. de leitura.

Compartilhe:

O carregamento rápido do celular é um recurso cada vez mais popular, que diminui o tempo de recarga do smartphone. A primeira tecnologia desse tipo foi o Quick Charge, criada em 2013 pela Qualcomm. Atualmente, diversas fabricantes, como Apple e Motorola, têm os próprios padrões para seus aparelhos. Por isso, nem todos os telefones usam o mesmo tipo de carregamento rápido e nem todos os carregadores suportam os diversos padrões. Para te ajudar a entender como funciona a tecnologia, preparamos este artigo. A seguir, veja como funciona o carregamento rápido no smartphone.

As baterias dos celulares ainda viciam? Tire suas dúvidas e desvende todos os mitos sobre o tema

O que é o carregamento rápido do celular?

Antes de entender o que é o carregamento rápido do celular, você precisa saber que a saída de uma carga é medida em amperagem e voltagem. Amperagem (ou corrente) é a quantidade de eletricidade que flui da bateria para o dispositivo conectado, enquanto a voltagem (ou tensão) é a força da corrente elétrica. Ao multiplicar volts por amperes, você terá a medida da potência total.

Celular e carregador devem ser compatíveis com carregamento rápido (Foto: Shutterstock)
Celular e carregador devem ser compatíveis com carregamento rápido (Foto: Shutterstock)

Para criar um celular com carregador turbo, a maioria das fabricantes aumenta a corrente ou varia a voltagem para aumentar a quantidade de energia potencial que vai para um dispositivo. A maioria dos padrões de carregamento rápido varia dinamicamente a voltagem em vez de aumentar a amperagem. Sabendo disso, considere os seguintes pontos:

  • A maioria das tecnologias de carregamento rápido são compatíveis com portas USB 3.0 em diante. Para dispositivos menores, o USB 3.0 padrão sai em um nível de 5V / 1A.
  • A maioria dos telefones e outros dispositivos são capazes de lidar com 5V / 2.4A.
  • Assim, para carregamento rápido, a tecnologia deve aumentar a voltagem em 5V, 9V, 12V, ou aumente a amperagem para 3A ou mais.

Além disso, você deve ter em mente que o seu telefone só consumirá a energia para a qual seu circuito de carregamento foi projetado. Portanto, mesmo que você tenha conectado o celular a um adaptador de 5V / 3A, se ele for capaz de lidar apenas com 5V / 2.4A, essa será a taxa na qual ele vai ser carregado.

Isso significa que, para que o carregamento rápido funcione, você precisa de um telefone ou outro dispositivo com um circuito de carga capaz de usar um dos padrões de carregamento rápido, além de adaptador e cabo habilitados para esse mesmo padrão.

Quick Charge foi o primeiro padrão de carregamento rápido (Foto: Shutterstock)
Quick Charge foi o primeiro padrão de carregamento rápido (Foto: Shutterstock)

Quais são os tipos de carregamento rápido?

Qualcomm Quick Charge

O padrão de carregamento rápido mais comum é o Quick Charge da Qualcomm, por causa da natureza difundida dos chipsets da empresa. O Quick Charge 2.0 e o 3.0 são os dois tipos de carregamento rápido que você provavelmente mais verá. Cada padrão é compatível com o anterior, portanto, cabos e adaptadores antigos ainda funcionarão.

O Quick Charge 2.0 aumenta a tensão em intervalos de 5V, 9V e 12V. O Quick Charge 3.0 pode aumentar a tensão em uma faixa mais ampla, variando dinamicamente de 3.2V a 20V, embora a potência de pico para ambos os padrões seja de 18W. Isso significa que telefones como o LG G6 podem atingir 80% de carga em apenas 35 minutos.

Embora tenha sido anunciado em 2016, o Quick Charge 4.0 ainda não é tão comum, mas pode ser encontrado em alguns celulares mais premium, como o LG G7 ThinQ e Xiaomi Mi 9. Ele também é compatível com cabo USB tipo C e USB-PD. Em 2020, a Qualcomm revelou o Quick Charge 5.0, que promete carregar uma bateria de 4.500 mAh em apenas 15 minutos. A tecnologia, no entanto, deve demorar para chegar até o usuário final.

Turbopower da Motorola

A tecnologia desenvolvida pela Motorola utiliza uma versão do Quick Charge, mas foi pensada de uma forma mais geral. A fabricante trabalha de forma conjunta com carregador, bateria e smartphone. Todos os elementos são elaborados para o carregamento turbo e melhor funcionamento da tecnologia.

O Turbopower da Motorola está disponível em apenas alguns smartphones, como Moto G8 Power e Motorola One Hyper, mas o carregador pode ser usado em qualquer aparelho. Além disso, há um diferencial no sistema quanto ao controle térmico, que não permite o celular esquentar durante o carregamento.

Carregamento rápido do iPhone

Os modelos a partir do iPhone 8 também estão na lista de aparelhos compatíveis com a tecnologia do carregamento rápido. A Apple esclarece que há uma divisão do processo em dois no carregamento das baterias do iPhone e iPad. Até completar 80% de carga da bateria, o carregamento é feito de forma rápida a fim de oferecer mais carga em menos tempo. Depois desse primeiro tempo, a corrente elétrica vai diminuindo, e ele passa a ser carregado de forma mais lenta até chegar aos 100%.

Geralmente os dispositivos da Apple aceitam 5V (padrão USB) a no máximo 2.1A. O carregador que vem na caixa do iPhone é de 1A, enquanto o que vem com o iPad disponibiliza 2.1A. É por isso que este último carrega mais rápido o iPhone.

No caso do iPhone 12, para usar o recurso de carga rápida, é preciso ter um adaptador de alimentação com potência de 20 W ou mais para usar. Além disso, para esse modelo, a Apple oferece acessórios MagSafe, que se conectam magneticamente ao celular e oferecem carregamento rápido.

Quer fazer a bateria do seu celular durar mais? Veja essas dicas indispensáveis

Posso trocar o cabo do carregador rápido?

Há um combinado da tecnologia para cada aparelho. Assim sendo, cabo e carregador foram elaborados para serem usados diretamente ao smartphone determinado. Trocar o cabo do carregador sem verificar antes se há compatibilidade entre os dois é um risco que é melhor não correr. Além disso, é importante sempre utilizar cabos originais para evitar explosões ou coisas do tipo.

As fabricantes costumam informar o tipo de carregamento e a potência máxima em cada aparelho (Foto: Shutterstock)
As fabricantes costumam informar o tipo de carregamento e a potência máxima em cada aparelho (Foto: Shutterstock)

O carregador turbo funciona em qualquer celular?

A tecnologia Quick Charge foi desenvolvida para celulares modernos que possuem baterias capazes de absorver uma maior quantidade de energia em menor tempo.

De modo geral, antes de usar em seu aparelho um dispositivo de carregamento turbo, será necessário verificar a amperagem e a potência que o carregador costuma transferir. Se for igual ou menor a que o aparelho suporta, você poderá usar sem problemas. Já se for muito maior, isso poderá diminuir a vida útil da bateria e também dos reguladores de energia do aparelho. Então é melhor evitar.

Como saber se o meu celular tem carregamento rápido?

É importante saber que nem todos os aparelhos celulares são compatíveis com esse este sistema. Se um smartphone é carregado com algum acessório sem suporte à tecnologia, o aparelho carregará normalmente, mas não na velocidade que o carregamento turbo permite.

Para identificar com precisão se o seu aparelho é compatível com alguma dessas tecnologias é necessário ter mais informações do fabricante. Atualmente, é possível encontrar celulares de diversas marcas e em diferentes faixas de preço com carregamento rápido. Alguns exemplos são: Galaxy S20, LG Velvet, Xiaomi Redmi 9, Galaxy M51, Galaxy A71, LG K71, Motorola One Fusion Plus e iPhone 12 Pro.

Como ativar o carregamento rápido?

Alguns smartphones permitem que o usuário decida se quer ou não ativar o carregamento rápido. É o caso dos celulares Galaxy, da Samsung, com interface OneUI. Nesses modelos, você pode ligar o recurso por meio das configurações. Para isso, acesse "Assistência do aparelho" e toque no ícone de Bateria. Então, é só selecionar o modo de carregamento.

Procurando celular com bateria potente? Veja 15 modelos com até 5.000 mAh para comprar

O que acontece com o carregamento rápido sem fio?

O carregamento sem fio é conveniente, mas pode ser lento. A maioria dos carregadores sem fio que não possuem ventiladores ou sistemas de resfriamento estão limitados a velocidades de carregamento razoavelmente baixas de 5V / 1A. Dependendo do dispositivo que você possui, o padrão de carregamento rápido que você pode usar varia.

Verifique o que o seu telefone suporta, então veja se seu adaptador de parede suporta o mesmo padrão (eles geralmente são rotulados). Em seguida, certifique-se de que seu cabo é compatível. Se você precisar comprar um novo adaptador de parede, cabo ou teclado de carregamento sem fio, anote o padrão compatível. Agora que você conhece um pouco mais sobre como funciona o carregamento rápido para celular, já tem algumas opções para manter sua carga sempre alta de maneira fácil.

Leia também:

Confira os vídeos do Zoom no YouTube e veja mais dicas sobre celulares: