Internet 6G: tecnologia de redes móveis já é estudada na China

O 5G ainda nem virou realidade na maioria dos países, mas pesquisadores já apostam no futuro das redes móveis.

Internet 6G: tecnologia de redes móveis já é estudada na China
Ricardo BergherEditor(a)

Publicado e atualizado 1 min. de leitura.

Não, a gente não digitou errado. Apesar de os primeiros celulares compatíveis com redes 5G terem sido apresentados entre o final de 2018 e início de 2019, já existem estudos sobre a próxima geração de redes móveis: o 6G.

A empresa China Mobile e a Universidade de Tsinghua fizeram um acordo onde ambas concordam em promover a “produção e aprendizado” por meio de pesquisa científica nas futuras redes de comunicações móveis, internet de última geração, internet móvel, inteligência artificial e outras áreas-chave para a tecnologia 6G.

Leia também: Do 1G ao 5G: conheça a evolução da internet no celular

Internet 6G

Em conjunto, também será criado um instituto de pesquisa para desenvolver tecnologias, soluções e produtos líderes. Promovendo assim uma verdadeira transformação tecnológica. A China Mobile gasta anualmente em tecnologia mais de 20 bilhões de yuans, e também dispões de uma equipe integral de mais de 10.000 pessoas.

Ainda é cedo para falar sobre o futuro dessa tecnologia, mas ao menos podemos dizer que parece ser bem promissor. No entanto, de acordo com o presidente da divisão de 5G da Huawei, o 6G não deve chegar ao mercado antes de 2030.

A previsão faz sentido, uma vez que o 4G demorou uma década até começar a ser trocado pelo 5G nos planos das grandes fabricantes.

Leia também: