O que é a tecnologia true wireless stereo?

Também conhecida pela sigla "TWS", tecnologia traz vantagens e novas possibilidades para os fones de ouvido sem fio.

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 2 min. de leitura.

Os fones de ouvido Bluetooth totalmente sem fio viraram febre após a popularização dos AirPods, da Apple. Leves, discretos e potentes, muitos modelos de fones adotaram a tecnologia true wireless stereo, que além de permitir o uso totalmente sem cabos também abre caminho para uma melhor experiência auditiva, com maior imersão e novas possibilidades.

Leia também: Os 15 Melhores Fones de Ouvido Bluetooth em 2020

O que é a tecnologia TWS?

TWS é a sigla para “True Wireless Stereo”, ou seja o verdadeiro som estéreo sem fio. Um som estéreo é aquele que é dividido por canais e cada um desses é enviado para um dos lados. Ou seja, você tem uma experiência maior de imersão porque está “dividindo” os elementos da música. Você já deve ter reparado que, em algumas ocasiões, quando você escutava uma música só com um dos lados do fone, alguns instrumentos ficavam extremamente baixos, isso acontece porque a música estava sendo executada em modo estéreo.

Os Galaxy Buds+, da Samsung, são uns dos melhores fones totalmente sem fio do mercado. (Imagem: Ana Marques/Zoom)
Os Galaxy Buds+, da Samsung, são uns dos melhores fones totalmente sem fio do mercado. (Imagem: Ana Marques/Zoom)

Os primeiros fones sem fio que surgiram, eliminaram a conexão física entre o dispositivo e o celular, mas não entre cada um de seus lados, pois a tecnologia Bluetooth não permitia enviar canais separados para esses lados. Foi por isso que a tecnologia TWS surgiu, para criar uma forma de eliminar totalmente a dependência física que um lado precisa ter do outro, mas mantendo o som estéreo.

Como a tecnologia TWS funciona?

Na maior parte dos fones TWS, a tecnologia funciona de forma “escrava”, ou seja, o seu celular ou notebook envia dois canais para um dos lados do fone e esse é encarregado de pegar um desses canais e enviá-lo para o outro, criando assim o som estéreo. Dessa forma, apenas um dos fones precisa realmente está conectado ao dispositivo primário, mas o outro lado depende dele para funcionar.

Com o avanço da tecnologia Bluetooth, estão começando a surgir fones que conseguem receber esses canais de forma independente, sem usar o “modo escravo”. Assim, o celular já envia os canais separados para cada um dos lados, então um não depende do outro para funcionar. Nesses casos, os fones oferecem a opção de serem usados no modo “mono” – ou seja, todos os canais serem transmitidos para um único lado, e assim você não perde nada da música.

Diferença entre os dois modelos de conexão TWS. (Imagem: Divulgação/Qualcomm)
Diferença entre os dois modelos de conexão TWS. (Imagem: Divulgação/Qualcomm)

Esse "novo" modo de emparelhamento promete trazer muitos benefícios comparado ao padrão. De acordo com a Edifier, o consumo de bateria tende a sofrer redução em 10%, já que a distribuição de energia será mais equilibrada. Além disso, a conexão dos fones com o Bluetooth irá acontecer de forma mais fácil, rápida e sem problemas. A latência também deve ser diminuída, pois ambos serão conectados diretamente ao celular e depois sincronizados.

Fones de ouvido com tecnologia TWS

Leia também: