Todos os fogões funcionam a gás encanado?

Entenda melhor o funcionamento do fogão a gás na sua cozinha.

Brigida NogueiraEditor(a)

Publicado e atualizado 3 min. de leitura.

Existem dois tipos de gás possíveis de se usar no fogão ou cooktop: o gás GLP, conhecido popularmente como gás de cozinha, e o gás natural (GN), que vem pelo encanamento da rua.

Normalmente os fogões e cooktops saem de fábrica preparados para funcionar com gás GLP, aquele em botijão que, com certeza, você já viu em muitas cozinhas.

Atualmente vários apartamentos, condomínios e grandes cidades contam com fornecimento de gás natural (GN), e para que o fogão funcione com esse tipo de gás é necessário realizar a conversão do aparelho, pois cada tipo de gás tem uma pressão diferente e, caso o produto não seja adaptado, pode ter sua performance comprometida, além de expor sua casa a risco.

Conversão de gás GLP para GN

É de extrema importância que a conversão seja realizada pelo serviço autorizado do fabricante. Isso porque existe kit de peças específico para cada modelo de fogão e nesses kits, que são fornecidos pelos fabricantes, as peças são dimensionadas para que o fogão funcione corretamente e de forma segura usando Gás Natural.

Geralmente, a primeira conversão é feita gratuitamente pela assistência técnica autorizada do fabricante do fogão, desde que o eletrodoméstico esteja dentro do prazo de garantia, que é o caso, por exemplo, do fogão de piso Electrolux 5 Bocas 76SAB.

Já o fogão Consul 4 Bocas CFO4NAB oferece conversão gratuita até 90 dias após a compra. Por isso, quando for comprar um fogão a gás, caso seja necessária a conversão, verifique junto ao fabricante o que ele oferece.

Gás GLP

O tipo de gás mais encontrado e utilizado no Brasil

O gás liquefeito de petróleo (GLP), também conhecido como gás de cozinha, é o tipo de gás utilizado por mais de 90% da população brasileira. O GLP geralmente é mais econômico em comparação ao gás natural pelo próprio custo do botijão, e você tem a flexibilidade de escolher entre as várias distribuidoras de gás disponíveis qual a marca de gás que quer usar.

Apesar destas vantagens para o bolso, ter um botijão de gás em casa exige muita cautela, pois o GLP é mais pesado que o ar e, em caso de vazamentos, ele não se dissipará tão rapidamente.

Gás Natural (GN)

Mais prático e versátil

O gás natural, conhecido também como gás encanado, vem direto da rua e tem as vantagens de deixar a chama mais forte e estável por causa de sua pressão elevada, é mais prático e seguro, pois dispensa o armazenamento de um botijão dentro da residência, e por ser mais leve que o ar, ele se dissipa mais rapidamente, diminuindo o risco de explosões em caso de vazamento.

Como o gás natural chega até a sua casa através de uma rede de distribuição, seu fornecimento é contínuo e você não precisará se preocupar se o gás acabará inesperadamente enquanto você está cozinhando ou assando um bolo, por exemplo, como pode acontecer quando usamos o gás de botijão.

Além disso, o gás natural gera muito menos resíduo que o gás de botijão, proporcionando uma melhor conservação dos equipamentos e diminuindo os períodos entre as manutenções. Por não conter enxofre em sua composição, o GN é também mais sustentável ao meio ambiente.

Saiba escolher o fogão a gás ideal

Agora que você já conhece as vantagens de cada tipo de gás, fica mais fácil escolher o fogão a gás ideal.

1.Se você mora sozinho e cozinha pouco, um fogão 2 bocas é o suficiente.

2.Se você mora sozinho, mas gosta de cozinhar pratos variados, ou se a família é pequena (casal com 1 ou 2 filhos, por exemplo), um fogão 4 bocas já atende as suas necessidades.

3. Famílias grandes ou casais que têm costume de chamar amigos para jantares mais sofisticados devem optar por fogão 5 bocas ou 6 bocas.

Em busca de promoções de fogões? Aqui no Zoom você encontra modelos de todas as marcas e tamanhos, como os Fogões Electrolux e Fogões Brastemp. E se ainda ficar com dúvidas, pode contar com o nosso time de especialistas!

Leia também: