Apple lança MacBooks e Mac Mini com chip M1; veja preço e lançamento

Apple M1 é o processador fabricado pela empresa baseado em no Apple Silicon

Murilo TunholiEditor(a)

Publicado e atualizado 4 min. de leitura.

Compartilhe:

A Apple lançou, nesta terça-feira (10), os primeiros Macs equipados com processadores de fabricação própria baseados em arquitetura ARM: os MacBook Air, MacBook Pro e Mac Mini. Os três dispositivos serão equipados com o mesmo chip Apple M1, que promete entregar mais performance enquanto consome menos energia e mantém temperaturas menores.

Os preços do Mac Mini, MacBook Air e MacBook Pro começam em R$ 8.699, R$ 12.999 e R$ 17.299, respectivamente, mas ainda sabemos quando os aparelhos desembarcam no Brasil oficialmente.

Leia também: MacBook na Black Friday 2020: 6 notebooks da Apple para ficar de olho

Chip Apple M1 está presente nos novos MacBook Air, MacBook Pro e Mac Mini. (Foto: Divulgação/Apple)
Chip Apple M1 está presente nos novos MacBook Air, MacBook Pro e Mac Mini. (Foto: Divulgação/Apple)

O novo processador Apple M1

Entre os anúncios do dia, o novo processador Apple M1 foi o protagonista. O chip foi desenvolvido pela própria empresa com objetivo de criar um ecossistema em que tanto hardware quanto software são desenvolvidos pela mesma empresa. Isso garante maior otimização do sistema e compatibilidade entre aparelhos, como acontece com os iPhones e iPads.

No processamento de dados, o Apple M1 conta com oito núcleos, em que quatro deles trabalham em desempenho enquanto os outros quatro focam em eficiência energética. Na GPU, também há oito núcleos para processamento gráfico que, segundo a Apple, garantem os gráficos integrados mais rápidos do mundo.

Chip Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)
Chip Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)

Como o Apple Silicon também está presente nos processadores de iPhones e iPads mais modernos, os novos Macs rodam qualquer aplicativo do iOS nativamente. Para programas que ainda não foram otimizados, a Apple fornecerá um emulador chamado Rosetta 2.

Conheça nossos artigos e fique por dentro dos melhores produtos, guias de compra, lançamentos e mais!

MacBook Air (13 polegadas)

MacBook Air com Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)
MacBook Air com Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)

O notebook fino e leve promete ficar mais poderoso e silencioso com o processador Apple M1. O novo chip promete combinar performance com economia de energia, tornando o MacBook Air três vezes mais rápido que a versão com processadores da Intel e mais potente que "98% dos notebooks com Windows vendidos no ano passado", segundo a maçã.

O maior diferencial do modelo é a ausência da ventoinha que refrigera os componentes internos. Mesmo assim, a Apple garante que o notebook vai trabalhar em alta performance enquanto se mantém totalmente silencioso. Na bateria, a fabricante promete autonomia de até 15 horas de navegação na web e 18 horas de reprodução de vídeos.

A tela Retina de 13,3 polegadas garante imagens em alta resolução com cores fiéis, ideal para designers. O MacBook Air conta com duas portas Thunderbolt, Wi-Fi 6 e Touch ID para segurança. No Brasil, o notebook chega com 8 GB de memória RAM e opções de armazenamento em SSD de 256 GB ou 512 GB por R$ 12.999 e R$ 16.099, respectivamente.

MacBook Pro (13 polegadas)

MacBook Pro com Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)
MacBook Pro com Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)

Para usuários mais exigentes, como criadores de conteúdo profissionais, a Apple lançou o MacBook Pro de 13 polegadas com o mesmo processador M1 de fabricação própria que equipa o modelo Air. Contudo, o Pro tem sistema de refrigeração, já que demanda mais potência do chip.

De acordo com a fabricante, este MacBook Pro terá processamento de dados 2.8 vezes mais rápidos e será capaz de que a gerar gráficos até cinco vezes mais rápidos que a geração anterior.

O notebook conta com duas entradas Thunderbolt, teclado Magic Keyboard retroiluminado com Touch Bar e Touch ID, A bateria maior aliada à economia de energia do chip Apple M1 garantem até 17 horas em navegação na web e até 20 horas de reprodução de vídeos.

A tela Retina de 13 polegadas não recebeu melhorias. O display é o mesmo que foi usado no modelo com processador Intel lançado esse ano. O preço no Brasil começa em R$ 17.299 (256 GB de SSD) e pode chegar a R$ 19.799 (512 GB de SSD). Os dois modelos têm 8 GB de memória RAM.

Quer saber mais sobre notebooks? Veja outros artigos aqui no Zoom!

Mac Mini

Mac Mini com Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)
Mac Mini com Apple M1. (Foto: Divulgação/Apple)

Os usuários que preferem usar computadores de mesa também vão poder usar o chip Apple M1 no novo Mac Mini. A caixinha pode ser pequena, mas o novo processador promete desempenho suficiente para desbancar desktops poderosos do mercado. Assim como nos MacBooks, a Apple garante ganho de performance três vezes maior na CPU e até seis vezes maior na GPU em comparação com a geração anterior.

O Mac Mini também aproveita a economia de energia do Apple M1 e trabalha com ventoinhas silenciosas enquanto mantém o alto desempenho. O aparelho também consegue reproduzir imagens em resolução até 6K (em monitores compatíveis). Entre as conexões há duas portas Thunderbolt, duas USB 3.0 do tipo A, uma porta de rede (Gigabit Ethernet), HDMI 2.0, Wi-Fi 6 e Bluetooth 5.0.

No Brasil, o Mac Mini chega com duas configurações: a de 8 GB de memória RAM e 256 GB de armazenamento em SSD, que custa R$ 8.699, e a de 16 GB de RAM e 512 GB de SSD, com preço de R$ 11.199.

Leia também: