HD x SSD: qual o melhor armazenamento de dados?

SSD ou HDD? Confira as diferenças entre os armazenamento e saiba qual é o melhor para você

Murilo TunholiJornalista especializado em tecnologia e jogos. Formado pelo Centro Universitário IBMR. Atua nas editorias de Informática e Games.

Publicado e atualizado 3 min. de leitura.

Compartilhe:

Os notebooks com SSD estão cada vez mais populares. O armazenamento de alta velocidade pode substituir o HDD convencional ou trabalhar em conjunto de forma híbrida. Assim, você aumenta a velocidade do sistema sem perder o espaço para guardar arquivos maiores.

Por mais que o SSD seja mais rápido, isso não significa que ele é totalmente superior ao HDD, e o mesmo vale para o inverso. Pensando nisso, fica a dúvida de qual é o melhor: SSD ou HDD? Nas linhas a seguir, nós do Zoom explicamos as vantagens e desvantagens de cada tipo de armazenamento para você saber escolher o ideal.

Leia também: Como comprar SSD para notebook? Saiba escolher o melhor modelo

HDD

(Foto: Shutterstock/Aleksandr Grechanyuk)
(Foto: Shutterstock/Aleksandr Grechanyuk)

O Hard Disk Drive (HDD) — ou disco rígido, em português — é o componente mais comum e acessível para armazenar uma quantidade grande de dados digitais. Por ser uma tecnologia mais antiga, o HDD ainda funciona de forma mecânica. A peça é formada por um disco em rotação constante que é lido por um braço magnético.

Por depender de um mecanismo móvel, o equipamento pode sofrer danos físicos irreparáveis. Além disso, a velocidade do disco também não é tão alta, já que o o braço magnético precisará sempre se mover para encontrar os dados.

Vantagens do HDD:

  • Armazenamento pode ultrapassar dois terabytes;
  • Preço menor em comparação aos SSDs.

Desvantagens do HDD:

  • Podem sofrer danos físicos que corrompem o disco;
  • São mais lentos que os SSDs por dependerem de partes móveis.

SSD

(Foto: Shutterstock/N. Miga)
(Foto: Shutterstock/N. Miga)

O SSD armazena os dados em memória flash, que é parecida com a memória RAM de um computador. Com velocidade quase 20 vezes maior, o SSD não tem partes mecânicas e usa correntes elétricas para gravar e ler arquivos. Contudo, a peça sofre desgaste a cada leitura e gravação, o que limita a vida útil do armazenamento. Ele ainda vai durar muitos anos mesmo assim.

Por usar uma tecnologia mais moderna, o preço dos SDDs é maior que o dos HDDs convencionais. Para nível de comparação, um HDD de 1TB custa cerca de R$ 350, atualmente. Com essa mesma quantia é possível comprar um SSD de 500GB, ou seja, com a metade do armazenamento do HDD.

Vantagens do SSD:

  • É mais seguro por não conter partes móveis;
  • Podem ser até 20 vezes mais rápidos que um HDD.

Desvantagens do SSD:

  • Preço ainda é muito maior em comparação aos HDDs;
  • Quantidade finita de ciclos de gravação e leitura.

SSD ou HDD: qual o melhor?

(Foto: Shutterstock/Hadrian)
(Foto: Shutterstock/Hadrian)

Não existe melhor ou pior nessa disputa. O HDD ainda é a opção mais acessível para guardar arquivos pesados, já que é mais barato e oferece espaços maiores de armazenamento. Já o SSD é mais rápido, mas o custo por gigabyte é maior tem vida útil limitada.

O ideal é usar sempre o armazenamento híbrido. Dessa forma, o SSD pode ser usado para instalar o sistema operacional e programas que você vai abrir com muita frequência, enquanto o HDD fica responsável por guardar vídeos, fotos, ou qualquer arquivo mais pesado.

Vale mencionar que cada vez mais os HDDs estão em desuso no notebooks, que estão vindo somente com SSD de fábrica. Por ser mais compacto, as fabricantes conseguem oferecer notebooks cada vez mais finos, como o MacBook Air, da Apple. Para driblar a falta de espaço livre no disco, é recomendado usar serviços de armazenamento na nuvem, como Google Drive, Dropbox, entre outros.

Leia também: