MacBook Air 2017 ainda vale a pena? Veja análise do notebook da Apple

Confira a ficha técnica e descubra se ele serve para suas necessidades

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 5 min. de leitura.

Compartilhe:

O Macbook Air 2017 é um dos mais procurados pelos usuários. Afinal, comprar notebooks da Apple no Brasil não é barato. Por isso, muitas pessoas optam por versões que foram lançadas anos atrás e tiveram seus preços reduzidos com o passar do tempo. Esse é o caso do Macbook Apple Air MQD32BZ/A, lançado em 2017, que ainda faz sucesso entre os consumidores.

Esse notebook possui processador i5 Dual-Core, placa de vídeo integrada e SSD de 256GB já de fábrica. Na época, ele foi lançado como uma boa opção para uso até em programas pesados, mas hoje o seu desempenho já não é o mesmo.

Será que ainda vale a pena investir no MacBook Air de 2017? É o que você vai descobrir na análise completa que o Zoom preparou desse aparelho.

Ficha técnica

  • Tamanho da tela: 13,3 polegadas
  • Resolução da tela: 1440 x 900 pixels
  • Processador: Intel i5 Dual-Core
  • Velocidade do processador: 2,9GHz
  • Memória RAM: 8GB
  • Armazenamento: SSD de 256GB
  • Placa de vídeo: Intel HD Graphics 6000 (integrada)
  • Bateria: Até 12 horas de duração de acordo com a Apple
  • Portas USB: 2x USB 3
  • Portas de vídeo: 1x Thunderbolt 2
  • Portas de rede: Não
  • Portas de áudio: Combo de fone e microfone
  • Entrada para cartão SD: Não
  • Conexões sem fio: Wi-Fi e Bluetooth 4.0
  • Teclado retroiluminado: Sim
  • Tela sensível ao toque: Não
  • Dimensões (LxPxA): 32,5 x 22,7 x 1,7cm
  • Peso: 1,35kg
  • Sistema operacional: MacOS

Design

O design do Macbook Air 2017 não tem muitas diferenças para os modelos mais recentes (Shutterstock)
O design do Macbook Air 2017 não tem muitas diferenças para os modelos mais recentes (Shutterstock)

A Apple não muda muito o design do Macbook Air, por isso o modelo de 2017 é parecido com os mais atuais. A principal diferença é que a cada geração a empresa faz um melhor aproveitamento de espaço; por isso, as bordas da tela ficam mais finas, por exemplo. O Macbook Air de 2017 ainda é um notebook compacto e leve, principais características da linha.

Ele possui chassi em alumínio e é todo prateado, com um único detalhe que é a famosa maçã no centro da sua tampa. Seu teclado é compacto e não possui a parte numérica dedicada justamente para não precisar de mais espaço. Seu touchpad é grande e tem recurso multi-touch, o que permite alguns comandos por gestos.

Nas partes laterais temos suas entradas e conexões. São duas portas USB 3, uma Thunderbolt 2, combo de áudio (fone e microfone) e leitor de cartões SDXC. Indo para as conexões sem fio, esse Macbook oferece Wi-Fi e Bluetooth 4.0.

Tela

Sua tela é de 13,3 polegadas e, de acordo com a própria Apple, é compatível com até um milhão de cores, ponto positivo para quem trabalha com edição ou design e precisa de boa fidelidade de cores.

A tela do Macbook Air 2017 não alcança a resolução Full HD, mas chega perto (Shutterstock)
A tela do Macbook Air 2017 não alcança a resolução Full HD, mas chega perto (Shutterstock)

A tela do MacBook Air 2017 possui a resolução 1440 x 900, que é próxima ao Full HD, mas não chega a ser alta resolução. A qualidade é boa e acima da média de notebooks que também não entregam painéis Full HD, o que é uma vantagem para esse MacBook Air.

Desempenho

Seu processador é um Intel i5 Dual-Core, com clock alcança até 2,9GHz com a tecnologia Turbo Boost. É um chip que hoje se comporta bem em tarefas do dia a dia e uso de aplicativos leves, mas pode apresentar alguns travamentos em programas pesados.

O processo do Macbook Air 2017 ainda suporta bem tarefas leves (Shutterstock)
O processo do Macbook Air 2017 ainda suporta bem tarefas leves (Shutterstock)

Na época em que o notebook foi lançado, a Apple prometia um bom desempenho em editores de vídeo e fotos, mas, como já se passaram alguns anos, pode ser que hoje o Macbook Air 2017 tenha um pouco de dificuldade para rodar programas exigentes. É válido lembrar que esse modelo usa a GPU Intel HD Graphics 6000, placa de vídeo integrada.

O Macbook Air 2017 foi lançado com bom desempenho ao rodar editores de vídeo e fotos, mas alguns anos depois pode ser que ele não segure programas mais pesados (Shutterstock)
O Macbook Air 2017 foi lançado com bom desempenho ao rodar editores de vídeo e fotos, mas alguns anos depois pode ser que ele não segure programas mais pesados (Shutterstock)

Sua memória RAM é de 8GB, suficiente para o uso citado acima. Não conseguimos achar informações se ele aceita mais RAM como atualização, mas é provável que a memória seja soldada e por isso não é possível fazer a troca por um pente com mais capacidade.

Esse notebook usa armazenamento em formato de SSD (de 256GB), o que o deixa rápido na hora de iniciar o sistema e programas. Parte do bom desempenho também vem do MacOS, sistema operacional da Apple que é bem otimizado e possui várias ferramentas exclusivas.

Bateria

Sem informar o tamanho da bateria, a Apple prometia até 12 horas de autonomia nessa versão. Como os anos se passaram, os programas e até o próprio MacOS foram atualizados, portanto é provável que esse tempo de bateria seja um pouco menor hoje. Mesmo que seja uma média de 9 horas, ainda é uma excelente autonomia.

Custo-benefício

O Macbook Air 2017 é boa opção para quem deseja um notebook da Apple (Shutterstock)
O Macbook Air 2017 é boa opção para quem deseja um notebook da Apple (Shutterstock)

O Macbook Apple Air (MQD32BZ/A) pode ser encontrado a partir de R$ 5.509*, que é um dos menores preços de notebook da Apple que você irá encontrar no mercado. Pelo mesmo valor, é possível encontrar aparelhos de outras marcas com ficha técnica superior, mas se o seu desejo é ter um da Apple, esse MacBook é uma opção “barata” e que ainda tem bom desempenho.

*Alerta de flutuação de preços: os preços desta matéria foram coletados em 15/12/2020. Esses valores estão sujeitos à alteração mediante disponibilidade no mercado. Compare as ofertas no Zoom e use nosso histórico de preços para saber qual é a melhor hora de comprar seu notebook.

Conclusão

Os notebooks da Apple nunca foram baratos no Brasil, então o valor ainda é alto, mesmo esse computador sendo de 2017. Como citamos anteriormente, é possível encontrar notebooks de outras fabricantes com fichas técnicas muito superiores e valor igual do MacBook Air 2017.

No entanto, quem busca por notebooks da Apple geralmente deseja rodar aplicativos específicos que não estão disponíveis no Windows, e isso torna o investimento inevitável.

O MacBook Air de 2017 ainda entrega um bom desempenho hoje, mas é necessário ressaltar que atualmente ele é indicado para o uso no dia a dia. Se você deseja rodar programas pesados com bom desempenho, a melhor alternativa é investir em modelos recentes.

Veja ofertas para o Macbook Apple Air MQD32BZ/A aqui no Zoom: