Notebook Avell é bom? Conheça prós e contras da marca brasileira

Veja quais são as principais vantagens e desvantagens da fabricante brasileira

Redação - Zoom

Publicado e atualizado 6 min. de leitura.

Compartilhe:

Entre as várias marcas de notebooks que vendem seus aparelhos aqui no Brasil, temos a Avell, uma representante totalmente brasileira. Por não ser tão conhecida como as concorrentes, muitos consumidores acabam ficando na dúvida se o notebook Avell é bom, e por isso o Zoom preparou um artigo completo para te contar mais sobre essa marca.

A Avell tem o foco em notebooks de alto nível, seja para aqueles que precisam rodar softwares pesados no trabalho ou para quem gosta de jogar. Veja a seguir mais detalhes sobre a empresa, sua história, vantagens e desvantagens, linha de notebooks e descubra se notebook Avell é bom.

Avell: origem da fabricante

A Avell é uma marca totalmente brasileira (Foto: Divulgação/Avell)
A Avell é uma marca totalmente brasileira (Foto: Divulgação/Avell)

A Avell é uma marca totalmente brasileira, fundada em 2000 por Emerson Salomão. A empresa foi fundada com o propósito de fabricar notebooks de alto desempenho, seja para softwares pesados ou mesmo para jogos. Atualmente a fabricante expandiu seu negócio em outros países e já conta com faturamentos milionários todos os anos.

A empresa tem a filosofia de sempre buscar a inovação, oferecendo o que há de melhor em hardware para os consumidores. Isso inclui processadores de última geração, placas de vídeo de alto nível, acabamento robusto e telas de excelente qualidade. É válido destacar que a Avell tem fábrica em Manaus e oferece garantia de 12 meses em seus notebooks.

Avell: nota no Reclame Aqui

O Reclame Aqui é um famoso site em que consumidores podem fazer reclamações sobre seus produtos e são respondidos diretamente pelas marcas, que tentam resolver os seus problemas. Na data da publicação desta matéria, em abril de 2021, a Avell possui a nota 8,9, que é considerada excelente! Esse é um bom indício de que notebook Avell é bom.

Ao todo foram 158 reclamações feitas, sendo que a empresa respondeu todas delas. O índice de solução das reclamações é de 91,8%, e cerca de 81% dos consumidores que reclamaram voltariam a comprar outros produtos da marca.

Avell: linha de notebooks

Atualmente a Avell trabalha com a linha de notebooks LIV (Foto: Divulgação/Avell)
Atualmente a Avell trabalha com a linha de notebooks LIV (Foto: Divulgação/Avell)

Atualmente a Avell está trabalhando com a linha de notebook LIV, que significa “Liberdade, Inovação e Versatilidade”. Os aparelhos chegam com processadores de 10ª geração da Intel e diversas configurações, que envolvem diferentes placas de vídeo, tamanho de telas e outros quesitos relacionados ao hardware dos notebooks. É possível que a CPU das máquinas seja atualizada em breve com o lançamento da 11ª geração de processadores Intel.

Os notebooks são divididos em séries, sendo elas: A40, A52, A62, C62 e C65. Os modelos da linha “C” se destacam por terem telas maiores e placas de vídeo RTX, enquanto os da linha A, em sua grande parte, possuem placas de vídeo GTX (apesar de o A62 ter sua versão com a RTX).

Todos os modelos possuem construção robusta, com chassis feitos de alumínio e designs compactos. Eles também variam entre as cores preto e prata e já chegam com o Windows 10 de fábrica. É válido destacar que todos os notebooks Avell possuem opções de customização em suas configurações. Veja abaixo suas características em hardware.

Avell A40 LIV

Notebook Avell é bom? Conheça melhor o LIV A40 (Foto: Divulgação/Avell)
Notebook Avell é bom? Conheça melhor o LIV A40 (Foto: Divulgação/Avell)

Entre os modelos da Avell, esse é o mais “básico”. Ele possui processador AMD Ryzen 5 3500U e placa de vídeo Geforce MX250, um modelo de entrada com 2 GB de memória VRAM. O A40 LIV é um notebook leve, que possui tela Full HD de 14 polegadas e pesa pouco mais de 1kg. Ele já chega com SSD NVMe instalado de fábrica. A memória RAM varia entre 8GB, 16GB e 32GB, a depender da configuração escolhida.

Avell A52 LIV

LIV A52 é um notebook Avell intermediário (Foto: Divulgação/Avell)
LIV A52 é um notebook Avell intermediário (Foto: Divulgação/Avell)

O Avell A52 é para os que buscam uma opção “intermediária”. Ele possui o processador i5 10300H, que, apesar de não ser o mais potente que a fabricante tem em seus notebooks, já consegue rodar uma boa gama de programas e jogos pesados. Esse notebook Avell usa a placa de vídeo i5 10300H e tem uma tela de 15,6 polegadas, com resolução Full HD e 120 Hz de taxa de atualização.

ttps://www.zoom.com.br/notebook/notebook-avell-a52-liv-intel-core-i5-10300h-15-6-16gb-ssd-256-gb-geforce-gtx-1650-10-geracao?_lc=88&searchterm=avell

Avell A62 LIV

Para saber se notebook Avell é bom para você, vale ver as diversas configurações do LIV A62 (Foto: Divulgação/Avell)
Para saber se notebook Avell é bom para você, vale ver as diversas configurações do LIV A62 (Foto: Divulgação/Avell)

O Avell A62 LIOV é o que tem configurações mais variadas. Todos usam o processador i7 10750H, um chip superpotente voltado para uso em programas e jogos pesados. As telas são de 15,6 polegadas com resolução Full HD, mas a taxa de atualização pode variar entre 60Hz, 120Hz e 144Hz, dependendo da versão escolhida.

Outra mudança importante é nas placas de vídeo, que podem ser a GTX 1650 Ti (4GB de VRAM) ou a RTX 2060 (6GB VRAM). Os notebooks também podem ser comprados em duas cores: preto ou prata. Todos já chegam com SSD NVMe de fábrica e memória RAM que varia entre 8GB, 16GB e 32GB, a depender da configuração escolhida.

Avell C62

LIV C52: notebook Avell com tela maior (Foto: Divulgação/Avell)
LIV C52: notebook Avell com tela maior (Foto: Divulgação/Avell)

Os notebooks C62 são para aqueles que procuram telas maiores, mais especificamente de 17,3 polegadas. Todos os modelos possuem resolução Full HD, 144Hz de taxa de atualização e cobrem um espectro de cores de 100% sRGB, ótimo para quem trabalha com edição de fotos, vídeos e precisa de uma fidelidade maior na imagem.

Todos os aparelhos dessa linha usam o processador i7 10750H, o mesmo da linha A62. As placas de vídeo variam entre a GTX 1650 (4GB VRAM) ou a RTX 2060 (6GB VRAM), por isso o usuário pode escolher se deseja um notebook mais “parrudo” ou com uma configuração mais “light” (nos padrões da empresa). Esses modelos também já possuem SSD NVMe de fábrica e memória RAM que vai de 8GB a 32GB, dependendo da versão escolhida.

Avell C65

LIV C65 é a série mais poderosa de notebook Avell (Foto: Divulgação/Avell)
LIV C65 é a série mais poderosa de notebook Avell (Foto: Divulgação/Avell)

Os modelos da linha c65 são os mais potentes que a empresa tem a oferecer. Eles também possuem tela de 17,3 polegadas e resolução Full HD, porém com 240Hz de taxa de atualização. Outra diferença é na placa de vídeo, que aqui é a RTX 2070 Super (8GB VRAM).

Os notebooks usam o processador i7 10750H, mas existe uma versão ainda mais potente, equipado com um i9 10980HK e gabinete de liga de magnésio. Esse é o aparelho com melhor hardware que a Avell vende atualmente, e, consequentemente, o mais caro.

Avell: vantagens e desvantagens

Vantagens:

  • Notebooks com configurações muito potentes
  • Construção e acabamento de qualidade
  • Aparelhos com processadores de última geração
  • Marca brasileira com garantia de 12 meses

Desvantagens:

  • Todos os modelos são caros
  • Sem opções para quem busca um notebook básico
  • Muitos modelos sem disponibilidade no site da fabricante

Conclusão: notebook Avell é bom?

Não há dúvidas que a Avell é uma excelente fabricante de notebooks e mostra isso na potência dos seus aparelhos. Se você busca opções com hardware de última geração e que consigam rodar os programas e jogos mais pesados do mercado, com certeza achará alguma opção entre o catálogo da empresa brasileira.

O maior ponto negativo da Avell é o alto preço dos seus notebooks, que é até justificável considerando suas configurações. No entanto, isso acaba tornando a marca uma opção apenas para aqueles consumidores que precisam de notebooks superpotentes e estão dispostos a pagar um bom dinheiro por isso.

Se a Avell não te agradou, veja o nosso artigo com as principais marcas de notebooks que vendem aqui no Brasil!