Notebook Multilaser é bom? Conheça prós e contras da marca

Para saber se o notebook Multilaser é bom, é necessário entender o comportamento da marca e os produtos disponíveis

Filipe SallesRedator

Publicado e atualizado 5 min. de leitura.

Compartilhe:

Marca brasileira já reconhecida pela grande quantidade de acessórios e periféricos, a Multilaser também trouxe ao mercado suas próprias linhas de computadores. Mas será que o notebook Multilaser é bom?

Isso é o que vamos avaliar nas próximas linhas. Antes disso, porém, vamos abordar um pouco sobre a empresa e descobrir qual sua nota no Reclame Aqui, maior agregador de reclamações dos consumidores no país. Afinal de contas, saber como a empresa começou e se o seu atendimento é exemplar são bons parâmetros para avaliar o quanto ela é confiável.

Em seguida, vamos falar um pouco sobre as linhas de notebooks disponíveis atualmente, assim como as principais vantagens e desvantagens em contar com o notebook Multilaser. Assim, você mesmo poderá avaliar se o notebook Multilaser é bom ou se é melhor procurar por outra marca.

Confira também aqui no Zoom:

O que é a Multilaser?

Com mais de 30 anos de mercado, a Multilaser se tornou uma marca bem conhecida pelos brasileiros por contar com produtos em quase todos os pontos de venda de eletrônicos. Seja a loja de computador do seu bairro ou em filiais de grandes varejistas, é possível encontrar de headsets gamers a volantes para PC, assim como teclados sem fio, entre vários outros.

Isso apenas no ramo da informática, já que a Multilaser possui produtos para a área infantil, equipamentos de segurança e também na de exercícios e bem-estar. O foco da marca está em oferecer tecnologia acessível a todos, ao invés de criar produtos tecnológicos para um nicho de elite. Vale lembrar que, apesar do nome em inglês, a Multilaser é uma empresa brasileira.

Nota da Multilaser no Reclame Aqui

Ainda não sabemos se o notebook Multilaser é bom, mas a empresa possui excelente avaliação no Reclame Aqui (Fonte: Reprodução/Reclame Aqui)
Ainda não sabemos se o notebook Multilaser é bom, mas a empresa possui excelente avaliação no Reclame Aqui (Fonte: Reprodução/Reclame Aqui)

Um dos principais medidores de confiabilidade de uma empresa é a nota da empresa no Reclame Aqui. Uma terceira via na relação entre consumidor e empresa, o Reclame Aqui serve para que clientes insatisfeitos com uma compra ou pelo tratamento que uma empresa ofereceu publiquem reclamações.

As empresas não possuem qualquer controle sobre o que é publicado em sua página no Reclame Aqui, então qualquer feedback dado por um consumidor não passou por edições feitas pela empresa. A nota do Reclame Aqui é obtida por meio de uma média entre o número de reclamações feitas com a quantidade de disputas resolvidas de maneira bem-sucedida.

Ou seja, quanto mais reclamações atendidas de modo que o cliente ache satisfatório, melhor é a nota. Caso contrário, a nota da empresa diminui. Antes de saber se o notebook Multilaser é bom, você precisa saber que a empresa conta, em 12 de abril de 2021, com a nota 8,3, se encaixando na melhor categoria de notas.

A nota é baseada na média de reclamações acumuladas ao longo do último ano, na qual a Multilaser recebeu 13.665 reclamações, com 13.620 delas respondidas e um índice de solução de 90,6%. Ou seja, 90% dos consumidores gostaram da solução que a Multilaser apresentou a eles.

Confira a seguir as duas principais linhas de notebook Multilaser e descubra se algum deles atende ao que você precisa!

Mutilaser Legacy: a linha de notebooks da Multilaser

A linha Legacy é a principal de notebooks Multilaser. Atualmente, ela conta com os modelos Legacy e Legacy Cloud. Ambas são linhas econômicas, cujo preço não fica acima dos R$ 2.000.

Nesse sentido, o notebook Multilaser da linha Legacy Cloud possui as configurações mais modestas, trazendo processador Intel Atom, memória RAM de 2GB e 32GB de armazenamento. A capacidade pode ser expandida ao instalar um cartão de memória.

Além disso, ele vem com tela HD de 14 polegadas, traz entrada mini HDMI para se conectar à TV e duas portas USB. Mesmo que a intenção do notebook seja oferecer uma solução bem econômica, a verdade é que elas servem apenas para tarefas muito simples, como navegação pela internet. Se quer um notebook apenas com essa função, o modelo Legacy Cloud PC130 pode te atender.

Confira também: qual é o melhor pendrive em 2021 para expandir o armazenamento do seu notebook!

Já o modelo Legacy traz configurações melhores, mas ainda é classificado como um notebook básico. Entre os notebooks Multilaser dessa linha que encontramos aqui no Zoom, ele vem com 4GB de memória RAM e processador Pentium N3700. Seu armazenamento é por meio de cartão eMMC, que permite acessar arquivos do computador mais rápido que um HD comum.

Por outro lado, ele permite armazenar apenas 64GB de arquivos, fazendo com que tenha de contar com serviços de armazenamento em nuvem ou usar um cartão de memória para expandir essa capacidade. Ele também vem com entrada de áudio para fone e microfone, uma entrada mini HDMI e duas portas USB para adicionar periféricos ou expandir o armazenamento com pendrive ou HD externo.

Essas configurações, apesar de básicas, te atenderão melhor que o modelo anterior, já que te permitirá executar programas simples para trabalhar ou estudar sem problema. Entre os dois modelos, dizemos com segurança que esse notebook Multilaser Legacy é bom.

A linha Legacy já contou com outros modelos, como o notebook Legacy Air. Porém, ele parece descontinuado, já que não se encontra disponível nem no Zoom, nem no site da fabricante.

Confira também aqui no Zoom: Como comprar notebook? Veja dicas e saiba escolher o melhor!

Multilaser M11W Prime: notebooks que viram tablets

Se você sempre ficou em dúvida entre comprar um notebook ou um tablet, você tem duas alternativas. A primeira é ver o nosso comparativo entre tablets e notebooks para entender melhor quais os critérios que deve considerar na hora de escolher qual deles irá comprar.

O segundo é comprar um notebook que também serve como um tablet, também conhecido como notebook 2 em 1! Esse é o caso do Multilaser M11W Prime. Uma de suas principais vantagens é o preço, já que ele é apenas um pouco mais caro que os notebooks da linha Legacy, mas com a vantagem de poder se transformar em um tablet com tela de toque.

Em relação às configurações, as peças dentro dele são bem parecidas com as dos outros notebooks da marca: processador Pentium N3700, memória RAM de 4GB e armazenamento de 32GB, expansível por meio de pendrive ou cartão de memória. Ou seja, ele também serve apenas para tarefas básicas e cotidianas.

O Multilaser M11W Prime também conta com duas portas USB e uma entrada micro HDMI, para se conectar à televisão. Sua única desvantagem em relação aos modelos Legacy de notebook Multilaser é a tela, com apenas 11,6 polegadas.

Confira também aqui no Zoom: Notebooks 2 em 1 valem a pena em 2021: Veja 8 modelos e avalie

Notebook Multilaser é bom? Vantagens e desvantagens

Vantagens

  • Modelos custam menos que a maioria das outras marcas
  • Portáteis e fáceis de transportar
  • Modelo 2 em 1 é ótimo para quem está em dúvida entre notebook e tablet

Desvantagens

  • Configurações não deixam você fazer muita coisa além de navegar pela internet
  • Baixo armazenamento
  • Tela em resolução HD

Conclusão: notebook Multilaser é bom?

Considerando tudo o que vemos sobre a Multilaser, suas principais linhas de notebooks e as vantagens e desvantagens que exemplificamos aqui, podemos dizer que o notebook Multilaser é bom para propósitos bem específicos. Nesse caso, o uso básico.

O motivo para isso é que seu processador, memória RAM e armazenamento conseguirão fazer com que salve alguns arquivos e navegue na internet, mas não conseguirá muito mais que isso. Por outro lado, se esse é o seu objetivo, ele é perfeito justamente por seu baixo custo.

Precisa de notebooks mais robustos para trabalhar? Então confira também se os notebooks da Lenovo são ideais para você!