Entenda antes de comprar em Panelas

Quais os tipos de panela? Entenda qual o melhor modelo para comprar

Existem diversos tipos de panela, cada um para um uso diferente; conheça alguns.

Panela
por Catarina Monteiro - Especialista em Casa.

Você precisa comprar panelas para a sua casa nova ou renovar as suas, pois já estão muito usadas? Saiba que existem diversos tipos que se diferem uns dos outros pelo material com o qual são feitos e pela sua indicação de uso. Um exemplo é a panela de pressão, utilizada para acelerar o cozimento de alguns alimentos.

Na hora da compra, você deve saber como cada uma se comporta para decidir qual a melhor para a sua casa e seu estilo de vida. Afinal, a panela certa pode fazer milagres em uma refeição e a errada pode estragar totalmente a comida. Por isso, conheça alguns modelos antes de fazer a sua escolha.

Quanto ao tipo de uso

Cada tipo de panela tem uma função e é importante respeitá-la para que dure mais. Por isso, veja os tipos mais comuns e para que serve cada um.

Panela de pressão

A panela de pressão atinge temperatura alta em pouco tempo, o que facilita o cozimento rápido de alimentos com preparo mais lento, como feijão e carnes de caça, além de economizar gás. Ela é ideal, também, para sopas e caldos, já que consegue cozinhar legumes até que se desmanchem.

Um cuidado importante é verificar se a panela está bem vedada antes de ligar o fogo. Do contrário, não funcionará e poderá até causar acidentes, pois a pressão interna é bem forte.

Caçarola

A caçarola é o modelo mais comum. Trata-se de uma panela com ou sem cabo, com tampa, na qual podem ser preparados molhos, cozidos, massas, arroz, legumes em geral, carnes... enfim, praticamente tudo.

Espagueteira

A espagueteira serve exatamente para isso: cozinhar espaguete e massas em geral. Ela tem um escorredor acoplado para facilitar a retirada da massa e evitar que cozinhe demais e fique grudada.

Alguns modelos têm um escorredor que pode ser retirado e outras têm os furos na própria tampa, como o modelo que apresentamos aqui em cima.

Frigideira

A frigideira é usada especificamente para grelhados e frituras. Existem modelos mais fundos, que podem ser utilizados para frituras que exigem imersão e também para molhos e refogados.

Os modelos mais baixos são ideais para omeletes, ovos e para grelhar carnes. Quanto mais antiaderente, melhor.

Wok

O wok é um modelo oriental que ganhou espaço nas cozinhas ocidentais pela sua praticidade. Ela facilita o cozimento dos alimentos, já que distribui o calor igualmente e é profunda, o que permite o preparo de yakissobas, risotos e até mesmo legumes no vapor.

Quanto aos materiais

Alguns materiais esquentam mais do que outros e, além disso, há alguns que são benéficos à saúde e outros, prejudiciais. Conheça alguns tipos e veja as vantagens e desvantagens de cada um.

Panela de Alumínio

As panelas de alumínio são as mais baratas e, por isso, mais comuns nos lares brasileiros. Elas são leves, esquentam rapidamente e podem ser usadas para o preparo de diversos tipos de alimentos. Porém, é preciso ter cuidado, pois o alumínio já foi associado ao aparecimento de doenças graves, como o Alzheimer.

A transferência excessiva do metal para a comida foi observada no cozimento do feijão e do arroz após três horas de fervura com o sal. Dificilmente você precisará cozinhar alimentos por tanto tempo e, por isso, o risco de contaminação é baixo. 

Vantagens:

  • Preço acessível;
  • Leveza;
  • Cozimento rápido.

Desvantagens:

  • Pode contaminar os alimentos quando a fervura exceder 3 horas;
  • Pode deformar e escurecer com o tempo e o uso constante.

Ideal para:

  • Arroz;
  • Frituras;
  • Doces;
  • Refogados;
  • Acompanhamentos, como purês e legumes.

Panela de alumínio antiaderente

As panelas antiaderentes recebem um revestimento em teflon, que faz com que os alimentos não grudem no fundo durante o preparo.

Por isso, são muito práticas e fáceis de limpar. Porém, não podem ser lavadas com esponjas de aço, pois elas retiram a antiaderência do produto. O ideal, também é utilizar colheres de pau, ou silicone, para não riscar a panela.

Vantagens:

  • Praticidade;
  • Beleza;
  • Leveza;
  • Exige menos gordura para frituras e refogados.

Desvantagens:

  • Perde a antiaderência com o tempo;
  • Não é muito durável, pois, quando o teflon começa a se desprender, é preciso descartá-la, já que o material utilizado na sua fabricação é nocivo à saúde.

Ideal para:

  • Frituras;
  • Grelhados;
  • Refogados.

Panela de inox

Por serem bonitas, as panelas de inox são muito usadas em programas de TV. Elas são duráveis porque não oxidam, ou seja, não corroem tão facilmente. Entretanto, liberam pequenas quantidades de níquel para os alimentos, o que é ruim para o organismo.

Para evitar que o níquel seja transferido para a comida e, consequentemente, para o organismo, especialistas orientam a ferver a água e descartá-la algumas vezes antes do primeiro uso. Em contrapartida, esse tipo de panela também libera cromo e ferro, metais que são benéficos em baixa dosagem.

Vantagens:

  • Bonitas;
  • Fáceis de lavar;
  • Aquecem uniformemente, permitindo melhor cozimento e economizando gás;
  • Mantém os alimentos aquecidos por bastante tempo.

Desvantagens:

  • Liberam níquel, tóxico ao organismo;
  • Não são indicadas para frituras, pois aquecem muito rápido e podem queimar o óleo;
  • Podem escurecer e riscar com o tempo, se não forem bem cuidadas.

Ideal para:

  • Cozidos;
  • Refogados;
  • Caldos;
  • Massas;
  • Molhos.

Panela de ferro

Ótimas condutoras de calor, as panelas de ferro existem há muitos anos. São muito resistentes, conservam o calor por bastante tempo e liberam ferro para os alimentos, o que ajuda a combater a anemia. Como desvantagem, pode-se citar o peso, que torna difícil o manuseio, e o preço.

Apesar de não serem muito baratas, a durabilidade do produto faz com que o investimento compense. Porém, devem ser bem cuidadas para não enferrujar. Se você optar por esse modelo, lave a panela sempre com esponja macia e sabão neutro e seque-a imediatamente.

Vantagens:

  • Distribui o calor uniformemente (por isso, dificilmente queima o alimento);
  • Tem alta durabilidade;
  • Traz benefícios à saúde.

Desvantagens:

  • Custa caro;
  • É pesada;
  • Pode enferrujar.

Ideal para:

  • Cozidos de preparo longo, como caldos, sopas e ensopados.

Panela de cerâmica

As panelas de cerâmica são bonitas e podem ser usadas até mesmo na decoração. Hoje há uma série de cores para colaborar com essa característica decorativa. Elas são duráveis e práticas, já que são muito fáceis de limpar e não exigem grandes cuidados.

Como desvantagem está a demora para esquentar, o que faz com que gastem mais gás. Também podem grudar os alimentos no fundo se não for utilizada a quantidade ideal de gordura.

Vantagens:

  • Beleza;
  • Durabilidade;
  • Praticidade.

Desvantagens:

  • Demora a esquentar;
  • Não é antiaderente.

Ideal para:

  • Molhos;
  • Cozidos;
  • Ensopados.

 

Esperamos ter tirado as suas dúvidas sobre tipos de panela, o uso da panela de pressão, da frigideira e de outros modelos, além de ajudar na escolha do melhor material.

Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em panelas