Menino de headphone em sala roxa joga em computador completo de mesa

Computador completo: tudo o que você precisa saber antes de comprar

Vendido em lojas, o computador completo vem com tudo o que você precisa para começar a usá-lo. Saiba como escolher o seu

Filipe SallesRedator

Publicado e atualizado 10 min. de leitura.

Compartilhe:

O computador completo é ideal para quem não quer ficar pesquisando por cada componente na hora de montar um PC. Na verdade, para quem quer ter um PC sem ter de passar pelo processo de montagem.

Afinal de contas, a brincadeira pode ser divertida para muitos, mas pode não ser tão interessante para quem quer apenas um computador completo em casa, sem maiores burocracias.

Apesar de não ser necessário montar um PC completo, você ainda precisa se atentar a alguns detalhes. O primeiro motivo para isso é que não acabe pagando muito caro em um computador que não vai entregar o que você quer.

Por exemplo, a gente quer te ajudar a evitar a compra de um "PC gamer" com processadores de segunda geração da Intel, por exemplo, que não vão ter a melhor performance atualmente (para você entender, a Intel está na 11ª geração de processadores).

Mulher usando um computador completo de mesa em escritório
Um computador completo é ideal para quem está montando um escritório ou um quarto gamer (Fonte: Shutterstock/Gorodenkoff)

Para começar, vamos falar um pouco sobre os componentes que você deve observar na hora de ler a descrição dos computadores e qual a configuração recomendada. Além disso, é importante notar que um PC completo não é composto apenas pelo gabinete com os componentes dentro.

Mouse, teclado e monitor também vêm no pacote, e é importante entender se você está levando um periférico de qualidade ou você corre o risco de levar um acessório descartável que irá quebrar em poucos meses.

Dica: antes de começar, confira a nossa lista com os melhores computadores de 2021!

Componentes internos de um computador completo

Processador

A peça mais importante do computador na maioria dos casos. É o processador quem vai rodar seus programas e jogos, além de renderizar todo tipo de imagem. Atualmente, existem duas principais fabricantes dessa peça: a Intel e a AMD. Do lado da Intel, os principais processadores são os Intel Core i3, i5 e i7. Da AMD, temos o Ryzen 3, 5 e 7.

Eles não são os únicos processadores disponíveis, já que também existem as linhas i9 e Ryzen 9, para computadores avançados. Já as linhas Celeron e Atom da Intel vêm equipadas em PCs básicos.

Quanto maior o número que segue a linha, maior é o número de núcleos presentes no processador, mas essa não é a informação mais importante. Saber qual é a geração do componente é essencial. Se você estiver navegando por alguma loja e essa informação não estiver presente, não compre o computador completo!

Normalmente, você consegue verificar a geração de um processador ao olhar os primeiros números de um modelo. Neste artigo, você pode aprender como saber a geração do processador. Abaixo, saiba qual a geração atual das duas fabricantes em 2021:

  • Intel: 11ª geração (número de modelos começam com 11)
  • AMD: 4ª geração (número de modelos começam com 5, não 4)
Processadores Intel Core i9 alinhados
Os processadores de gerações atuais são os mais indicados na hora de comprar um PC completo (Fonte: Shutterstock/Tester128)

Isso significa que você deve comprar apenas computadores completos com processadores de última geração? Não, mas tente se manter, no máximo, apenas duas gerações atrás. Ou seja, nona para processadores Intel Core e terceira para AMD Ryzen. Se precisa de indicações, não saia sem conferir nossa lista com os melhores processadores para PC ou notebook esse ano.

Se você quer um computador que sirva tanto para trabalhar, estudar e jogar, recomendamos um PC completo com processador i5 da Intel ou Ryzen 5 da AMD, que correspondam às gerações mencionadas acima.

Nossas indicações:

  • Processadores Intel Core i5 ou AMD Ryzen 5 das duas últimas gerações, mesmo que seu objetivo seja apenas realizar tarefas do dia a dia
  • Observe o número de modelo e a geração do processador antes de fazer a compra
  • Se essas informações não estiverem claras na descrição, não compre o PC completo!

Placa de vídeo

A placa de vídeo é importante caso você queira um PC completo para jogar ou para usar programas pesados, como editores profissionais de vídeo ou imagem. Agora, se quer apenas um computador para o dia a dia, sem a intenção de jogar ou usar esses tipos de programas, pode ser que você nem precise de uma placa de vídeo.

Alguns processadores contam com placa de vídeo integrada. Ou seja, essa placa já vem "embutida" no próprio processador. Apesar de servirem para trabalhar, estudar e até mesmo assistir a vídeos, elas não são boas para jogos.

Se quer jogar, no entanto, é necessário escolher uma placa de vídeo dedicada com cuidado. Para se aprofundar na diferença entre esses dois tipos de placa, explicamos nesse a diferença entre placa de vídeo onboard e offboard.

Nessa área, apenas a NVidia atua exclusivamente com placas de vídeo, mas existe aí também uma rivalidade com a AMD. A placa de vídeo não é tão difícil de escolher, e o próprio nome do chip gráfico já pode ser usado de referência. Uma NVidia GeForce GTX 1050 Ti, por exemplo, é uma placa de vídeo considerada básica, mas ainda é capaz de rodar a maioria dos games e programas de edição em boa qualidade gráfica.

Agora, se você quer um computador gamer completo que rode seus jogos favoritos na melhor qualidade possível, vai ter de investir bem mais. A linha RTX Série 30 da NVidia é a mais indicada, mas alguns modelos da série 20 já irão te atender, como a RTX 2080 e suas variantes.

Nossas indicações

  • A placa de vídeo só é necessária caso queira jogar ou usar programas pesados e relacionados a imagem.
  • Se quer um computador completo apenas para tarefas básicas do dia a dia, um processador com placa gráfica será o suficiente
  • Para jogos leves ou pesados com qualidade média ou baixa, a GTX 1050 Ti dará conta.
  • Para jogos que exigem mais, um computador completo com GeForce RTX 2060 ou placa superior é necessário.

Memória RAM

Não há muito mistério em relação à memória RAM. Ela tem a função de armazenar arquivos temporários e, quanto maior for seu armazenamento, maior é a capacidade de rodar programas pesados, como mostramos neste guia ensinando para que serve a memória RAM.

Computadores básicos costumam rodar com 4GB, mas não indicamos que você adquira um computador completo com essa configuração. O ideal, atualmente, é trabalhar com pelo menos 8GB. Já os 12GB e 16GB são interessantes para quem busca rodar todo tipo de jogo ou usar programas exigentes. Vale lembrar aqui que o padrão mais usado atualmente é o DDR4. Por isso, evite PC completo que venha com memória DDR3, que já está defasada.

Também é interessante notar quantas placas de memória vêm no seu computador completo. Alguns PCs com 8GB, por exemplo, vêm com duas placas de 4GB trabalhando em conjunto. O ideal é escolher computadores com placa única de 8GB, deixando um espaço livre para adicionar mais memória no futuro.

Nossa indicação: computador completo com, no mínimo, 8GB de memória RAM.

Duas placas de memória RAM da marca HyperX em uma mesa preta
A memória RAM é simples, mas essencial para garantir a performance do seu PC completo (Fonte: Shutterstock/hodim)

HD ou SSD

Outro ponto importante a se pensar é o armazenamento. Existem dois tipos de componentes para armazenar seus arquivos e jogos: o HD e o SSD. O primeiro é o mais convencional e o padrão há cerca de 50 anos. Tanto que é o único componente de computador que ainda utiliza peças mecânicas. Já o segundo é totalmente eletrônico, o que o torna mais rápido, como mostramos nesse artigo aprofundado sobre o que é SSD.

Apesar de custar menos em relação ao SSD, a velocidade do HD é bem menor. Para exemplificar, em um HD, o Windows 10 leva cerca de 1 minuto para terminar de ligar. Enquanto isso, o SSD pode levar menos de 10 segundos, dependendo do tipo de SSD. Para saber mais, confira nosso comparativo de HD e SSD e conheça o SSD NVMe, o mais rápido atualmente.

Em um computador gamer completo, também há a opção de armazenamento híbrido. Ou seja, um PC com HD e SSD instalados ao mesmo tempo. Essa é uma alternativa interessante, já que te permite ter um SSD para iniciar o PC e seus jogos favoritos mais rápido, enquanto o restante dos programas e arquivos fica no HD.

Nossas indicações:

  • Dê preferência a computadores completos com SSD instalado, ou, ao menos, uma opção híbrida de HD e SSD
  • Para computador completo dedicado a tarefas de trabalho, um SSD de 256GB será o suficiente
  • Já um PC completo para jogos que conte apenas com SSD precisa ter pelo menos 512GB de espaço
  • Para computador completo gamer, busque usar também SSD com a tecnologia NVMe
Mão segurando um SSD M.2 com tecnologia NVMe em fundo desfocado
Menor do que um HD ou até mesmo SSDs convencionais, o SSD M.2 costuma comportar a tecnologia NVMe (Fonte: Shutterstock/Hadrian)

Componentes externos do computador completo

Monitor

Alguns computadores completos vêm com monitor junto. Dependendo do seu objetivo, o monitor que acompanhar o PC será o suficiente para te atender. Especialmente ao considerar que a maioria dos monitores disponíveis no mercado têm resolução Full HD. Ainda assim, é importante verificar se o monitor do seu PC completo tem realmente essa resolução.

No entanto, se a intenção é pegar um PC completo para jogos, o ideal é um monitor que tenha frequência superior a 60Hz. Quanto maior o valor de frequência em um equipamento do tipo, maior será a quantidade de quadros por segundos (FPS) que ele será capaz de reproduzir.

Nós já falamos sobre FPS neste guia completo, mas, de modo resumido, quanto maior essa taxa, maior a fluidez e velocidade de movimento dos seus jogos. Para saber mais sobre FPS e outros termos técnicos relacionados ao equipamento, não deixe de conferir nossa página com tudo o que você precisa saber sobre monitores.

Caso o seu computador completo não venha com um monitor, será necessário comprar um para que consiga aproveitá-lo. Nesse caso, confira nossos reviews do monitor curvo Samsung 24" e do LG ultrawide de 29".

Teclado e mouse

É comum encontrar computador completo com teclado e mouse inclusos. Porém, é possível que acabe levando equipamentos de qualidade duvidosa, então é importante se atentar à marca desses periféricos antes de prosseguir com a compra. Claro que as especificações do computador em si são mais importantes que teclado e mouse, mas é importante você saber o que está levando no pacote.

Isso é muito verdadeiro especialmente se você estiver buscando um modelo gamer, no qual a sensibilidade do mouse, a quantidade de botões programáveis e o teclado retroiluminado fazem bastante diferença. Ainda assim, você pode adquirir esses periféricos separadamente, conferindo algumas de nossas listas de kit de teclado e mouse ou mouse gamer.

O que notar ao comprar computador completo?

Comprar um computador completo pode ser uma tarefa bem difícil, especialmente se você não tem muita familiaridade com o assunto. Mas o nosso objetivo aqui é simplificar o máximo possível, mas sem perder a profundidade necessária para adquirir um bom produto.

Sendo assim, veja abaixo os detalhes principais a ficar de olho na hora de pesquisar por um computador completo, queira você um PC para o dia a dia, um PC gamer para rodar jogos leves ou o desktop gamer dos sonhos.

Tabela de três linhas e quatro células mostrando configurações ideais para cada tipo de computador completo
Com essa tabela, você sabe quais as especificações ideais para cada tipo de uso do PC completo

Pé no freio: o que você deve perceber para não fazer uma compra ruim?

Além das especificações, também é necessário ficar atento a alguns detalhes que aparecem nas ofertas de computador completo. São eles:

  • Geração do processador: se essa informação não está disponível na descrição de um PC completo, não o compre, por melhor que ele pareça!
  • Geração antiga de processador: não compre computadores com processadores abaixo da nona geração da Intel ou da segunda geração da AMD.
  • Evite processadores Atom e Celeron: essas linhas são super básicas, mas costumam apresentar lentidão mesmo em tarefas do dia a dia. Se você quer jogar, então, fuja dessas linhas!
  • Memória RAM: não compre PC completo se a memória RAM for abaixo do padrão DDR4.
  • Quantidade de memória RAM: evite computadores com menos de 8GB de RAM.
  • Placa de vídeo: não compre placas de vídeo com menos de 3GB de VRAM. Apesar de não ser a especificação que define a qualidade de um componente do tipo, placas de vídeo abaixo dos 4GB de VRAM costumam ser bem antigas.
  • Armazenamento: evite computadores apenas com HD. Se precisa de espaço, então compre apenas um computador completo com HD de pelo menos 1TB.
  • Preço: por conta da pandemia e da pouca oferta de componentes usado na fabricação de peças tecnológicas, o preço dos computadores aumentou consideravelmente.

Tanto que um computador gamer básico, em julho de 2021, pode custar mais de R$ 4.000. Não compre computadores gamers muito abaixo desse preço. Existem boas chances de ser um PC defasado e que não roda quase nada.

2 opções de computador completo para jogar

Dell XPS-8940

Entre os modelos disponíveis de PC completo, a nossa indicação é o Dell XPS-8940. Com processador Intel Core i7 de 10ª geração, ele vem com placa de vídeo dedicada GTX 1660 Super. Ambos são componentes superiores ao que recomendamos acima, então você pode esperar excelente performance, inclusive em jogos.

Inclusive, vale mencionar que a placa de vídeo não é compatível com tecnologias mais recentes, como o Ray Tracing e o DLSS 2.0. Ainda assim, você conseguirá jogar games recentes em excelente qualidade gráfica.

Além disso, ele tem armazenamento híbrido com SSD de 256GB e HD de 1TB. A memória RAM do modelo é de 16GB, dividido em duas placas de 8GB. Quer saber mais sobre esse modelo? Então veja nosso guia completo sobre o PC Gamer completo Dell XPS-8940!

PC Concórdia Intel Core i5 9400F

Com processador Intel de nona geração, esse PC completo traz armazenamento híbrido com SSD de 120GB e HD de 1TB. Ele se destaca pela memória RAM de 16GB, capaz de rodar os jogos mais pesados.

A placa de vídeo intermediária GTX 1650 também te permitirá aproveitar jogos mais recentes. Porém, você deverá reduzir a qualidade gráfica. Esse modelo também acompanha um monitor curvo de 24 polegadas com resolução Full HD, embora não existam informações sobre sua frequência. Mesmo que seja apenas de 60Hz, já é um bom pontapé inicial para um computador.

E se nenhum computador completo corresponder ao que você quer?

Mesmo com as informações que mostramos ao longo do artigo, vai ser difícil encontrar um PC completo. O trabalho que você não terá para montar o computador ou ficar pesquisando peça por peça será compensado na hora de buscar um produto desse tipo.

O problema, porém, está em lojas, que muitas vezes omitem informações importantes, como a geração do processador. Isso faz com que usuários não tão familiarizados com hardware possam fazer compra ruim. Ainda assim, com as dicas acima, você estará pronto para pesquisar por computadores completos sem o medo de ser ludibriado e cair em uma pegadinha como essa.

Uma alternativa a se considerar é ir atrás de um notebook. Embora costumem custar mais que um computador completo de mesa, é raro encontrar notebooks com peças muito defasadas, como acontece na categoria de desktops completos.

Sendo assim, confira nossas listas abaixo com bons notebooks tanto para quem quer trabalhar, quanto para quem quer jogar.