Como fazer overclock em processador, placa de vídeo e memória RAM?

O overclock aumenta a potência de diversos componentes de PC. Dê um Zoom e descubra como fazer overclock em processador, placa de vídeo e memória RAM

Redação - Zoom

Publicado e atualizado 6 min. de leitura.

Compartilhe:

Antes de você aprender como fazer overclock, é importante ressaltar que essa é uma ação que exige um conhecimento prévio em informática, mas que faz a diferença em diversos componentes.

O processo de overclock é responsável por aumentar a potência e, por consequência, o desempenho de diversos componentes do PC.

Como existem diversas marcas, modelos e tipos de componentes no mercado, neste tutorial você vai descobrir como fazer overclock em processador, placa de vídeo e memória RAM de uma forma geral.

No entanto, em qualquer dúvida, você deve procurar ajuda de um técnico em informática ou consultar orientação oficial da fabricante do componente em que você pretende fazer o overclock. Temos um artigo aqui no Zoom que explica o que é overclock e quais os seus riscos.

Saiba como fazer overclock em diversos componentes do seu PC (Foto: Reprodução/Shutterstock)
Saiba como fazer overclock em diversos componentes do seu PC (Foto: Reprodução/Shutterstock)

Pensando em trocar de notebook? Que tal dar uma olhada nas nossas listas?

Como fazer overclock em processador

Confira agora como fazer overclock em processador (Foto: Reprodução/Shutterstock)
Confira agora como fazer overclock em processador (Foto: Reprodução/Shutterstock)

Os processadores são os cérebros do computador. São eles que fazem os cálculos necessários para que as tarefas, desde as mais básicas até as mais avançadas, sejam executadas.

Por isso, é fundamental ter um processador com a melhor capacidade possível. E o overclock ajuda a melhorar essa capacidade.

Fique atento as nossas dicas e em qualquer dúvida, pare o processo para não danificar seu processador.

Verifique seu processador

O processo de overclock exige que sejam feitos diversos testes. Um dos testes é para saber se o processador está em espera ou funcionando com força total. Para executar este teste, é necessário baixar um programa chamado Prime95.

E para acompanhar a temperatura da sua CPU, é indicado o download do CoreTemp.

Confira agora alguns modelos de processadores que suportam o overclock:

Teste seu processador

Após baixar e instalar ambos os aplicativos, é a hora dos testes.

No Prime95, selecione “Just stress testing”. Após isso, escolha “Blend Test” e selecione OK. No CoreTemp, fique atento a temperatura do seu processador enquanto os testes são feitos.

É recomendado que não se mexa no computador durante os testes, para que eles sejam feitos da maneira correta. Após dez minutos, você já pode ver os resultados e parar o teste.

Para encerrar os testes, abra o Prime95, encontre a opção “Test” e clique em “Stop”. Nesse momento, você está pronto para entrar na BIOS e fazer o overclock.

Auto-overclock na BIOS

Para acessar a BIOS do seu computador, reinicie o sistema e no momento que o computador ligar, aperte a tecla “Delete”, “F1” ou “F2”, dependendo do modelo da sua placa-mãe.

Dentro desta tela, procure a opção Overclock. Cada BIOS possui um sistema diferente, mas geralmente sempre estará identificado com algo relacionado a Overclock.

Nas opções, você poderá ver diversas configurações pré-determinadas de overclock. Se o usuário selecionar uma destas pré-configurações e reiniciar o computador, o próprio sistema vai se ajustar para aplicá-la.

Mas caso o usuário deseje uma frequência maior que as pré-determinadas, ele deverá alterar o multiplicador, que será explicado no próximo passo.

Altere o multiplicador

O multiplicador dentro da BIOS consegue aumentar ainda mais a frequência de potência do processador. No entanto, quando as opções não constam como as pré-configuradas, existe um risco maior.

Para alterar o multiplicador, tente encontrar a opção que altera a razão do multiplicador da CPU. Essa razão trabalha com a frequência dos núcleos do processador (geralmente 100). Então, se multiplica e você tem o resultado da frequência.

Teste o limite máximo e encontre o equilíbrio

O usuário pode ir testando os limites do overclock. No entanto, é recomendado que as alterações sejam mínimas a cada tentativa, para que, em caso do processador não suportar, ele não tenha maiores problemas.

Ao encontrar o equilíbrio de potência do seu processador, o overclock está pronto e o usuário poderá sentir um computador mais potente e rápido.

Testes periódicos

É altamente recomendável testar periodicamente os resultados do overclock por meio dos aplicativos que listamos acima. Se a temperatura estiver muito alta, talvez seja uma boa ideia diminuir a potência para preservar seu processador.

Como fazer overclock em placa de vídeo

O overclock em placas de vídeo exige prática e algum conhecimento. Mas isso pode ser facilitado se utilizado alguns aplicativos próprios, como o MSI Afeterburner, que iremos explicar seu uso agora.

Como fazer overclock em placa de vídeo: MSI Afterburner

Passo 1. Depois de baixar e instalar o MSI Afterburner, abra o aplicativo e vá até as configurações, clicando sobre a engrenagem no centro da tela do aplicativo.

Como fazer overclock de GPU: utilize o MSI Afterburner (Foto/Hugo Iwaasa)
Como fazer overclock de GPU: utilize o MSI Afterburner (Foto/Hugo Iwaasa)

Passo 2. Verifique se o aplicativo está reconhecendo sua placa de vídeo

Verifique se o MSI Afterburner está reconhecendo o modelo da sua placa de vídeo (Foto/Hugo Iwaasa)
Verifique se o MSI Afterburner está reconhecendo o modelo da sua placa de vídeo (Foto/Hugo Iwaasa)

Passo 3. Ative o monitoramento para aparecer na tela. Desta forma você pode acompanhar o desempenho em tempo real após o overclock. Para isso, vá até a aba “Monitoramento” e marque a caixa de seleção “Exibir informações na tela”.

Acompanhe em tempo real os resultados do overclock (Foto/Hugo Iwaasa)
Acompanhe em tempo real os resultados do overclock (Foto/Hugo Iwaasa)

Passo 4. Na tela inicial do MSI Afterburner, você tem algumas barrinhas de configuração que podem ser arrastadas para o lado e com isso você altera as configurações da sua placa de vídeo.

Altere as configurações para fazer o overclock (Foto/Hugo Iwaasa)
Altere as configurações para fazer o overclock (Foto/Hugo Iwaasa)

Passo 5. Arraste essas barrinhas ao pouco para ir ajustando as configurações da sua placa de vídeo. Não é recomendável grandes alterações bruscas, pois isso pode danificar sua placa de vídeo.

Clique no sinal de confirmar para salvar as novas configurações.

Confirme as alterações para surtir efeito (Foto/Hugo Iwaasa)
Confirme as alterações para surtir efeito (Foto/Hugo Iwaasa)

Teste muito as novas configurações e compare com os resultados antigos. Não se esqueça de qualquer dúvida, restaurar as configurações de fábrica da sua placa. Fique atento a mudanças bruscas de temperatura, que podem indicar alguma falha na sua placa de vídeo.

Confira alguns modelos de placa de vídeo que suportam overclock para comprar!

Como fazer overclock em memória RAM

O overclock da memória RAM é muito semelhante ao que passamos no overclock do processador. O usuário deverá entrar na BIOS do computador e alterar configurações básicas para isso.

Caso você tenha dúvidas, na hora de ligar o computador, segure o botão “Delete” para acessar a BIOS. Em alguns modelos de placa-mãe este botão também pode ser o F1 ou F2.

Dentro da BIOS, procure pela opção de Memória RAM, onde você pode encontrar as opções de configuração.

Já na aba da Memória RAM, você pode alterar a frequência da memória se ela não estiver sendo utilizada no máximo. Existe um limite de aumento da frequência, então é recomendável que o usuário vá aumentando gradativamente a frequência.

A cada alteração, é recomendável utilizar o computador por algum tempo para testar se não há nenhuma queda de desempenho ou instabilidade.

Vá fazendo testes ao longo do tempo para garantir essa estabilidade e se precisar, altere a frequência para mais ou para menos. No caso de qualquer dúvida, é sempre recomendado consultar um especialista no assunto.

Confira agora alguns modelos de Memória RAM que suportam overclock