iPhone 12 Pro Max vs Galaxy S21 Ultra: qual é o melhor entre os dois?

Veja diferenças, destaques, fichas técnicas e preços para te ajudar a escolher entre Apple e Samsung

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 10 min. de leitura.

Compartilhe:

Se você quer investir nos melhores celulares do momento, não pode deixar de olhar o iPhone 12 Pro Max e o Galaxy S21 Ultra, dois aparelhos super potentes e que possuem os recursos mais avançados do mercado. Ambos possuem processadores de última geração, conjunto de câmeras para fotos e vídeos em alta qualidade, baterias com longa duração e telas que proporcionam as melhores experiências ao assistir vídeos.

Essas são apenas algumas das características dos dois aparelhos, que possuem uma ficha técnica extensa. Se você está de olho neles mas não sabe qual comprar, chegou ao lugar certo! O Zoom preparou um comparativo entre o iPhone 12 Pro Max e Galaxy S21 Ultra para te mostrar os principais recursos de cada um, suas fichas técnicas e claro, os melhores preços deles no Brasil.

Confira abaixo o comparativo entre os celulares da Samsung e Apple.

Produto indisponível

Produto indisponível

Lançamento
Outubro de 2020
Janeiro de 2021
Linha
iPhone 12
Galaxy S21
Tamanho da tela
6,7 polegadas Super Retina XDR OLED
6,8 polegadas Dynamic AMOLED 2x
Resolução da tela
1284 x 2778 pixels
2k (1440 x 3200 pixels)
Processador
Apple A14 Bionic (hexa-core de até 3,1 GHz)
Samsung Exynos 2100 (octa-core de até 2,9 GHz)
Memória ram
6GB
12GB
Armazenamento
64 GB, 128 GB,  256 GB ou 512 GB
128 GB, 256 GB e 512 GB
Memória expansível
Não
Não
Câmera traseira

Tripla:

- 12 MP (f/1.6) com estabilização óptica e dual-pixel

- 12 MP teleobjetiva (f/2.2) com estabilização óptica e zoom de 2x

- 12 MP ultra-wide (f/2.4) com super estabilização

Quadrupla:

- 108 MP (f/1.8) com estabilização óptica e foco a laser

- 10 MP teleobjetiva (f/4.9) com estabilização óptica e zoom óptico de 10x 

- 10 MP teleobjetiva (f/2.4) com estabilização óptica e zoom óptico de 3x 

- 12 MP ultra-wide (f/2.2) com super estabilização

Câmera frontal
12MP (ff/2.2) + SL 3D
10MP (f/2.2)
Filma em
8K @ 24 fps
4K @ 60 fps
Bateria
Até 20 horas de uso contínuo
5.000 mAh
Dual chip
Sim
Sim
Acesso à internet
Sim (4G e 5G)
Sim (4G e 5G)
Sistema operacional
iOS 14
Android 11
Leitor de digitais
Não
Sim, na tela
Reconhecimento facial
Sim
Sim
Resistência à água e poeira
Sim (IP68)
Sim (IP68)
TV Digital
Não
Não
Dimensões
160.8 x 78.1 x 7.4 mm
165.1 x 75.6 x 8.9 mm
Peso
228 g
227 g
Cores
Prata, Cinza, Dourado e Azul
Phantom Black (Preto), Phantom Silver (Prata), Phantom Titanium (Titanium), Phantom Navy e Phantom Brown (Marrom)
Ofertas
Produto indisponível
Produto indisponível

Design do Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)
Design do Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)

Design

O Galaxy S21 Ultra tem acabamento feito em alumínio, com a parte traseira toda de vidro protegido pelo Gorilla Glass Victus. A Samsung aposta em cores lisas para os aparelhos, bem como uma "armadura" para alocar as câmeras traseiras, dispostas verticalmente. Na parte frontal o aparelho possui bordas bem finas e apenas um furo para alocar a câmera de selfies.

Design do iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)
Design do iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)

A Apple segue com o mesmo design da geração anterior. O acabamento lateral é em alumínio e volta a ser achatado, como em modelos antigos. A pintura é lisa, e as câmeras são alocadas em um módulo quadrado, chamado pelos especialistas de “cooktop”. Na parte frontal a empresa continua adotando o entalhe retangular para sua câmera frontal e sensores.

Os dois celulares possuem alto-falantes estéreos, não contam com entrada para fones de ouvido e possuem proteção contra água. O peso também é praticamente o mesmo, já que o iPhone tem 228 gramas e o Galaxy S21 tem 227 gramas.

Tela

O Galaxy S21 Ultra tem suporte a S Pen. (Foto: Divulgação/Samsung)
O Galaxy S21 Ultra tem suporte a S Pen. (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy S21 Ultra também tem uma tela gigante, de 6,8 polegadas. Ela usa tecnologia Dynamic AMOLED 2X e resolução 2K (1440x3200 pixels), que é ainda melhor que a Full HD. O aparelho também possui o maior brilho entre os celulares atualmente, alcançando até 1500 nits. Parte disso se dá graças ao recurso de HDR10, que melhora o brilho e deixa as cores ainda mais vívidas.

O celular da Samsung tem Gorilla Glass Victus (camada protetora contra arranhões) e chega com 120 Hz de taxa de atualização adaptável, que alterna entre diferentes valores dependendo do que o usuário estiver fazendo no aparelho. A cereja do bolo é o suporte a S Pen, sendo o único celular da linha a ter o recurso. No entanto, é válido destacar que a caneta é vendida de forma separada.

O iPhone 12 Pro Max possui tela de 6,7 polegadas. (Foto: Divulgação/Apple)
O iPhone 12 Pro Max possui tela de 6,7 polegadas. (Foto: Divulgação/Apple)

O iPhone 12 Pro Max tem a tela de 6,7 polegadas, apenas uma polegada menor que o concorrente. Ela usa a tecnologia Retina XDR OLED, que promete entregar cores vívidas, um bom contraste e brilho alto (até 1200 nits). As especificações não acabam por aí, o celular da Apple ainda tem resolução 1284 x 2778 e HDR10, recurso que melhora a cor e brilho das imagens.

Outra tecnologia interessante é o True Tone, que ajusta a tonalidade da tela de acordo com a luminosidade do ambiente. Para evitar arranhões no dia a dia, o iPhone 12 possui a nova proteção Ceramic Shield, que dá uma resistência contra impactos quatro vezes maior do que a tecnologia adotada em modelos anteriores.

Desempenho

O Galaxy S21 Ultra é vendido com até 512 GB de armazenamento interno. (Foto: Divulgação/Samsung)
O Galaxy S21 Ultra é vendido com até 512 GB de armazenamento interno. (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy S21 Ultra usa o Exynos 2100, modelo octa-core que chega a até 2,9 GHz e é de fabricação da própria Samsung, que é de fabricação da própria Samsung. Graças a várias otimizações de IA, o celular apresenta um desempenho incrível em qualquer jogo ou app da Play Store. A fabricante afirma que ele tem 20% mais desempenho que a geração anterior, além de ser mais econômico, graças à litografia de 5 nm.

O iPhone 12 não fica para trás com o Apple A14 Bionic, modelo hexa-core que foi o primeiro do mundo a ser feito em litografia de 5 nm. O aparelho da Apple também roda qualquer jogo ou app do momento, e sua rede neural está 80% mais rápida e consegue trabalhar com até 18 núcleos, o dobro da geração anterior. Ao todo, são 11 trilhões de operações por segundo, o que torna o aparelho um dos mais potentes da atualidade.

O Apple A14 Bionic é um dos processadores mais rápidos da atualidade. (Foto: Divulgação/Apple)
O Apple A14 Bionic é um dos processadores mais rápidos da atualidade. (Foto: Divulgação/Apple)

Além do ótimo desempenho, os aparelhos podem ser encontrados em diferentes versões. O Galaxy S21 Ultra é vendido com 12 GB de memória RAM e 128 GB ou 256 GB de armazenamento interno. Já o iPhone 12 tem 6 GB de memória RAM e pode ser encontrado com 128 GB, 256 GB ou 512 GB de armazenamento interno. Nenhum dos celulares tem slot para cartão de memória.

O Galaxy S21 chega de fábrica equipado com o Android 11, novo sistema operacional do Google. Já o iPhone 12 usa o iOS 14, que é o sistema mais atualizado da Apple. É válido destacar que os dois celulares possuem suporte às redes 5G.

Câmeras

Câmeras traseiras

Câmeras do iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)
Câmeras do iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)

O iPhone 12 Pro Max possui um conjunto triplo de câmeras e todas têm 12 MP. A principal tem abertura f/1.6, dual pixel, foco automático por detecção de fase e estabilização óptica por deslocamento de sensor. A secundária tem abertura f/2.0 e lente ultra-wide, para um enquadramento maior. A terceira possui abertura f/2.4, lente teleobjetiva, com zoom óptico de cinco vezes e digital de até 12 vezes.

O aparelho também tem um sensor LIDAR, cuja tecnologia faz um reconhecimento 3D do ambiente, melhorando a precisão do foco em locais com baixa iluminação, fazendo um recorte quase perfeito no modo retrato e também dando possibilidade do uso de aplicativos de realidade aumentada.

Modo noturno do iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)
Modo noturno do iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)

A Apple ressalta o novo modo noturno, que deve entregar imagens em ótima qualidade e com muitos detalhes, mesmo em iluminação muito baixa. A tecnologia Deep Fusion analisa várias exposições para aumentar os detalhes em cenários com iluminação comprometida. Já o HDR 3 usa aprendizado de máquina e inteligência artificial para destacar os detalhes do objeto principal, preservando a cor do restante da cena.

Câmeras do Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)
Câmeras do Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy S21 Ultra tem conjunto quádruplo de câmeras. O sensor principal tem 108 MP e estabilização óptica; a secundária tem 12 MP e lente ultra-wide; a terceira e quarta possuem 10 MP e lentes teleobjetivas com abertura f/2.2 e f/2.4 respectivamente, além de oferecerem zoom óptico de 3 vezes e 10 vezes.

Já é esperado que o aparelho consiga fotos incríveis, mas a novidade é que agora a Samsung deixou de usar a tecnologia quad-pixel para usar a Nona Binning, então ao invés de transformar 4 pixels em 1, ela irá transformar 9 pixels em 1. Além de as fotos ficarem com mais detalhes, o modo noturno do celular teve um grande avanço quando comparado às gerações anteriores.

Modo noturno do Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)
Modo noturno do Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)

Com um sistema de dois zooms, o Galaxy S21 Ultra consegue aproximar a imagem de forma mais rápida e suave. Ele pode combinar o zoom óptico com o digital para dar ao usuário a possibilidade de zoom de até 100 vezes! Outro recurso bacana é o Single Take, em que o celular faz um pequeno vídeo e seleciona os melhores frames da gravação para transformar em fotos.

Câmeras frontais

Estúdio virtual para edição de fundos no Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)
Estúdio virtual para edição de fundos no Galaxy S21 Ultra. (Foto: Divulgação/Samsung)

A câmera frontal de 40 MP não decepciona nas selfies e consegue fazer o efeito do modo retrato com muita precisão. A empresa destaca opções de iluminação de estúdio virtual (também disponíveis para as câmeras traseiras), dessa forma você consegue mudar a iluminação do fundo que foi recortado, deixando ele preto e branco e você com cores, por exemplo.

O iPhone 12 Pro Max oferece modo noturno para a câmera frontal também. (Foto: Divulgação/Apple)
O iPhone 12 Pro Max oferece modo noturno para a câmera frontal também. (Foto: Divulgação/Apple)

O iPhone 12 Pro Max tem uma câmera frontal de 12 MP, com abertura f/2.2, HDR integrado e possibilidade de fazer vídeos na resolução 4K. Ao lado dela o celular possui um sensor SL 3D, que além de ajudar no recorte das fotos no modo retrato, também dá mais velocidade e segurança para o reconhecimento facial (Face ID). É válido destacar que essa câmera também pode usar o modo noturno do aparelho.

Gravações de vídeo

O Galaxy S21 Ultra filma com todas as câmeras simultaneamente. (Foto: Divulgação/Samsung)
O Galaxy S21 Ultra filma com todas as câmeras simultaneamente. (Foto: Divulgação/Samsung)

O Galaxy S21 Ultra faz gravações em 8K, mas o grande destaque para vídeos é o modo Director’s View. Com ele o usuário pode alternar entre as câmeras durante a gravação, sendo que as outras câmeras também ficam ligadas o tempo todo. Dessa forma é possível ver a miniatura delas e ter a “visão de diretor”, escolhendo qual a melhor lente para cada momento e fazendo a troca sem ter que parar a gravação.

As filmagens ainda contam com super estabilização e o recurso de Bluetooth Mix, que permite o celular se conectar a um microfone sem fio e gravar com dois microfones. A empresa também destaca o modo HDR 12, que dá até 60 vezes mais cores às filmagens feitas com o celular.

Já o iPhone 12 Pro Max faz vídeos em 4K a até 60 FPS, e tem o diferencial da estabilização óptica por deslocamento de sensor, fazendo com que o vídeo fique sem tremidos. Ele é o primeiro a conseguir gravar com o recurso de Dolby Vision HDR, que entrega até 60 vezes mais cores que o convencional.

Bateria

O iPhone 12 Pro Max tem autonomia de 20 horas de bateria em uso para reprodução de vídeos. (Foto: Divulgação/Apple)
O iPhone 12 Pro Max tem autonomia de 20 horas de bateria em uso para reprodução de vídeos. (Foto: Divulgação/Apple)

Apesar de não informar o tamanho da bateria do iPhone 12 Pro Max, a Apple diz que ele possui autonomia de até 20 horas de reprodução de vídeo contínua, ou 80 horas de reprodução de áudio. Ele suporta carregadores turbo de até 20W, então o usuário pode carregar até metade da bateria em apenas 30 minutos.

O carregamento sem fio pelo MagSafe é uma das novidades da linha. Com ele, o usuário pode usar o carregamento sem fio com indução aprimorada, e a traseira do celular possui um conjunto de ímãs e NFC para identificação de acessórios. Serão produzidos diferentes carregadores, capas, capa-carteira, entre outros acessórios que “grudam” no celular pelos imãs, ativando funções específicas.

Sistema de MagSafe no iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)
Sistema de MagSafe no iPhone 12 Pro Max (Foto: Divulgação/Apple)

O Galaxy S21 Ultra tem a maior bateria dos aparelhos da linha S21. Ao todo são 5.000 mAh, que oferecem autonomia de pelo menos um dia completo mesmo com o 5G ligado. Ele tem suporte a carregadores turbo de até 25W, mas também pode ser carregado sem fio ou mesmo “doar” carga para dispositivos compatíveis, graças a tecnologia de carregamento reverso.

Para diminuir a emissão de carbono na atmosfera, as duas empresas decidiram vender seus celulares em carregador e fone na caixa. No entanto, após um acordo com o Procon, a Samsung irá fornecer o carregador gratuitamente para quem desejar. Isso só é válido para o mercado brasileiro, ou seja, modelos comprados fora não terão direito ao acessório aqui no Brasil.

O Galaxy S21 Ultra não possui carregador na caixa. (Foto: Divulgação/Samsung)
O Galaxy S21 Ultra não possui carregador na caixa. (Foto: Divulgação/Samsung)

Conclusão: Qual celular é o melhor?

É seguro dizer que, no momento da publicação desta matéria, os dois celulares são alguns dos melhores que o mercado global possui, por isso é difícil dizer qual é o melhor. Ambos apresentam uma construção premium, possuem câmeras de excelente qualidade e desempenho para rodar qualquer app das suas lojas de aplicativos pelos próximos anos.

O que realmente vai ajudar você a escolher qual é o melhor, é a sua preferência pelo sistema operacional. Se você já usa o iOS ou deseja experimentá-lo, então o iPhone 12 Pro Max é uma ótima escolha, principalmente se você pretende comprar outros aparelhos da marca. Se curte o Android e deseja já ir para a versão 11, então não hesite em pegar o Galaxy S21 Ultra.

No entanto, o preço dos celulares aqui no Brasil é muito alto. O Galaxy S21 Ultra pode ser comprado na pré-venda por *R$ 7.649 em sua versão de 256 GB, ou *R$ 9.449 na de 512 GB. Já o iPhone 12 Pro Max é vendido por *R$ 8.459 (128 GB), *R$ 8.702 (256 GB) e *R$ 9.801 (512 GB).

*Alerta de flutuação de preços: os preços desta matéria foram coletados em 23/02/2021. Esses valores estão sujeitos à alteração mediante disponibilidade no mercado. Compare as ofertas no Zoom e use nosso histórico de preços para saber qual é a melhor hora de comprar seu novo celular.

Veja abaixo os melhores preços para cada aparelho.

Está em busca de um Samsung ou iPhone? Crie um Alerta de Preço e receba notificações quando o aparelho chegar no valor que deseja pagar. Veja como abaixo!