Moto G8 vs Moto G8 Plus: quais as diferenças entre os celulares Motorola?

Comparativo detalha ficha técnica dos smartphones. Descubra qual é o melhor Moto G para você.

Moto G8 vs Moto G8 Plus: quais as diferenças entre os celulares Motorola?
Ricardo BergherEditor(a)

Publicado e atualizado 6 min. de leitura.

O Moto G8 e o Moto G8 Plus são celulares Motorola anunciados em épocas diferentes. Enquanto o primeiro acaba de chegar ao Brasil, a versão “Plus” começou a ser vendida por aqui ainda em 2019.

O tempo entre o lançamento dos dois smartphones resultou em algumas mudanças no design dos aparelhos, além das esperadas diferenças em ficha técnica. No entanto, o preço no comércio eletrônico é bem semelhante, o que pode causar confusão na hora da compra.

Para entender, em detalhes, as especificações de cada modelo, e descobrir qual deles é o melhor Moto G8 para você, basta dar um Zoom neste comparativo.

Leia também: Review Moto G8 Plus: testamos o celular da Motorola

a partir de:R$ 1.168,90

a partir de:R$ 1.487,07

Data de lançamento
Março de 2020
Outubro de 2019
Tamanho da Tela
IPS LCD com 6,4 polegadas (19.5:9)
LTPS IPS LCD com 6,3 polegadas (19:9)
Resolução da Tela
HD+ (1560 x 720 pixels)
Full HD+ (2280 x 1080 pixels)
Processador
Snapdragon 665 (octa-core de até 2 GHz)
Snapdragon 665 (octa-core de até 2 GHz)
Memória RAM
4 GB
4 GB
Armazenamento
64 GB
64 GB
Memória expansível
Sim (não especificado)
Sim (microSD de até 512 GB)
Câmera traseira
16 MP (f/1.7) + 8 MP (ultra-wide) + 2 MP (macro)
48 MP (f/1.7) + 16 MP (ultra-wide) + 5 MP (profundidade)
Câmera frontal
8 MP (f/2.0)
25 MP (f/2.0)
Filma em
4K @ 30 fps
4K @ 30 fps
Bateria
4.000 mAh
4.000 mAh
Dual chip
Sim
Sim
Acesso à Internet
4G, 3G e Wi-Fi
4G, 3G e Wi-Fi
Sistema operacional
Android 10
Android 9.0 (Pie)
Leitor de digitais
Sim, na traseira
Sim, na traseira
Reconhecimento Facial
Sim
Sim
Carregamento sem fio
Não
Não
Dimensões
161,3 x 75,8 x 9 mm
158,4 x 75,8 x 9,1 mm
Peso
188,3 g
188 g
Cores
Branco Prisma e Azul Capri
Azul Safira e Cereja
Ofertas
Ver preçosVer preços

Design e tela: Moto G8 tem visual mais moderno, mas “Plus” ganha em definição de imagem

Os dois celulares são bem parecidos, principalmente em sua construção. Ambos têm corpo feito de um plástico rígido que reflete, imitando vidro. Eles contam com leitor biométrico na traseira, esse que é disfarçado com o símbolo da Motorola, o que já é clássico da marca.

O Moto G8 deixou o uso do notch em formato de gota para trás e usa um “furo” mais discreto, alinhado à esquerda do display, para abrigar a câmera. Já o Moto G8 Plus, que é alguns meses mais antigo, ainda preserva o entalhe maior, alinhado ao centro.

Tela do Moto G8 tem “furo” para abrigar câmera frontal. (Imagem: Divulgação/Motorola)
Tela do Moto G8 tem “furo” para abrigar câmera frontal. (Imagem: Divulgação/Motorola)

E por falar em tela, com painéis LCD praticamente iguais em tamanho (o Moto G8 tem 6,4 polegadas e o “Plus” tem 6,3 polegadas), a grande diferença entre os modelos é a resolução. A versão convencional tem tela HD+, contra Full HD+ do modelo mais robusto. Na prática, o Moto G8 Plus deve entregar imagens mais nítidas, sem serrilhados.

Você vai achar o G8 nas cores Branco Prisma e Azul Capri. Já seu “irmão mais velho” é encontrado nas cores Cereja e Azul Safira.

Câmeras: Moto G8 Plus tem câmera de ação ultra-wide e tecnologia Quad Pixel; Moto G8 faz fotos ‘macro’

O Moto G8 tem câmera tripla na traseira, bem como a versão “Plus”. No entanto, os modelos têm sensores com resoluções diferentes, e lentes com propostas também distintas.

No convencional, a lente principal tem sensor de 16 MP, com abertura f/1.7, detecção por fase e foco automático a laser. Há ainda uma lente ultra-wide com sensor de 8 MP (f/2.2) e uma terceira com sensor de 2 MP (f/2.2) para fotos macro (que permitem fotografar detalhes estando bem próximo ao objeto).

No geral, o celular promete boas fotos, um bom balanço de cores e certo nível de detalhes, mas não podemos exigir tanto assim deste aparelho já que ele é uma opção intermediária. A câmera frontal tem 8 MP e abertura f/2.0, com função HDR.

Moto G8 Plus tem câmera tripla com tecnologia Quad Pixel. (Imagem: Ana Marques/Zoom)
Moto G8 Plus tem câmera tripla com tecnologia Quad Pixel. (Imagem: Ana Marques/Zoom)

Já o Moto G8 Plus dá um salto nas câmeras. Sua principal lente acompanha sensor 48 MP, abertura f/1.7, detecção por fases e foco automático a laser. Há ainda uma lente ultra-wide com sensor de 16 MP, que é dedicada a vídeos de ação (funciona como uma espécie de GoPro, gravando na horizontal mesmo quando o aparelho está na vertical). A terceira lente acompanha sensor de 5 MP, com abertura f/2.2 e serve mapear profundidade, auxiliando no Modo Retrato.

Para selfies, o Moto G8 Plus tem câmera frontal tem 25 MP e abertura f/2.0, também com suporte a HDR.

Na prática, a qualidade de fotos do Moto G8 Plus tende a ser superior, principalmente porque a câmera principal usa a tecnologia Quad Pixel, que une quatro pixels em um só para aumentar a sensibilidade à luz e formar uma imagem com mais riqueza de detalhes.

Desempenho: o mesmo hardware, versões diferentes do sistema Android

Aqui temos um ponto que dá empate técnico para os dois aparelhos. Apesar das diferenças citadas anteriormente, eles usam o mesmo processador Snapdragon 665, que atinge velocidade de até 2 GHz, além de terem a mesma placa gráfica, a Adreno 610.

Eles também estão disponíveis nas mesmas configurações de memória RAM e armazenamento: 4 GB e 64 GB, respectivamente. Há ainda a possibilidade de expansão via microSD (vendido separadamente).

Moto G8 Plus e Moto G8 contam com 64 GB de armazenamento. (Imagem: Ana Marques/Zoom)
Moto G8 Plus e Moto G8 contam com 64 GB de armazenamento. (Imagem: Ana Marques/Zoom)

Com essas configurações, tanto o Moto G8 quanto o Moto G8 Plus prometem executar diversos aplicativos e jogos de complexidade média sem nenhum problema de desempenho.

É válido ressaltar que o Moto G8 já chega com o Android mais atualizado, a versão 10, enquanto o G8 Plus tem o Android 9.0 (Pie) como sistema operacional de fábrica.

Bateria de 4.000 mAh nas duas versões

Os dois modelos deste comparativo contam com bateria de 4.000 mAh. Apesar de usarem o mesmo processador e placa gráfica, é válido lembrar que o “Plus” tem tela com qualidade superior, que consome mais energia.

No geral, ambos devem aguentar a um dia inteiro longe das tomadas, com uso moderado. O Moto G8 Plus tem a vantagem de ter carregamento rápido de 15 W, então você pode obter uma boa quantidade de carga em apenas alguns minutos.

Tela de maior resolução do Moto G8 Plus tende a consumir mais energia. (Imagem: Ana Marques/Zoom)
Tela de maior resolução do Moto G8 Plus tende a consumir mais energia. (Imagem: Ana Marques/Zoom)

Preço e custo-benefício: qual a melhor opção de compra?

Apesar de terem preços de lançamento diferentes (R$ 1.699 para o Moto G8 Plus e R$ 1.399 para o Moto G8 convencional), no comércio eletrônico, os celulares custam basicamente a mesma coisa: por volta de R$ 1.200.

Desse modo, tendo em vista que os smartphones prometem desempenho similar, para quem é apaixonado por fotos e vídeos, vale mais a pena comprar a versão “Plus”. Ele também é o melhor modelo para quem curte assistir a séries e filmes pelo telefone, já que sua tela é Full HD+. A exceção fica por conta de quem prefere um visual mais moderno, encontrado no G8 convencional, com “furo” na tela.

Leia também: