Lançado em 1985, o livro O Conto da Aia, de Margaret Atwood, baseou a série de sucesso The Handmaid's Tale, mesmo título do livro original. A história mostra...

Ver análise completa

Luiza Ramalho Especialista em Livros e Música

Criar alerta de Preço
Resumo do histórico de preçosVeja as principais mudanças nos preços deste produto.
Variação de preço:
Menor preço últimos 40 dias:
Menor preço hoje: R$ 24,20
Quer mais? Acompanhe a variação de preços dos últimos 6 meses. Ver histórico completo
Este produto não tem histórico de preços recentes.

Encontramos preços em 4 lojas confiáveis

  • Foto O Conto da Aia | Amazon
    Amazon
    à vista por
    R$ 24,20
    Amazon
    Ir à loja
  • Foto Livro - O conto da aia | Shoptime
    Shoptime
    à vista por
    R$ 26,93
    Shoptime
    Ir à loja
  • Foto Livro - O conto da aia | Submarino
    Submarino
    à vista por
    R$ 24,72
    Submarino
    Ir à loja
  • Foto Livro - O conto da aia | Americanas
    Americanas
    à vista por
    R$ 26,99
    Americanas
    Ir à loja

Histórico de preços (R$) Menores preços desse produto

Está caro?

Erro

Deixa que a gente te avisa quando baixar.

Preço no dia do cadastro R$ 0,00

Menor preço hoje R$ 24,20

Quanto gostaria de pagar? R$

Ficha técnica de O Conto da Aia - Atwood, Margaret - 9788532520661

Informações Básicas
ISBN
  • 9788532520661
ISBN-10
  • 8532520669
Autor
Atwood, Margaret
Título
O Conto da Aia
Editora
ROCCO
Gênero
Literatura Estrangeira Contos e Crônicas

Alguma dúvida? Pergunte ao Especialista

Análise do Especialista

"Lançado em 1985, o livro O Conto da Aia, de Margaret Atwood, baseou a série de sucesso The Handmaid's Tale, mesmo título do livro original. A história mostra como a ascensão de uma sociedade fundamentalista controlada por homens foi capaz de tirar toda e qualquer liberdade das mulheres."

Criado por Luiza Ramalho em 13/11/2017.

O Conto da Aia, de Margaret Atwood, volta a chamar atenção depois da série The Handmaid’s Tale

Editado pela primeira vez em 1985, o livro O Conto da Aia, da escritora Margaret Atwood, ganhou reedições e aparece entre os best-sellers de vários lugares do mundo após o lançamento da série que baseou, The Handmaid's Tale, o mesmo nome do livro no original.

O romance distópico se passa na República de Gilead, novo nome de um país democrático que passou a uma teocracia, ou seja, governado por fundamentalistas religiosos. Entre outras muitas mudanças, as mulheres perderam qualquer forma de liberdade, desde ler e escrever até serem responsáveis por suas vidas, já que tudo está nas mãos desse Estado governado por homens.

As mulheres, agora, são divididas em categorias: as Marthas são as governantas, as Esposas são as responsáveis pela administração da casa, e as Aias são as reprodutoras. Cada mulher nasceu em uma dessas categorias, e passa a vida toda se preparando para sua "função" na vida dos homens.

A história é narrada em primeira pessoa pela aia Offred (Of + Fred, pois as Aias perdem seu nome e são chamadas pelos nomes dos "proprietários"), que mistura elementos da sua vida anterior, onde tinha um companheiro e uma filha, seu novo papel em uma sociedade que tirou tudo o que ela tinha, inclusive a autonomia sobre seu corpo, e a busca pelo que ainda existe de humanidade, nela e nas outras aias ao seu redor.

 

Em O Conto da Aia, Margaret Atwood usa uma narrativa pesada, que tem o propósito de causar incômodo nos leitores, mostrando os perigos de uma sociedade fundamentalista, assunto cada vez mais atual e necessário em um momento em que vemos as mulheres lutando por seus direitos.

A análise foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Resumo do produto

Lançado em 1985, o livro O Conto da Aia, de Margaret Atwood, baseou a série de sucesso The Handmaid's Tale, mesmo título do livro original. A história mostra como a ascensão de uma sociedade fundamentalista controlada por homens foi capaz de tirar toda e qualquer liberdade das mulheres.

Ler a avaliação completa

Avaliação do Usuário

  • 1 avaliação
  • Avaliação Geral
  • Usuários que recomendam 100%
Sha Aki

Enviado por: null null

em 29/06/2016

Fenomenal

Realmente um clássico. Distopia maravilhosa, adulta e ainda muito atual. Incita reflexão. Quero ler mais livros dessa autora que escreve tão bem.

A opinião foi útil?

Ninguém avaliou ainda.

Os 5 mais buscados em: livros