Através de um retrato da Nova York dos anos 20, F. Scott Fitzgerald analisa a sociedade milionária dos Estados Unidos e nos deixa uma questão: será que o...

Ver análise completa

Luiza Ramalho Especialista em Livros e Música

Criar alerta de Preço
Resumo do histórico de preçosVeja as principais mudanças nos preços deste produto.
Variação de preço:
Menor preço últimos 40 dias:
Menor preço hoje: R$ 21,75
Quer mais? Acompanhe a variação de preços dos últimos 6 meses. Ver histórico completo
Este produto não tem histórico de preços recentes.

Encontramos preços em 6 lojas confiáveis

  • Foto O Grande Gatsby | Amazon
    Amazon
    à vista por
    R$ 27,90
    Amazon
    Ir à loja
  • Foto Grande gatsby, o | Magazine Luiza
    Magazine Luiza
    à vista por
    R$ 26,87
    Magazine Luiza
    Ir à loja
  • Foto Livro - O Grande Gatsby | Submarino
    Submarino
    à vista por
    R$ 24,52
    Submarino
    Ir à loja
  • Foto Livro - O Grande Gatsby | Americanas
    Americanas
    à vista por
    R$ 26,87
    Americanas
    Ir à loja
  • Foto O Grande Gatsby | Walmart
    Walmart
    à vista por
    R$ 21,75
    Walmart
    Ir à loja
  • Foto Livro - O Grande Gatsby | Shoptime
    Shoptime
    à vista por
    R$ 24,52
    Shoptime
    Ir à loja

Histórico de preços (R$) Menores preços desse produto

Está caro?

Erro

Deixa que a gente te avisa quando baixar.

Preço no dia do cadastro R$ 0,00

Menor preço hoje R$ 21,75

Quanto gostaria de pagar? R$

Ficha técnica de O Grande Gatsby - Fitzgerald, F. Scott - 9788563560292

Informações Básicas
ISBN
  • 9788563560292
ISBN-10
  • 8563560298
Autor
Fitzgerald, F. Scott
Título
O Grande Gatsby
Editora
Penguin e Companhia das Letras
Gênero
Literatura Estrangeira Romance

Alguma dúvida? Pergunte ao Especialista

Análise do Especialista

"Através de um retrato da Nova York dos anos 20, F. Scott Fitzgerald analisa a sociedade milionária dos Estados Unidos e nos deixa uma questão: será que o sonho americano entrega o que promete?"

Criado por Luiza Ramalho em 14/05/2018.

A era do Jazz brilhantemente retratada por F. Scott Fitzgerald na figura de O Grande Gatsby.

Considerada uma das maiores obras literárias norte-americanas, O Grande Gatsby, de F. Scott Fitzgerald, foi publicado em 1925. O romance nova-iorquino circula entre Long Island e a Ilha de Manhattan. Sempre na lista dos livros mais importantes do século XX, Gatsby faz por merecer: ele explica o que é ser americano em um momento histórico pré quebra da bolsa de valores.

Nick Carraway conta a história de seu vizinho multi milionário, Jay Gatsby, usando como pano de fundo a prosperidade americana pós Primeira Guerra Mundial. Gatsby é um homem misterioso que promove festas regadas à bebida, frequentadas por outros milionários. Tudo isso retrata muito bem a era do jazz, onde a riqueza era peça fundamental e estava muito presente, principalmente na sociedade nova-iorquina.

Mais que um romance de época, uma análise da sociedade nova-iorquina

Apesar de, num primeiro olhar, parecer uma historinha água com açúcar, não se engane: existe muito pessimismo em O Grande Gatsby. Fitzgerald constrói uma crítica ao mito do famoso "sonho americano". Os self-made men, ou seja, os homens que constroem sua fortuna e se tornam infalíveis são desmascarados! O que vemos no protagonista é um homem rico, mas cheio de defeitos. A riqueza é retratada como o primeiro passo para a futilidade, a vida de aparências e etc.

O mais interessante na literatura não é qual história é contada e sim como ela é contada. Nesse caso, ter um narrador em primeira pessoa que fala sobre um terceiro é o que faz a diferença. O mistério que ronda o personagem principal, exatamente por estarmos olhando para ele pelos olhos de alguém que também não o conhece pela totalidade, é muito interessante. Com Gatsby sendo desenhado aos poucos, Fitzgerald vai analisando a possibilidade do "sonho americano" entregar o que promete.

Conclusão

Com menos de 200 páginas, O Grande Gatsby tem uma leitura fluida e rápida. É uma obra que ultrapassa seu tempo: ao contar a sociedade capitalista dos anos 20, Fitzgerald faz uma grande análise sobre como uma sociedade baseada na riqueza, apesar de aparentar grandes conquistas, guarda consigo também grandes problemas. Um livro sobre causa e consequência que faz um retrato honesto da Nova York dos anos 20.

A análise foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Resumo do produto

Através de um retrato da Nova York dos anos 20, F. Scott Fitzgerald analisa a sociedade milionária dos Estados Unidos e nos deixa uma questão: será que o sonho americano entrega o que promete?

Ler a avaliação completa

Avaliação do Usuário

  • 1 avaliação
  • Avaliação Geral
  • Usuários que recomendam 100%
Cristiano Mestriner

Enviado por: null null

em 09/01/2017

Grande Obra

Não farei uma resenha, pois não é esse o meu objetivo. Para o que querem fazer uma lista das 20 maiores obras do século XX, esta com certeza pode ser incluída. O Blasé e alienação das personagens do livro é uma crítica forte a um perído de bonança econômica nunca vista nos EUA até então. Os círculos mais nobres de NY parecem que viviam naquele instante apenas o hoje, como se não houvesse o amanhã, bem diferente dos fundadores da cidade que tinham outro espírito. Leitura fácil, sem pedantismos...

A opinião foi útil?

Ninguém avaliou ainda.

Os 5 mais buscados em: livros