Zoom indica em Celular e Smartphone

Galaxy S7 ou Galaxy S7 Edge: qual smartphone top de linha Samsung comprar?

Conheça as diferenças entre estes dois smartphones e escolha o seu.

galaxy s7 vs galaxy s7 edge
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

A fim de brigar com os melhores smartphones do momento, a Samsung começou o ano de 2016 lançando dois dispositivos poderosos que já estão dando o que falar. Além de terem alta performance, tanto o Galaxy S7 quanto o Galaxy S7 Edge têm características dignas de um smartphone top de linha.

E a nova dupla da linha Samsung Galaxy realmente supera em muitos aspectos outros modelos do mercado. Mas, como eles são praticamente iguais, é normal que você fique na dúvida sobre qual comprar.

Para te ajudar a decidir, a gente preparou um comparativo com os principais aspectos desses smartphones e, ainda, mostramos qual deles vale mais a pena. Confira!

 

 

Galaxy S7

 

Galaxy S7 Edge

Tela

5,1" com resolução QHD (2K)

5,5" com resolução QHD (2K)

Processador

Octa core de 2,15GHz

Octa core de 2,15GHz

Memória RAM

4GB

4GB

Armazenamento

32GB ou 64GB

32GB ou 64GB

Aceita cartão de memória

Sim (até 200GB)

Sim (até 200GB)

Conectividade

4G, 3G e Wi-Fi

4G, 3G e Wi-Fi

Dual chip

Não

Não

Câmera traseira

12MP Dual-pixel

12MP Dual-pixel

Filma em

4K

4K

Câmera frontal

5MP

5MP

Bateria

3.000mAh

3.600mAh

 

Leia também: Galaxy S7 vs LG G5 SE: qual smartphone top de linha escolher?

Quem gosta de tela grande vai curtir o Galaxy S7 Edge

O tamanho das telas é a primeira diferença a ser notada quando comparamos os dois smartphones. Se o Galaxy S7 já é considerado um smartphone com tela grande, o Galaxy S7 Edge é ainda maior e tem tela de 5,5 polegadas.

Fora o tamanho, as telas são idênticas: ambas têm resolução Quad HD (2K) 2560x1440 e são Super AMOLED. Só por isso, já podemos esperar excelente qualidade das imagens, com cores vivas e contrastantes.

Na densidade de pixels existe uma pequena diferença entre os aparelhos, pois temos a mesma quantidade de pixels em telas de diferentes tamanhos. São 577 ppi no Galaxy S7 e 534 ppi no Edge. Na prática, quanto maior, melhor. Portanto, se analisarmos bem no detalhe, o Galaxy S7 acaba levando uma vantagem em relação ao seu irmão. Mas a diferença nem é tão grande assim.

Por dentro, eles são quase iguais

Que estes são dois dispositivos potentes, isso nós já sabemos. Afinal, foram equipados com processadores octa core e 4GB de RAM. De acordo com a Samsung, eles são 30% mais rápidos que o modelo anterior, Galaxy S6, e têm GPU – unidade de processamento gráfico – até 65% melhor. E, exatamente por isso, são considerados ótimos smartphones para jogos, por exemplo.

No quesito armazenamento, tudo igual para os dois: existe uma versão de 32GB e uma de 64GB para cada um deles. E para corrigir um pequeno deslize que a empresa sul-coreana cometeu no Galaxy S6, agora os novos aparelhos contam com slot para cartão de memória MicroSD de até 200GB, resolvendo assim os problemas de espaço.

O diferencial entre os smartphones, na parte de hardware, ficou por conta da bateria com melhor capacidade do Galaxy S7 Edge, que conta com 3.600mAh – 600mAh a mais do que o Galaxy S7 -, um bom "upgrade" se pensarmos em autonomia. E se você é daqueles que usa muito o celular e acaba consumindo mais bateria, vai gostar de saber que os novos Galaxys têm tecnologia de carregamento rápido. É possível dar carga completa em menos de duas horas.

Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge têm câmeras com sensor de qualidade

Caprichando na câmera do Galaxy S7 e do Galaxy S7 Edge, a Samsung apostou em um sensor Dual-pixel de 12MP para cada um deles, capaz de fazer fotos com qualidade ímpar.

Isso, porque ele tem pixels maiores (1.4µm) e tem lente com abertura de f/1.7, que dão agilidade para o foco automático, além de capturar mais luz. O resultado: fotos com riqueza de detalhes e alta definição.

Por ter estabilizador óptico de imagem e filmar em 4k, não é preciso nem dizer que o sensor também é muito bom para fazer vídeos. Além de terem alta definição, seus vídeos vão ficar livres daqueles tremidos que cansam os olhos.

Sem muitas surpresas, as câmeras frontais contam com a mesma abertura da câmera traseira (f/1.7) e continuam com a resolução de 5MP, presente também no Galaxy S6.

Parecidos com o Galaxy S6, mas com a proteção do Galaxy S5

Mantendo o design de sucesso da linha Galaxy, a versão 7 não ficou muito diferente do que já conhecíamos no Galaxy S6. O acabamento elegante em vidro 3D e metal continua, e a proteção com Gorilla Glass 4 tanto na frente quanto atrás, também.

Já o sensor da câmera, alvo de reclamações por causa de sua protuberância, foi um ponto que sofreu ajustes e agora está mais discreto. E a "pegada" ficou mais ergonômica no Galaxy S7 Edge, devido às bodas com curvas mais acentuadas da versão.

Com certificação IP68, o Galaxy S7 e o Galaxy S7 Edge contam com proteção contra água e poeira, uma característica já conhecida do Galaxy S5. Mas como melhorias são sempre bem vindas, agora é possível mergulhar o aparelho em até 1,5 metros de profundidade, por até trinta minutos, sem danificá-lo.

Os recursos destes smartphones são o grande diferencial

Como se não bastasse todo o poder de fogo destes aparelhos, eles ainda vieram equipados com funções bacanas para facilitar o dia a dia. O Samsung Pay é um exemplo. Com este sistema de pagamento, finalmente disponível no Brasil, é possível realizar compras com muito mais facilidade, apenas utilizando seu smartphone. Mas é bom conferir a lista de bancos conveniados, pois nem todos estão incluídos.

Um recurso muito legal, o Always On Display (AOD) permite que você veja rapidamente o relógio ou a agenda sem precisar desbloquear a tela. E a boa notícia é que ele está presente tanto no Galaxy S7 quanto no Galaxy S7 Edge.

Ao contrário do AOD e do Samsung Pay, a Tela Edge está presente apenas no Galaxy S7 Edge. Nessa tela é possível criar uma barra de tarefas com até 9 aplicativos que você usa com frequência. Assim fica mais fácil acessar rapidamente o aplicativo do taxi, por exemplo, ou o mapa da cidade.

Outra função presente apenas na versão Edge, e que o torna campeão neste quesito, é a que dá acesso às ferramentas como bússola e lanterna. Tem até uma régua para você medir algum objeto pequeno.

Afinal, qual Galaxy é melhor comprar: o S7 ou o S7 Edge?

É verdade que o Galaxy S7 Edge tem alguns "extras" em relação ao Galaxy S7, mas ele também é mais caro. Então se você quer um modelo top de linha, mas não quer esbanjar tanto assim, vamos combinar que o Galaxy S7 já é um smartphone poderoso, capaz de realizar muitas tarefas, inclusive as mais pesadas, com boa performance. Sendo assim, a nossa escolha vai para ele!

Mas é aquilo: se você está à procura do que há de mais moderno, aí vale ficar de olho na versão Edge, pois ele é realmente superior. Não só na tela e na bateria, mas também em relação às funções que acabam agregando valor. Só não se esqueça de que o investimento vai ser maior. Então talvez não compense, pois o Galaxy S7 já consegue dar conta do recado muito bem.

Veja preços do Galaxy S7 e do Galaxy S7 Edge

 


Leia também: Melhores Celulares do Momento

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone