iPhone 11 vs Galaxy S10e: comparativo detalha ficha técnica dos celulares

Modelos foram lançados em 2019 como versões “mais baratas” dos smartphones top de linha da Samsung e Apple.

iPhone 11 vs Galaxy S10e: comparativo detalha ficha técnica dos celulares
Ricardo BergherEditor(a)

Publicado e atualizado 7 min. de leitura.

O iPhone 11 e o Galaxy S10e são celulares com ficha técnica avançada lançados pela Apple e pela Samsung, respectivamente, em 2019. Os dois smartphones dividem a posição de “irmão menos poderoso” entre os lançamentos de ambas as marcas, e também são os modelos com menor custo entre os top de linha anunciados pelas duas fabricantes este ano. Mas será que o preço mais baixo se traduz no melhor custo-benefício, nos dois casos?

Para responder a essa questão, traçamos um comparativo de especificações entre o iPhone 11 e o Galaxy S10e. Veja a análise abaixo antes de decidir qual telefone é o melhor para o seu dia a dia.

Leia também: Melhor celular do mundo: modelos top de linha à venda no Brasil em 2019

a partir de:R$ 4.199,00

a partir de:R$ 2.138,07

Data de lançamento
setembro de 2019
março de 2019
Tamanho da Tela
6,1 polegadas LCD IPS
5,8 polegadas AMOLED Dinâmica
Resolução da Tela
1792 x 828 pixels
2280 x 1080 pixels
Processador
Apple A13 Bionic
Exynos 9820
Memória RAM
4 GB
6 GB
Armazenamento
64 GB, 128 GB ou 256 GB
128 GB
Memória expansível
Não há
até 512 GB (slot híbrido)
Câmera traseira
12 MP (f/1.8) + 12 MP (f/2.4)
12 MP (f/1.5-2.4) + 16 MP (f/2.2)
Câmera frontal
12 MP (f/2.2)
10 MP (f/1.9)
Bateria
3.110 mAh
3.100 mAh
Dual chip
Não
Sim (slot híbrido)
Sistema operacional
iOS 13
Android 9 (Pie)
Leitor de digitais
Não
Sim
Reconhecimento facial
Sim (Face ID)
Sim
Scanner de íris
Não
Não
Resistência à água e poeira
Sim (IP68)
Sim (IP68)
Dimensões
150,9 x 75,7 x 8,3 mm
142,2 x 69,9 x 7,9 mm
Peso
194 gramas
150 gramas
Cores
Preto, Verde, Amarelo, Roxo, Vermelho e Branco
Branco, Preto, Ceramic Black e Azul
Ofertas
Ver preçosVer preços

Tela: iPhone 11 ganha em tamanho, mas tecnologia do Galaxy S10e é destaque

A primeira diferença que você provavelmente vai notar entre os dois celulares é a tela. O iPhone 11 tem o display ligeiramente maior, com 6,1 polegadas contra 5,8 polegadas do Galaxy S10e. Mas existem diferenças também na tecnologia utilizada para cada painel, e isso é uma vantagem para Galaxy S10e.

Foto: Tela do iPhone 11 tem notch em formato retangular. Créditos: Denys Prykhodov/Shutterstock
Foto: Tela do iPhone 11 tem notch em formato retangular. Créditos: Denys Prykhodov/Shutterstock

O smartphone da Samsung tem tela Dynamic AMOLED, com resolução Full HD+ (2280 x 1080 pixels). Esse tipo de tela entrega cores mais vivas e um preto mais profundo do que o display IPS do iPhone 11, que fica atrás também em resolução, com “apenas” 1792 x 828 pixels. Na prática, porém, a densidade de pixels em ambos os casos ultrapassa 300 ppi, o que já o suficiente para que enxerguemos imagens com nitidez e riqueza de detalhes.

O Galaxy S10e se destaca também quando o assunto é o aproveitamento de tela. O design Infinity-O tem apenas um furo na tela para a câmera de selfie. Já o iPhone 11 tem um notch maior em formato retangular – ele abriga, além do sensor da câmera, a saída de som.

Foto: Galaxy S10e tem tela AMOLED Dinâmica com resolução Full HD+. Créditos: Jan Maly/Shutterstock
Foto: Galaxy S10e tem tela AMOLED Dinâmica com resolução Full HD+. Créditos: Jan Maly/Shutterstock

Desempenho: iPhone 11 lidera em processamento com Apple A13 Bionic

Em processamento, o iPhone 11 supera seu rival com certa folga. O celular traz o processador A13 Bionic, considerado o mais rápido da Apple – e que apresenta vantagem sobre o Exynos 9820 segundo testes de benchmark do AnTuTu. Ainda assim, Galaxy S10e tem desempenho avançado e é capaz de rodar qualquer aplicativo da Play Store sem engasgos, mesmo jogos mais pesados.

A Apple não especifica a quantidade de memória RAM dos seus celulares, mas testes mostram que são 4 GB – o que para o sistema iOS é suficiente para um uso fluido e boa performance com aplicativos em segundo plano. Já o Galaxy S10e traz 6 GB de RAM, o que na prática também deve entregar bastante fluidez.

Foto: iPhone 11 tem chip A13 Bionic, um dos mais velozes já vistos em smartphones. Créditos: Denys Prykhodov/Shutterstock
Foto: iPhone 11 tem chip A13 Bionic, um dos mais velozes já vistos em smartphones. Créditos: Denys Prykhodov/Shutterstock

Em armazenamento, o iPhone 11 oferece mais opções: 64 GB, 128 GB ou 256 GB. Considerando que o celular da Apple não conta com a possibilidade de expansão de memória via microSD, é importante decidir por um modelo que consiga comportar todos os seus apps, vídeos, fotos e outros arquivos. Já o Galaxy S10e tem armazenamento de 128 GB e aceita cartão de memória de até 512 GB.

Bateria: Galaxy S10e promete autonomia ligeiramente maior

O iPhone 11 tem bateria de 3.110 mAh, enquanto o Galaxy S10e traz capacidade para 3.100 mAh. Para o universo da Maçã, a autonomia do iPhone 11 representa uma grande evolução – segundo a Apple, a redução no gasto de energia chega a 40% em relação à geração anterior, com processador A12 Bionic.

Apesar dos números bastante próximos, o celular da Samsung deve entregar melhor autonomia por contar com uma tela mais econômica. De acordo com as estimativas das fabricantes, o iPhone 11 aguenta até 17 horas de reprodução de vídeo. Já o Galaxy S10e resistiria a até 18 horas nas mesmas condições, longe das tomadas.

Foto: Galaxy S10e promete maior autonomia de bateria. Créditos: Jan Maly/Shutterstock
Foto: Galaxy S10e promete maior autonomia de bateria. Créditos: Jan Maly/Shutterstock

Câmera traseira: modo noturno e lente ultra-wide em ambos os celulares

Os dois celulares deste comparativo têm câmera traseira dupla, com uma lente padrão e outra ultra-wide – sendo esta última indicada para fotografar paisagens, arquitetura e grandes grupos de pessoas. Tanto o modelo da Apple quanto o da Samsung são capazes de entregar ótimos resultados e ambos contam com o Modo Noturno/Noite, que otimiza as fotos feitas à noite ou em ambientes escuros.

O conjunto de lentes do iPhone conta acompanha sensores de mesma resolução: 12 MP. A diferença fica por conta da abertura de lente, que é f/1.8 no sensor principal e f/2.4 no secundário, que acompanha a lente ultra-wide.

Foto: iPhone 11 tem câmera dupla traseira. Créditos: Lukmanazis/Shutterstock
Foto: iPhone 11 tem câmera dupla traseira. Créditos: Lukmanazis/Shutterstock

No S10e, temos um sensor de 12 MP com abertura de lente variável (f/1.5-2.4) e outro de 16 MP (f/2.2) (ultra-wide). Apesar de fazer fotos com maior resolução com a lente ultra-wide, os resultados na prática são bastante similares no modo de ângulo ultra-aberto.

Cabe ressaltar que a qualidade das fotos com lente ultra-wide cai em relação às imagens capturadas com a lente principal, mas isso é comum e acontece nos dois smartphones.

Em vídeos, ambos os modelos fazem capturas em 4K em até 60 quadros por segundo. Para quem curte subir vídeos no Instagram, a Apple entrega um upload com menor perda de qualidade de imagem. Já a Samsung tenta correr atrás do prejuízo com o “Modo Instagram”, que tira fotos e faz vídeos com o app de câmera do celular e as envia direto para a rede social, otimizando os resultados. Ainda assim, o pós-processamento do iPhone vence nesse caso.

Selfies: vantagem para o iPhone 11 e sua câmera TrueDepth

A câmera frontal do Galaxy S10e traz apenas uma lente, diferentemente do que é visto no seu “irmão mais poderoso”, o Galaxy S10 Plus. O sensor disponível para selfies tem 10 megapixels e a abertura é f/1.9, que entrega fotos com alto nível de detalhes e bom balanço de cores.

O iPhone 11 também traz apenas uma lente frontal, mas com sensor de maior resolução: 12 MP (f/2.2). Ela também conta com a tecnologia TrueDepth que permite identificar pontos da face do usuário para fornecer um mapa 3D. A partir desses dados, o recurso Face ID entrega maior precisão no reconhecimento facial. O Modo Retrato também é aprimorado, apesar da falta de uma segunda lente.

Nos vídeos com a câmera da frente, o Galaxy S10e captura com resolução 4K em até 30 quadros por segundo. Já o iPhone 11 vai além ao gravar na mesma resolução em até 60 fps, entregando maior qualidade de imagem.

Foto: Câmera frontal do Galaxy S10e fica em círculo no canto da tela. Créditos: Jan Maly/Shutterstock
Foto: Câmera frontal do Galaxy S10e fica em círculo no canto da tela. Créditos: Jan Maly/Shutterstock

Biometria: Face ID substitui leitor de digitais no iPhone 11

Os fãs do Touch ID (tecnologia de desbloqueio via impressão digital da Apple) podem ficar incomodados com o iPhone 11. O celular não conta com essa tecnologia – substituída pelo Face ID nos smartphones mais recentes da Maçã.

Já a linha Galaxy S10 tem leitores de digital. Os dois smartphones mais poderosos, o S10 e o S10 Pro tem o recurso sob a tela, e o S10e usa um leitor na lateral do aparelho. O recurso de desbloqueio facial também está presente neste smartphone.

Samsung Galaxy S10e vs iPhone 11? Afinal, qual celular tem melhor custo-benefício?

A escolha entre esses dois smartphones com ficha técnica avançada vai depender mais do perfil de uso e de quanto você está disposto a gastar no seu novo celular.

Com preços bem diferentes, quem precisa economizar mais acaba encontrando no Galaxy S10e uma excelente opção de compra em 2019. Encontrado por pouco mais de R$ 2 mil, o celular da Samsung atende a quem busca um smartphone poderoso, com ótimas câmeras e bateria para uma jornada de trabalho.

O iPhone 11, no entanto, é a escolha certa entre os lançamentos de 2019 para quem já está no ecossistema da Apple com um celular mais antigo, e quer aproveitar ainda mais dos novos recursos da Maçã, especialmente a câmera dupla com lente ultra-wide e a tela com bordas finas, caso você tenha um iPhone 8, por exemplo. Se você tem um iPhone XS, a troca não é indicada por enquanto, já que os valores ainda estão bem altos, na casa dos R$ 4 mil.

Encontre as melhores ofertas para o iPhone 11 e o Galaxy S10e:

Leia também: