Zoom indica em Celular e Smartphone

Moto Z vs LG G5 SE: uma disputa entre smartphones modulares

Conheça as diferenças entre o Moto Z e o LG G5 SE e descubra qual o smartphone modular ideal para você!

moto z vs lg g5 se, lg g5 se vs moto z
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

Ambos lançados em 2016, tanto o Moto Z quanto o LG G5 SE chegaram com a inovadora proposta dos módulos para celular, acessórios que turbinam alguma característica do aparelho.

Se você quer saber qual dele é o mais bacana do momento, fique de olho no nosso comparativo.

 

Leia também: Moto Z ou Moto Z Play: qual smartphone modular comprar?

 

 

Moto Z

Motorola Moto Z

 

LG G5 SE
LG G5 SE

Tela

5.5" com resolução QHD

5.3" com resolução QHD

Processador

Qualcomm Snapdragon 820 (1.8GHz)

Qualcomm Snapdragon 652 (1.8GHz)

Memória RAM

4GB

3GB

Armazenamento

64GB

32GB

Aceita cartão de memória

Sim (até 256GB)

Sim (até 200GB)

Conectividade

4G, 3G e Wi-Fi

4G, 3G e Wi-Fi

Dual chip

Sim

Não

Câmera traseira

13MP

16MP e 8MP (Dupla)

Filma em

4K

4K

Câmera frontal

5MP

8MP

Bateria

2.600mAh

2.800mAh

Moto Z conta com mais módulos

Como já falamos aqui, os dois smartphones apresentados são chamados de modulares, pois são compatíveis com acessórios que, acoplados ao aparelho, melhoram a capacidade de tirar fotos, reproduzir áudios e, até, aumentam a bateria.

Enquanto a LG, timidamente, apresentou módulos que encaixam no lugar da bateria e que trazem melhorias apenas na câmera e no som, a Motorola desenvolveu para o Moto Z diversos Moto Snaps, como são chamados pela marca, que vão desde capas divertidas a um projetor de imagens.

Logo à primeira vista, percebemos que o Moto Z ganha neste sentido, já que oferece mais possibilidades de personalização. Além disso, uma outra vantagem dos módulos da Motorola é que eles "grudam" no smartphone de forma fácil e rápida, ao contrário dos módulos da LG, que precisam substituir a bateria.

Moto Snaps

Em desempenho, também é o Moto Z que se destaca

O Moto Z, de fato, é um smartphone top de linha em desempenho, pois conta com o processador Qualcomm Snapdragon 820, um dos mais modernos e rápidos do momento, com quatro núcleos trabalhando a até 1,8GHz.

Aliado a ele, encontramos no aparelho 4GB de memória RAM, suficientes para você abrir os programas e alternar em multitarefas sem engasgos, até mesmo quando os aplicativos forem mais pesados.

Já no LG G5 SE, temos um processador inferior, o Qualcomm Snapdragon 652, com oito núcleos rodando a até 1,8GHz, e 3GB de memória RAM. Com essa configuração, há quem diga, até, que ele não chega a ser um smartphone top de linha, mas sim um intermediário.

Em todo caso, mesmo ficando um pouco atrás do smartphone Motorola, o LG G5 SE tem ótimo desempenho nas principais tarefas que um usuário comum precisa realizar. Dá para ver vídeos em alta resolução, jogar e também acessar a várias redes sociais ao mesmo tempo.

Sobre o armazenamento, o Moto Z vence com o enorme espaço de 64GB, contra 32GB do LG G5 SE. E uma outra boa notícia é que ambos aceitam cartão de memória Micro SD.

Smartphones com design sofisticado e tela grande

No quesito design, os dois aparelhos praticamente empatam com suas carcaças metálicas e o acabamento inovador, compatível com os módulos.

Ambos são leves, apesar de serem smartphones com tela grande, e têm uma pegada bastante confortável. O smartphone LG pesa apenas 156 gramas, e o Moto Z, somente 136 gramas. O LG G5 SE tem tela de 5,3 polegadas, enquanto o Moto Z tem display de 5,5 polegadas.

Na qualidade, eles também ficam empatados. A resolução das duas telas é QHD, ou seja, 2560x1440 pixels. E, apesar de a tecnologia ser diferente, Super AMOLED no Moto Z e IPS LCD no LG G5 SE, percebemos cores vivas, nitidez e qualidade de imagem em ambos os aparelhos.

LG G5 SE conta com maior capacidade na bateria, mas Moto Z tem carregamento rápido

Com 2.800mAh de capacidade, a bateria do LG G5 SE tem maior autonomia do que a do Moto Z, que conta com 2.600mAh. É claro que a duração dela vai depender do uso de cada pessoa, que pode variar de acordo com o tempo de tela acesa e das notificações dos aplicativos, entre outros.

Vale destacar a tecnologia TurboPower de carregamento rápido empregada no Moto Z, que possibilita até 7 horas de autonomia com apenas 15 minutinhos de carregamento.

Conexões e outros aspectos

Por serem aparelhos tops de linha de duas grandes marcas de smartphones, não poderíamos esperar nada menos do que um conjunto de conexões bem completo.

Os aparelhos contam com internet 4G, 3G, Wi-Fi, além de conexão sem fio para transferências de dados via Bluetooth e NFC.

Sobre os sensores, há o leitor de digitais, acelerômetro e giroscópio, este último importante para quem quer aproveitar a realidade virtual de alguns jogos como o Pokémon Go, por exemplo.

Vale citar que ambos contam com entrada USB Type-C, que transfere dados de maneira mais rápida. Mas, ao contrário do LG G5 SE, o Moto Z não vem com a entrada 3.5mm para fones de ouvido, o que pode ser um empecilho para quem quer carregar o celular e ouvir músicas ao mesmo tempo.

Um fator que também pode ser relevante para a sua escolha é a resistência do Moto Z à água (nanorevestimento). O LG G5 SE não conta com tal proteção. Seria muito chato perder um smartphone caro como estes porque você pegou uma chuva ou derrubou algum líquido. Ponto para o Moto Z, então!

Ah! E se você costuma utilizar os serviços de duas operadoras, somente o Moto Z oferece a facilidade de ser um smartphone dual chip. E mesmo tendo entrada híbrida, em que é preciso optar por expandir a memória ou usar dois chips, o Moto Z leva vantagem por te dar a opção de escolha.

LG G5 SE tem câmera dupla, mas o Moto Z tem flash frontal

No quesito câmera, os dois entregam bons resultados, mas são diferentes em termos de funções e características.

A câmera principal do LG G5 SE foi desenvolvida para realizar fotos com ângulo aberto, já que conta com a combinação de dois sensores, um com 16MP e ângulo de 78 graus e um, complementar, com 8MP e ângulo de até 135 graus.

Juntas, as câmeras do LG G5 SE fazem um excelente trabalho quando se trata de fotografar paisagens ou mesmo um grupo grande de pessoas. E entre os recursos básicos, o LG G5 SE tem abertura de f/1.8, estabilização óptica de imagem (OIS), foco laser automático e flash de LED.

LG G5 SE

O programa da câmera também é bem bacana e oferece modos como o Automático, Panorâmico, HDR e alguns recursos para você fazer fotos com efeitos, como olho de peixe e preto e branco, por exemplo.

O Moto Z conta só com um sensor, de 13MP, mas que faz fotos tão boas quanto as do LG G5. E a abertura da lente também é de f/1.8, que captura mais luz na hora do clique e faz fotos nítidas mesmo quando o ambiente não tiver condições de iluminação favoráveis.

O sensor principal do Moto Z também tem foco laser automático, estabilização óptica de imagem (OIS), boa para evitar tremidos na hora do click, e o flash LED duplo, que balanceia os tons das fotos para entregar cores mais reais.

Sobre os modos da câmera, podemos citar o Modo Profissional, HDR, Panorama e o Modo Melhor Foto, que captura várias imagens e escolhe a melhor para você.

Se no sensor principal o LG G5 SE se destaca por causa da câmera dupla, na câmera frontal é o Moto Z que leva vantagem. Apesar de ter apenas 5MP de resolução, contra 8MP do LG G5 SE, o sensor frontal do Moto Z vem com flash verdadeiro, ou seja, é ótimo para tirar selfies até mesmo a noite.

O LG, por sua vez, tem somente o flash virtual, que é aquela moldura branca que ilumina o rosto e pode não ajudar muito dependendo da escuridão do ambiente.

Ah! E os dois aparelhos filmam em 4K.

Moto Z vence a disputa, mas o LG G5 SE não fica muito atrás

Apesar de ambos oferecerem características inovadoras, designs surpreendentes, ótimas especificações e brigarem dignamente lado a lado, escolhemos o Moto Z como o grande vencedor da disputa. Afinal, ele entrega o melhor desempenho, já que tem processador mais avançado e mais memória RAM.

Além disso, notamos que a Motorola conseguiu aprimorar o conceito dos módulos lançado pela LG há um tempo atrás, fazendo bonito ao oferecer diversas opções e um encaixe mais simples e prático.

A LG poderia ter caprichado um pouco mais no hardware do LG G5 SE, é verdade, ainda mais se lembrarmos que ele é o top de linha da marca no Brasil e chegou para brigar com smartphones mais "bem equipados". Ainda assim, o aparelho é completo tanto em tela, câmeras e conexões, quanto em design e inovação, e, por isso, também merece créditos.

Veja preços do LG G5 SE e do Moto Z Power Edition

 

 

Leia também: Moto Z ou Galaxy S7: qual o melhor top de linha?

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone