Zoom indica em Celular e Smartphone

Xiaomi Mi 8 Lite vs Xiaomi Mi A2: qual o melhor celular intermediário chinês?

Sistema operacional é a maior diferença entre os smartphone Xiaomi

Xiaomi Mi 8 Lite
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

Mesmo sem ter uma representante oficial no Brasil, os smartphones da fabricante chinesa Xiaomi chamam a atenção do público, com modelos de boa configuração e, muitas vezes, faixas de preços mais baixas do que outras marcas presentes no país, como Apple e Samsung.

Caso você também queira dar uma chance para a marca, não faltam opções de smartphones Xiaomi de diferentes categorias para conhecer. Entre os modelos da categoria de intermediários premium, podemos destacar o Xiaomi Mi 8 Lite e o Xiaomi Mi A2. Embora apresentem fichas técnicas parecidas, as diferenças entre os modelos podem fazer a diferença na sua escolha.

Mas antes, vale o aviso. Por não estar oficialmente presente no país, os smartphones Xiaomi não contam com garantia ou assistência técnicas oferecidos pela fabricante. No máximo, é possível adquirir a garantia oferecida pelas lojas revendedoras, que importam os aparelhos. Mas, normalmente, essa garantia tem um custo extra.

Agora sim, vamos ver as principais diferenças entre o Xiaomi Mi 8 Lite e o Xiaomi Mi A2.

Xiaomi Mi 8 LiteXiaomi Mi 8 LiteXiaomi Mi A2Xiaomi Mi A2
Data de lançamento
Setembro de 2018 Julho de 2018
Tamanho da Tela
6,26 polegadas 19:9 5,99 polegadas 18:9
Resolução da Tela
Full HD+ (2280 x 1080 pixels) Full HD+ (2160 x 1080 pixels)
Processador
Qualcomm Snapdragon 660 (octa-core de até 2,2 GHz) Qualcomm Snapdragon 660 (octa-core de até 2,2 GHz)
Memória RAM
4G ou 6 GB 4 GB ou 6 GB
Armazenamento
64 GB ou 128 GB 32 GB, 64 GB ou 128 GB
Memória expansível
Sim, até 256 GB Não
Câmera traseira
12 MP (f/1.9) + 5 MP 12 MP (f/1.8) + 20 MP
Câmera frontal
24 MP (f/2.0) 20 MP (f/2.2)
Filma em
4K @ 30 fps 4K @ 30 fps
Bateria
3.350 mAh 3.010 mAh
Dual chip
Sim Sim
Acesso à Internet
4G, 3G, Wi-Fi e Bluetooth 4G, 3G, Wi-Fi e Bluetooth 5.0
Sistema operacional
Android 8 Oreo + MIUI Android 8 Oreo One
Leitor de digitais
Sim Sim
Reconhecimento Facial
Não Não
Scanner de íris
Não Não
Resistência à água e poeira
Não Não
TV Digital
Não Não
Dimensões
156,4 x 75,8 x 7,5 mm 158 x 75 x 7 mm
Peso
169 gramas 168 gramas
Cores
Preto, azul e dourado Preto, dourado, azul, vermelho e rosê
Ver ofertas Ver ofertas

Dois smartphones Xiaomi com o mesmo processador

A primeira semelhança entre os modelos é o processador, já que ambos trabalham com o Qualcomm Snapdragon 660, um octa-core de 2,2GHz. Além disso, os dois apresentam diferentes versões, uma mais simples, com RAM de 4GB e armazenamento de 64GB, e a turbinada, com RAM de 6GB e armazenamento de 128GB, já mais próximos da configuração de um top de linha.

Em qualquer das opções, você vai ter ótimo desempenho nas funções mais usadas do dia a dia, mesmo naquelas um pouco mais exigentes. Ou seja, sem problemas para navegar em apps de redes sociais, mesmo aquelas mais pesadas e com o feed cheios de fotos e vídeos, ou aplicativos de filmes e séries em streaming.

Mas quem quer processamento suficiente para lidar bem com jogos pesados, vai ficar mais satisfeito com as versões de 6 GB de RAM.

Desempenho Xiaomi

Outro detalhe que diferencia os dois modelos é o slot para cartão de memória, indisponível do Xiaomi Mi A2, que só tem entrada para o segundo chip. Já no Xiaomi Mi 8 Lite, o slot extra do chip também pode ser usado com um cartão de memória (mas não dá para ter os dois ao mesmo tempo, a chamada entrada híbrida).

Xiaomi Mi 8 Lite e Xiaomi Mi A2 têm sistemas operacionais bem diferentes

Em um primeiro momento, pode até parecer que os dois modelos trabalham com o mesmo sistema operacional, já que ambos informam Android 8 (Oreo) em suas fichas técnicas. Mas não é bem assim.

O Xiaomi Mi 8 Lite roda o Android 8 com a interface exclusiva da marca, a MIUI, em versão 9.6 ou 10 (dependendo da versão). Já o Xiaomi Mi A2 Lite é um dos modelos da Xiaomi que optou pelo Android 8 One, versão livre de alterações feitas pela fabricante. E isso resulta até em algumas diferenças de navegação.

Sistema operacional Xiaomi

Com o MIUI, o Mi 8 Lite tem o visual mais próximo da maioria dos modelos da fabricante, que também trabalham com essa interface, além de alguns programas e aplicativos da marca pré-instalados, como versões próprias de calendário, bloco de notas e até um sistema de segurança. A interface também permite recursos extras, como navegação por gestos na tela (como os iPhones XR, XS e XS Max) e tela dividida.

No Xiaomi Mi A2, essas intervenções da marca não aparecem, já que o modelo roda o Android 8 (Oreo) One sem nenhuma alteração e, claro, sem a interface MIUI. Seus únicos aplicativos pré-instalados são alguns do próprio Google, inclusive o seu sistema de segurança da desenvolvedora.

Essa opção é bem legal para quem usa muito os aplicativos Google, já que o aparelho prioriza a integração entre eles. Além disso, o modelo deve receber atualização para o Android 9 (Pie) em breve, o que pode não acontecer com o Mi 8 Lite.

Mas não é possível afirmar que uma opção é melhor do que a outra. Muita gente se entende bem com os atalhos e recursos da MIUI, e outra boa parcela do público prefere lidar com mais tarefas integradas do Google. Então, vai mesmo do gosto de cada um.

Xiaomi Mi 8 Lite tem design dentro da tendência dos modelos atuais e tela maior

Outra diferença fácil de notar entre esses smartphones Xiaomi é o visual. O Mi 8 Lite segue a tendência dos tops de linha dessa geração, com traseira em material espelhado e o polêmico notch de tela, mais uma vez, seguindo o que é visto no iPhone XR e nos modelos mais novos da Apple. Esse pequeno entalhe na parte superior do visor serve para guardar alguns sensores como saída de áudio e câmera frontal, por exemplo.

Com isso, sua tela ficou com 6,26" e formato mais amplo de 19:9, que permite a exibição de cenas sem cortes nas laterais e favorece a imersão em filmes, séries e games exibidos. A definição Full HD+, com 2280x1080 pixels oferece ótima qualidade de imagem, com cores, contrastes e detalhes muito bem definidos.

Xiaomi Design e Tela

Do outro lado, o Xiaomi Mi A2 tem uma aparência mais conservadora, já mais parecida com o iPhone 8, por exemplo. As bordas, embora bem fininhas, são mais perceptíveis, principalmente nas partes superior e inferior da tela. Sua parte traseira tem revestimento em alumínio.

Sua tela é um pouco menor, com 5,99" e tem formato de 18:9, que também permite a exibição de cenas sem cortes laterais, embora não tenha a mesma amplitude. Mais uma vez, a definição de tela é a Full HD+, só que com resolução de 2160x1080 pixels. Mas, sinceramente, a diferença em qualidade de imagem é quase imperceptível.

De novo, a escolha aqui vai da preferência de cada pessoa. Tem quem priorize sempre a tela maior e tem quem realmente não goste do notch de tela, e prefira investir em uma tela um pouco menor, mas sem o entalhe. De qualquer forma, a boa experiência em exibição de filmes e games é garantida.

Xiaomi Mi 8 Lite e Mi A2 têm diferenças de câmeras, mas resultados são próximos

Xiaomi Câmera

Esses são dois modelos com câmera dupla na parte traseira, sendo que o Xiaomi Mi A2 tem resolução maior, com conjunto formado por uma lente de 12MP e abertura focal f/1.8 e lente secundária de 20MP. Já o Xiaomi Mi 8 Lite tem lente de 12MP, com abertura f/1.9, e secundária mais simples, de 5MP. Ambos contam com Modo Retrato, HDR, foco automático e opções de efeitos, além de vídeos em 4K@30fps e câmera lenta.

As diferenças entre os recursos são bem sutis, com mais opções de auxílio da Inteligência Artificial no Mi 8 Lite, que ajudam a otimizar os resultados. Em compensação, o Mi A2 pode oferecer uma leve vantagem na definição das cores, por conta da maior resolução da lente secundária. Nas fotos noturnas, os resultados também são próximos, e os dois modelos podem fazer fotos com bom nível de nitidez, mesmo com pouca luz.

Suas câmeras frontais também trabalham direitinho, com 20MP e f/2.2 no Mi A2 e 24MP e f/2.0 no Mi 8 Lite. Nos dois casos, você pode fazer selfies em Modo Retrato através do processamento de imagens e, mais uma vez, os resultados são bem parecidos, porém com uma leve vantagem para o Mi 8 Lite.

Xiaomi Mi 8 Lite tem maior bateria e carregamento rápido

O Xiaomi Mi 8 Lite investiu em capacidade de bateria um pouco mais avançada, com 3.350mAh, contra 3.010 do Mi A2. Na prática, isso pode representar um tempinho extra de reprodução de vídeos, por exemplo. De qualquer forma, os dois smartphones Xiaomi podem segurar bem um dia inteiro longe da tomada, desde que sem longos períodos de trabalho com aplicativos que gastam mais energia, como games.

Além da maior capacidade, o Mi 8 Lite é o único dos dois modelos que é compatível com sistema de carregamento rápido (vendido separadamente). Com ele, o smartphone alcança cerca de 50% da carga total em cerca de 30 minutos. Com o carregador normal, esse número cai para pouco mais de 30% no mesmo período, mesmo desempenho mostrado pelo Xiaomi Mi A2.

Smartphones Xiaomi sem garantia da fabricante

Xiaomi Garantia

Já foi dito antes, mas não custa reforçar: os smartphones Xiaomi não contam com garantia ou assistência técnica da fabricante, já que a marca não está presente de forma oficial no Brasil e seus aparelhos são importados pelas lojas. Então, vale pensar se a diferença de preços apresentadas pelos seus modelos vale a pena.

Quem leva a melhor: Xiaomi Mi 8 Lite ou Xiaomi Mi A2

Com tantas configurações parecidas, inclusive nas partes de processamento e câmeras, a decisão entre o Xiaomi Mi 8 Lite e o Mi A2 se resume a três pontos: tamanho de tela, design e sistema operacional.

Quem não abre mão de tela maior, curte o visual dos smartphones com notch e não se importa em trabalhar com uma interface diferente dos outros smartphones Android (ou até curte os recursos do MIUI), vai se dar muito bem com o Xiaomi Mi 8 Lite. Isso sem falar em sua câmera frontal, que tem resultados muito interessantes, chegando a superar alguns iPhones.

Já quem prefere um visual mais convencional, mesmo que com bordas maiores, ou fica mais confortável ao navegar pelo sistema convencional do Google, com boa integração com seus aplicativos e até uma futura atualização, tem no Xiaomi Mi A2 uma opção mais segura e dentro do que é esperado de um modelo com Android.

O Mi A2 também costuma apresentar preços um pouco mais baixos em relação ao Xiaomi Mi 8 Lite, que é mais recente. Então, se o preço final for um fator decisivo, fica aí o aviso.

Confira as ofertas!

 

 

 

Assista o vídeo em nosso canal, o /deumzoom:


Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone