Xiaomi lança smartwatches Amazfit GTS 2, GTS 2e, GTS 2 Mini, GTR 2, GTR 2 LTE e GTR 2e

Veja as principais características e preços dos relógios lançados pela Xiaomi.

Redação - Zoom

Publicado e atualizado 3 min. de leitura.

Compartilhe:

A Xiaomi Amazfit foi bem generosa com os fãs e consumidores na CES 2021 e lançou não só um ou dois relógios, mas sim seis novas versões da linha GTS e GTR de smartwatches da empresa. Os modelos lançados foram o GTS 2, GTS 2e, GTS 2 mini, GTR 2, GTR 2 LTE e GTR 2e.

Os smartwatches foram lançados no mercado norte-americano e chegam com valores que vão desde R$ 542 na versão mais barata do GTS 2 até R$ 980 no modelo mais caro do GTR 2, valores em conversão direta. Veja a seguir mais detalhes sobre os relógios.

A xiaomi lançou seis novos relógios da linha GTR 2 e GTS 2. (Foto: Divulgação/Xiaomi)
A xiaomi lançou seis novos relógios da linha GTR 2 e GTS 2. (Foto: Divulgação/Xiaomi)

Linha GTS 2

Linha de relógios GTS 2. (Foto: Divulgação/Xiaomi)
Linha de relógios GTS 2. (Foto: Divulgação/Xiaomi)

A linha GTS 2 é para quem gosta do estilo retangular de smartwatches que foi popularizado pela Apple. O GTS 2 e GTS 2e possuem foco em atividades físicas, com mais de 90 esportes que são monitorados pelos relógios. Eles possuem ativação automática para seis deles: corrida, caminhada, bicicleta, natação em piscina, esteira e treino elíptico.

Os relógios também compartilham das funções de personalização de mostradores, suporte às notificações do celular e monitoramentos de saúde como batimentos cardíacos, oxigênio no sangue, estresse, monitoramento de sono, entre outros. Os três também possuem suporte a Alexa, assistente de voz da Amazon.

A diferença fica primeiramente para a tela, que no GTS 2 é com vidro 3D e no 2e é com vidro 2,5D. O GTS 2 também possui armazenamento interno, conexão Wi-Fi e suporte a Alexa, funções que não estão presentes no GTS 2e. A duração de bateria é de 14 dias para ambos.

Já o GTS 2 Mini chega com monitoramento para 70 esportes diferentes e tela menor de 1,55 polegadas. Ele também não tem suporte a Alexa e nem Wi-Fi, mas apresenta os mesmos monitoramentos de saúde e os 14 dias de autonomia de bateria.

Linha GTR 2

Linha de relógios GTR 2. (Foto: Divulgação/Xiaomi)
Linha de relógios GTR 2. (Foto: Divulgação/Xiaomi)

A linha GTR 2 é para quem busca um relógio mais “social” e gosta do visual redondo tradicional. As especificações são parecidas, já que ambos possuem tela do mesmo tamanho, com tecnologia AMOLED e diferença na curvatura do vidro, que é 3D no GTR 2 e 2,5D no GTR 2e.

Eles oferecem suporte a 90 esportes diferentes, que no caso do GTR 2e, será adicionado em breve via atualização de sistema. Ambos oferecem monitoramentos de saúde como o de batimentos cardíacos, oxigênio no sangue, monitoramento de sono, estresse, entre outros.

As vantagens do GTR 2 em relação ao 2e é que ele possui memória interna de 3 GB, suporte a Alexa e Wi-fi. No entanto, o GTR 2e se destaca na bateria, oferecendo até 24 dias de autonomia contra 14 dias do GTR 2.

Além dos dois relógios, foi lançado o GTR 2 LTE, que tem as mesmas funções do GTR 2, mas chega com o diferencial de ter acesso às redes móveis 4G.

Preços dos relógios

A Xiaomi já anunciou os modelos globais de vários dos relógios citados, enquanto outros estão com previsão para começarem a ser vendidos em breve. Veja abaixo o preço das versões disponíveis:

Amazfit GTS:

  • GTS 2: US$ 179 (R$ 980 em conversão direta)
  • GTS 2e: US$ 139 (R$ 761 em conversão direta)
  • GTS 2 mini: US$ 99 (R$ 542 em conversão direta)

Amazfit GTR:

  • GTR 2: US$ 179 (R$ 980 em conversão direta)
  • GTR 2e: US$ 139 (R$ 760 em conversão direta)