Zoom indica em Celular e Smartphone

Galaxy S10 vs Galaxy S9: o que muda no celular top de linha da Samsung?

Câmera tripla traseira, leitor de digitais ultrassônico e tela Infinity-O são destaques na ficha técnica do lançamento.

Galaxy S10
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

A Samsung fez o lançamento do Galaxy S10 nesta quarta-feira (20), em São Francisco, Califórnia. E a chegada do novo celular da linha premium da fabricante deixa no ar a dúvida: o que muda em relação ao antecessor, Galaxy S9?

Para te ajudar a entender as principais diferenças e semelhanças na ficha técnica dos smartphones, traçamos um comparativo de especificações entre Galaxy S10 e Galaxy S9. O resultado, você confere nas linhas a seguir.

Leia também: Os Melhores Celulares Top de Linha do Momento

 

Galaxy S9

Galaxy S9

Galaxy S10

Galaxy S10

Tela 5,8 polegadas Super AMOLED (18,5:9) Infinity Display 6,1 polegadas Dynamic AMOLED (19:9) Infinity-O
Resolução da Tela Quad HD+ (2960 x 2440 pixels) Quad HD+ (3040 x 1440 pixels)
Processador Snapdragon 845 octa-core de até 2,8 GHz Exynos 9820 de até 2,7 GHz
Memória RAM 4 GB 8 GB
Armazenamento 128 GB 128 GB ou 512 GB
Aceita microSD Sim, até 512 GB Sim, até 512 GB
Câmera traseira 12 MP (f/1.5-2.4) Tripla de 12 MP (f/1.5-2.4) wide + 12 MP (f/2.4) teleobjetiva + 16 MP (f/2.2) ultrawide
Câmera frontal 8 MP (f/1.7) 10 MP (f/1.9)
Resistente à agua Sim, IP68 Sim, IP68
Dual chip Sim Sim
Bateria 3.000 mAh (compatível com carregamento rápido sem fio)
3.400 mAh (compatível com carregamento rápido sem fio 2.0)
Sistema operacional Android 8.0 Oreo, com atualização para o Android 9.0 Pie (Samsung One UI) Android 9.0 Pie
Leitor de digitais Sim, na traseira Sim, ultrassônico 3D sob a tela
Reconhecimento facial Sim Sim
Scanner de Íris Sim Não
Dimensões 147,7 x 68,7 x 8,5 mm 149,9 x 70,4 x 7,8 mm
Peso 163 g 157 g
Cores Preto, ultravioleta, cinza titânio e azul Preto, verde, azul e branco

1. Galaxy S10 entrega maior aproveitamento de tela com o padrão Infinity-O

O novo Galaxy S10 tem tela maior, de 6,1 polegadas, contra 5,8 do Galaxy S9. A resolução é Quad HD+ nos dois modelos, o que garante imagens com alto nível de detalhes.

A proporção muda de uma geração para a outra devido ao novo desenho do display: em vez do já conhecido formato 18,5:9 (Galaxy S9), o Galaxy S10 é construído em 19:9 no padrão apelidado pela Samsung de Infinity-O, que nada mais é do que uma tela com bordas finas e um furo para abrigar a câmera frontal.

Essa característica não é novidade – o Galaxy A9 chegou ao Brasil em janeiro com o mesmo desenho. A ideia é liberar mais espaço para exibir conteúdo audiovisual, melhorando a experiência do usuário e proporcionando maior imersão.

A tecnologia utilizada em ambos os painéis é a Super AMOLED, conhecida por seus contrastes intensos, cores vivas, um preto mais profundo e pelo baixo consumo de energia.

2. Diferentes opções de cores

Galaxy S10 vs Galaxy S9

O corpo dos smartphones não muda muito em termos de desenho, com exceção da moldura da câmera e a ausência do leitor de digitais na traseira.

No entanto, o Galaxy S9 é vendido diferentes opções de cores, dentre elas o ultravioleta, que foi destaque no último ano. Já o Galaxy S10 chega em preto, branco, verde e azul.

O modelo mais recente é também ligeiramente mais leve, pesando 157 g, contra 163 g do Galaxy S9.

3. Galaxy S10 promete maior desempenho com Exynos 9820 e 8 GB de memória RAM

O Exynos 9820 é o processador mais avançado da Samsung no momento, e ele vem como o coração do Galaxy S10. A fabricante promete um desempenho até 29% melhor em processamento, em relação ao S9. Nos gráficos, a melhoria é ainda maior: 37%.

O smartphone conta com memória RAM de 8 GB, proporcionado muita fluidez e velocidade na execução de tarefas.

O Galaxy S9, por sua vez, conta com o Snapdragon 845 – outro processador veloz, mas que corresponde a uma geração anterior da Qualcomm. O smartphone não deve decepcionar em tarefas pesadas, no entanto com memória RAM de 4 GB, é possível que o S9 sinta mais o peso do tempo do que o S10.

4. Câmera tripla é destaque do Galaxy S10

Enquanto o Galaxy S9 foi lançado com apenas uma câmera na traseira, o Galaxy S10 esbanja três sensores: dois com 12 MP, sendo um com uma lente de abertura variável e outro acompanhando uma lente teleobjetiva; e um com 16 MP, ultrawide, para encaixar ainda mais paisagens ou pessoas em uma foto.

O upgrade deve ser bastante interessante para os amantes de fotografia, principalmente para os que gostam de recursos como o Modo Retrato, que no S10 é feito por meio de hardware (e não de software como no S9), entregando resultados mais precisos.

Galaxy S10 vs Galaxy S9

Os AR Emojis, avatares 3D personalizados da Samsung, continuam presentes na linha Galaxy S10, assim como no Galaxy S9.

5. Galaxy S10 conta com a maior capacidade bateria

Como era de se esperar, com o aumento de display, o Galaxy S10 também tem maior capacidade de bateria. O modelo chega com 3.400 mAh, contra 3.000 do Galaxy S9.

E, para além das equivalências, com um chip mais avançado, é provável que a autonomia seja até maior no novo modelo.

Um recurso que é novidade no Galaxy S10 é o carregamento reverso, PowerShare, que permite carregar outros dispositivos, como um celular compatível com o padrão Qi ou mesmo fones de ouvido Bluetooth, apenas ao encostá-los na traseira do smartphone.

6. Biometria: Galaxy S10 perde scanner de íris e ganha sensor de digitais ultrassônico

O scanner de íris, que apareceu primeiro no explosivo Note 7 e depois foi consolidado no Galaxy S8, Note 8, Galaxy S9 e Note 9, não está presente na nova geração de smartphones da Samsung.

No entanto, há uma nova facilidade em termos de desbloqueio de tela: o sensor de digitais saiu da traseira e voltou para a frente do smartphone, dessa vez sob o display com tecnologia ultrassônica 3D.

O reconhecimento facial continua uma opção para proteger os dados armazenados no celular.

Enquanto o Galaxy S10 não chega, confira as melhores ofertas para o Galaxy S9 no Zoom:

Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone