Moto G8 Plus vs Moto G8 Play: 6 diferenças entre os celulares Motorola

Apesar da câmera tripla e bateria de 4.000 mAh, smartphones propõem usos para públicos distintos.

Moto G8 Plus vs Moto G8 Play: 6 diferenças entre os celulares Motorola
Ricardo BergherEditor(a)

Publicado e atualizado 7 min. de leitura.

O Moto G8 Plus e o Moto G8 Play são os novos celulares intermediários da Motorola, lançados no Brasil em outubro de 2019. Em comum, os smartphones têm câmera tripla traseira, bateria de 4.000 mAh e design reformulado, que chama a atenção por ser bastante parecido com o visual da linha Motorola One.

No entanto, as especificações desses modelos mantém particularidades em processamento e memória que, junto com a diferença de preço, podem determinar qual deles é o mais indicado para o seu dia a dia. Dê um olhada no comparativo de preço e ficha técnica antes de decidir qual é o melhor celular Motorola para você.

Leia também: Review Motorola One Vision: câmera que surpreende no escuro e tela ‘de cinema’

a partir de:R$ 1.394,07

a partir de:R$ 1.079,10

Data de lançamento
Outubro de 2019
Outubro de 2019
Tamanho da Tela
6,3 polegadas Max Vision
6,2 polegadas Max Vision
Resolução da Tela
Full HD+
HD+
Processador
Snapdragon 665 (octa-core de até 2 GHz)
MediaTek Helio P70M (octa-core de até 2 GHz)
Memória RAM
4 GB
2 GB
Armazenamento
64 GB
32 GB
Memória expansível
Sim, até 512 GB
Sim, até 512 GB
Câmera traseira
48 MP (f/1.7) + 16 MP (f/2.2) ultra-wide action cam + 5 MP (f/2.2) profundidade
13 MP (f/2.0) wide + 8 MP (f/2.2) ultra-wide + 2 MP (f/2.2) profundidade
Câmera frontal
25 MP (f/2.0)
8 MP
Filma em
4K @ 30 fps
Full HD (1080p) @ 30 fps
Resistência à água e poeira
Não
Não
Sistema operacional de fábrica
Android 9.0 Pie
Android 9.0 Pie
Leitor de digitais
Sim
Sim
Reconhecimento facial
Sim
Sim
Dual chip
Sim
Sim
Bateria
4.000 mAh
4.000 mAh
Carregamento sem fios
Não
Não
Cores
Azul safira e cereja
Preto ônix e vermelho magenta
Dimensões
158,4 x 75,8 x 9,1 mm
157,6 x 75,4 x 9 mm
Peso
188 g
183,6 g
Ofertas
Ver preçosVer preços

1. Tela: Moto G8 Plus tem display Max Vision em alta resolução

Foto: Moto G8 Play (esquerda) e Moto G8 Plus (direita) têm tela Max Vision (19:9). Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: Moto G8 Play (esquerda) e Moto G8 Plus (direita) têm tela Max Vision (19:9). Créditos: Ana Marques/Zoom

A um primeiro olhar, o Moto G8 Plus e o Moto G8 Play são bem semelhantes, até no que diz respeito ao formato da tela – que é Max Vision (19:9), com bordas finas e notch (recorte) central em forma de gota, para abrigar a câmera frontal. No entanto, os smartphones têm displays com resoluções diferentes. Enquanto a versão Plus tem painel Full HD+, a versão Play entrega imagens em HD+.

Na prática, isso é traduzido em nitidez: o Moto G8 Plus é mais indicado para os usuários que costumam assistir a filmes e séries pelo smartphone, e prezam por uma experiência realmente rica em detalhes. Já o Moto G8 Play oferece o “basicão” – a tela é grande, o que acaba sendo confortável, porém usuários com os olhos mais “treinados” poderão identificar serrilhados em gráficos.

2. Design: Moto G8 Plus e Play estão disponíveis em opções de cores diferentes

Foto: Moto G8 Play em preto ônix e Moto G8 Plus em cereja. Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: Moto G8 Play em preto ônix e Moto G8 Plus em cereja. Créditos: Ana Marques/Zoom

A Motorola renovou o visual da linha Moto G com a chegada da oitava geração. Os smartphones agora têm design mais parecido com o que é visto na linha Motorola One, o que inclui revestimento da parte traseira com vidro e câmeras dispostas na vertical (e não mais em um anel saltado, no centro do aparelho, como na linha Moto G7).

Apesar de bem semelhantes, de uma forma geral, as versões Plus e Play são vendidas em opções de cores distintas: o “Plus” em azul safira e cereja e o “Play” em preto ônix e vermelho magenta.

3. Câmeras: “Plus” tem lente ultra-wide para vídeos, e “Play” para fotos

Apesar de ambos serem celulares com câmera tripla traseira, há diferenças cruciais nos tipos de sensores presentes no Moto G8 Plus e Moto G8 Play. Vamos começar pelo mais caro, o “Plus”.

O Moto G8 Plus tem sensor principal de 48 MP com tecnologia Quad Pixel, a mesma vista no Motorola One Vision e Zoom, que combina diferentes pixels em um só para oferecer maior sensibilidade à luz (e fotos com melhor qualidade).

Foto: Moto G8 Plus tem câmera com sensor principal de 48 MP. Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: Moto G8 Plus tem câmera com sensor principal de 48 MP. Créditos: Ana Marques/Zoom

O sensor secundário de 16 MP é dedicado a vídeos, e é o mesmo presente no Motorola One Action: ele é capaz de filmar na horizontal mesmo quando o celular está na vertical, e tem estabilização eletrônica de imagem (EIS) e ângulo ultra-aberto para funcionar como uma espécie de “GoPro”.

Por fim, há ainda um sensor de 5 MP com abertura de lente (f/2.2) que auxilia no mapeamento de profundidade, para contribuir na precisão do Modo Retrato.

Foto: Modos de câmera do Moto G8 Play. Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: Modos de câmera do Moto G8 Play. Créditos: Ana Marques/Zoom

Passando agora para o Moto G8 Play, o conjunto de lentes e sensores é mais simples. O principal tem 13 MP, com abertura de lente (f/2.0). É uma câmera mais modesta, para fotos sem muita pretensão no dia a dia, e que deve acabar fazendo registros aquém do esperado em locais escuros.

Já o segundo sensor, de 8 MP, acompanha lente ultra-wide, que diferentemente do Moto G8 Plus, funciona para fotos. A ideia é usá-la para fotografar paisagens e grupos grandes de pessoas – mas sempre em ambientes bem iluminados, já que ela tem uma abertura bem pequena (f/2.2).

Para finalizar o conjunto traseiro do Moto G8 Play, há um sensor de 2 MP para auxiliar no Modo Retrato. Em tese, os resultados devem ter uma qualidade inferior aos feitos com o Moto G8 Plus.

Foto: Câmera tripla traseira do Moto G8 Plus. Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: Câmera tripla traseira do Moto G8 Plus. Créditos: Ana Marques/Zoom

Mudando de posição, na parte frontal dos aparelhos temos uma câmera para selfies centralizada em um notch. No modelo “Plus”, o sensor é de 25 MP, também com a tecnologia Quad Pixel, e deve oferecer selfies de altíssima qualidade, mesmo quando a luz não ajudar muito. Já na versão “Play”, os autorretratos tendem a ter menor definição e a perder bastante a qualidade em lugares escuros.

O Moto G8 Plus faz vídeos com resolução máxima de 4K a 30 quadros por segundo, enquanto o Play chega a Full HD (1080p) a 30 fps.

4. Armazenamento: Moto G8 Plus tem mais espaço para arquivos

O armazenamento é um ponto fraco do Moto G8 Play, que tem apenas 32 GB internos para guardar aplicativos, fotos e demais arquivos. A solução para quem optar por esse modelo é a expansão via microSD de até 512 GB (mas o cartão é vendido separadamente).

Já o Moto G8 Plus tem memória interna de 64 GB, o que ainda é considerado um espaço “ok”, até para quem não fica o tempo todo limpando a galeria de fotos. Com essa memória interna, dificilmente você terá que recorrer a um cartão externo, e terá tranquilidade para baixar alguns apps mais pesados na Play Store quando for necessário.

Foto: Moto G8 Play tem memória interna de 32 GB. Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: Moto G8 Play tem memória interna de 32 GB. Créditos: Ana Marques/Zoom

5. Desempenho: Moto G8 Plus é mais indicado para jogos

Se o seu foco é a jogatina, o Moto G8 Plus é o modelo mais recomendado. É bem verdade que é possível executar títulos famosos, como PUBG Mobile e Asphalt 9 no Moto G8 Play, no entanto, o desempenho tende a ser bastante superior na versão “Plus”.

O processador Snapdragon 665 do Moto G8 Plus é fabricado em processo de 11 nanômetros, contra 12 nm do MediaTek Helio P70M (Moto G8 Play), o que melhora sua eficiência energética e diminui o consumo de bateria. Além disso, o chip do “Plus” consegue tem uma velocidade de download mais 2x mais rápida do que o do “Play”.

Ainda assim, o Moto G8 Play é uma opção bacana para quem quer um celular relativamente barato, e que não dê dor de cabeça com tarefas intermediárias e básicas. Sua performance geral está 30% superior à do Moto G7 Play, segundo a Motorola.

6. Bateria: Moto G8 Plus tem carregador TurboPower de 15W na caixa

Foto: conteúdo da caixa do Moto G8 Plus. Créditos: Ana Marques/Zoom
Foto: conteúdo da caixa do Moto G8 Plus. Créditos: Ana Marques/Zoom

O Moto G8 Plus e o Moto G8 Play têm a mesma capacidade de bateria: 4.000 mAh, o que já foi bastante coisa, mas está cada vez mais comum no segmento de celulares intermediários. Com essa quantidade, você dificilmente vai passar por perrengues no meio do dia, conseguindo chegar em casa com algum fôlego antes do smartphone apagar completamente.

O grande diferencial fica por conta do carregador TurboPower de 15W, que vem na caixa do Moto G8 Plus e oferece horas de carga em apenas alguns minutos de tomada – uma boa notícia para quem tem a rotina agitada e não pode perder tempo carregando o celular.

O Moto G8 Play também é compatível com carregamento rápido, mas vem com carregador de 10W.

Moto G8 Plus vs Moto G8 Play: qual tem o melhor custo-benefício para você?

Detalhes explorados, fica a pergunta: Moto G8 Plus ou Moto G8 Play? Qual celular Motorola comprar? A resposta depende do seu perfil de uso.

Ambos os smartphones são opções bacanas dentro de seus segmentos, sendo o Moto G8 Play o modelo para quem busca máxima economia, sem abrir mão de recursos inovadores, como a câmera tripla com lente ultra-wide, e de uma tela grande e boa capacidade de bateria.

Por outro lado, o Moto G8 Plus é a escolha certa para quem espera mais de um smartphone intermediário, busca por fotos de alta qualidade em qualquer ambiente, quer desempenho veloz e fluidez mesmo ao executar apps pesados.

Caso ainda não esteja decidido, conheça outras opções de celulares com bom custo-benefício aqui, no Zoom.

Encontre as melhores ofertas para o Moto G8 Plus e Moto G8 Play no Zoom:

Leia também: