Zoom indica em Celular e Smartphone

Multilaser MS80x vs Motorola Moto G6: descubra qual o vencedor!

Multilaser MS80x ou Moto G6? Descubra qual o melhor smartphone intermediário

Multilaser MS80x vs Motorola Moto G6
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

Os smartphones Motorola já conquistaram seu espaço no mercado, com opções que vão desde intermediários mais simples, até fichas técnicas mais evoluídas. Em 2018, a linha Moto G foi uma das preferidas do público, com a chegada do Moto G6, Moto G6 Play e Moto G6 Plus.

Já a Multilaser costumava apostar em smartphones de entrada, com configuração básica e custos mais baixos. Mas a marca começou a investir em alguns modelos com mais recursos vistos em modelos intermediários premium. Entre eles, podemos destacar o smartphone Multilaser MS80x, um celular de tela grande e câmera dupla, pronto para competir com a linha Moto G6.

Para te ajudar a encontrar o melhor celular, fizemos uma comparação do Multilaser MS80x e do Moto G6. Dá uma olhada e escolha o seu preferido!

 

 

Multilaser MS80x

Multilaser MS80x

Moto G6

Moto G6

Tela 6,2 polegadas Full HD+ (2246 x 1080 pixels) 19:9 5,7 polegadas Full HD+ (2160 x 1080 pixels) 18:9
Processador Qualcomm Snapdragon 450 (Octa-core até 1,8 GHz) Qualcomm Snapdragon 450 (Octa-core até 1,8 GHz)
Memória RAM 4 GB 3 GB ou 4 GB
Armazenamento 64 GB 32 GB ou 64 GB
Aceita cartão de memória Sim Sim
Conectividade 4G, 3G, Wi-Fi e Bluetooth 4.2 4G, 3G, Wi-Fi e Bluetooth 4.2
Dual chip Sim Sim
Leitor de impressões digitais Sim Sim
Câmera traseira Dupla: 12MP (f/2.0) + 5MP Dupla 12MP (f/1.8) + 5MP
Câmera frontal 16MP (Abertura focal não informada) 8MP (f/2.2)
Filma em HD (Detalhes não informados pela fabricante) Full HD @ 30 fps
Bateria 3.500 mAh 3.000 mAh
Dimensões (altura x largura x espessura) 156 x 76 x 7,7 mm 153,7 x 72,3 x 8,3 mm
Peso 165 gramas 162,5 gramas
Sistema operacional de fábrica Android 8 Oreo Android 8 Oreo

Moto G6 e Multilaser MS80x trabalham com o mesmo processador

O processador Qualcomm Snapdragon 450, um octa-core de 1,8GHz, aparece nos dois modelos, o que deixa os desempenhos bem próximos. Mas, enquanto o Multilaser MS80x chegou em versão única, com RAM de 4 GB e armazenamento de 64 GB, o Moto G6 oferece duas opções.

Processador Motorola e Multilaser

A mais simples tem armazenamento de 32 GB e RAM de 3 GB, e o Moto G6 turbinado ficou, também com RAM de 4 GB e armazenamento de 64GB. A primeira opção já é capaz de lidar com os aplicativos mais usados no dia a dia, como apps de redes sociais, navegação na internet e exibição de conteúdos de vídeo em streaming. Mesmo ao deixar várias tarefas ao mesmo tempo, você não deve ter problemas de lentidão ou engasgos.

Então, considerando a versão de maior memória RAM do Moto G6, podemos declarar um empate em poder de processamento. Seja com o Multilaser MS80x ou com o Moto G6, você vai ter facilidade em navegar por qualquer um dos aplicativos mais usados, inclusive aqueles um pouco mais exigentes, como editores de fotos e vídeos e exibição de filmes e séries em streaming. Eles não são modelos particularmente indicado para jogos, mas também é possível rodar alguns games em configurações mais baixas.

Ah, vale ressaltar que entrada para cartão de memória e segundo chip estão disponíveis nos dois modelos.

Android 8 (Oreo) em versão com poucas alterações

Android Moto G6

Outra semelhança entre os celulares é o sistema operacional Android 8 (Oreo) com poucas alterações de fábrica, ou seja, quase nenhum aplicativo pré-instalados e navegação mais próxima da planejada pelo Google. Isso é bem legal, já que deixa o software mais leve e fluído, além de ocupar menos espaço do armazenamento nativo. O Moto G6 aparece entre os modelos que devem receber atualização para o Android 9 (Pie).

As duas fabricantes investiram em recursos de navegação por gestos. No Multilaser MS80x, você pode realizar algumas ações através de gestos na tela, enquanto no Moto G6 você pode navegar com auxílio de toques e gestos no leitor de digitais ou de movimentos com o próprio aparelho.

Multilaser MS80X é mais um celular com notch de tela

Tela Multilaser

O Multilaser MS80x é mais um celular que apostou no notch, aquele entalhe no alto do visor que guarda alguns sensores do aparelho e permite a expansão da tela. Com isso, o modelo ficou com tela de 6,2" e formato amplo de 19:9, que evita o corte das imagens exibidas, e bordas bem fininhas, principalmente as laterais, legal para melhor imersão em vídeos, filmes e games.

A definição Full HD+, de 2246x1080 pixels, garante boa qualidade de imagem e níveis equilibrados de cores e contraste, e a traseira em vidro confere visual bem acabado ao aparelho. Em resumo, bem próximo do que é esperado de um intermediário premium, que é o objetivo da Multilaser com o modelo.

Já o Moto G6 tem um visual mais conservador, com formato de 18:9, e tela menor, com 5,7". Não é tão amplo, mas o aparelho tem bordas finas e também oferece uma experiência confortável na reprodução de filmes, séries, vídeos e jogos. A definição é a mesma Full HD+, mas com 2160x1080 pixels de resolução, garantindo boa definição de cores e detalhes.

Moto G6 tem mais efeitos nas fotos

Moto G6 Câmera

Em um primeiro momento, pode parecer que as câmeras do Multilaser MS80x e do Moto G6 ficam empatadas, já que as duas são câmeras duplas com lentes de 12MP e 5MP e, claro, Modo Retrato, aquele com a pessoa em destaque e o fundo desfocado. Mas, nesse ponto, os detalhes fazem diferença.

O Moto G6 tem mais recursos e permite mais efeitos de câmera. Para começar, a abertura de f/1.8 (contra f/2.0 do Multilaser) tem melhor captura de luz, o que significa que as fotos noturnas ou em espaços com pouca luz vão apresentar maior nitidez e resolução.

Além disso, o software da câmera da Motorola oferece efeitos bem legais, como alterações no fundo de foto, preto e branco seletivo e cores em destaque, entre outras possibilidades divertidas e até alguns ajustes manuais. Os vídeos podem ser feitos em definição Full HD a 60 quadros por segundo ou em câmera lenta e Time Lapse.

O Multilaser MS80x não decepciona nas fotos feitas em boas condições de luz, inclusive com HDR para melhorar resultados de cores e contrastes. Mas cliques durante a noite ou em espaços pouco iluminados apresentam um nível maior de ruídos. A fabricante não oferece muitas informações sobre vídeos, mas afirma que as gravações podem ser feitas em HD.

Embora a diferença entre as câmeras frontais pareça maior, com 16MP mo Multilaser MS80x e 8MP no Moto G6, as selfies apresentam resultados parecidos, mas é preciso tomar cuidado com a iluminação.

Bateria do Multilaser MS80x dura mais, mas Moto G6 vem com carregador Turbo Power

Bateria Motorola

Nenhum dos dois smartphones intermediários se destacam pela bateria de longa duração, mas o Multilaser MS80x e o Moto G6 podem aguentar um dia inteiro de uso moderado, ou seja apenas acessos ocasionais a vídeos e jogos. Na verdade, com 3.500 mAh, o smartphone Multilaser pode se sair um pouco melhor em relação aos 3.000 mAh do Motorola.

Mas a diferença maior aparece quando a bateria chega ao fim. O Moto G6 vem com o carregador rápido Turbo Power da Motorola, que recupera mais de 40% da carga em 30 minutos, ou a carga completa em cerca de 80 minutos. Como não tem o recurso, o Multilaser MS80x demora mais tempo para chegar aos 100% de bateria.

Multilaser MS80x ou Moto G6: qual celular é o melhor?

A Multilaser pode ser considerada ainda iniciante na categoria de intermediários com mais recursos, mas o MS80x não faz nada feio. Muito pelo contrário, o modelo garante boa qualidade de imagem na tela grande, câmera dupla com Modo Retrato e desempenho bem satisfatório, com uma faixa de preço competitiva. Ou seja, a fabricante fez o dever de casa direitinho e oferece ficha técnica interessante.

A versão de 64 GB/4 RAM do Moto G6 costuma apresentar custos um pouco mais altos e, embora apresente desempenho similar, garante mais efeitos de câmera e o carregamento rápido do Turbo Power. Além da maior experiência da Motorola na categoria intermediária. Se você preferir, também pode gastar menos ao optar pela versão mais simples, uma boa alternativa para quem costuma trabalhar com aplicativos leves.

 



Leia também:

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone