Zoom indica em Celular e Smartphone

iPhone 8 vs Xiaomi Mi 8: qual top de linha é melhor, o chinês ou americano?

iPhone 8 ou Xiaomi Mi 8 são dois modelos tops de linha de gerações. diferentes

iPhone 8 vs Xiaomi Mi 8
por Ricardo Bergher - Especialista em Tecnologia.

A fabricante chinesa Xiaomi vem ganhando cada vez mais espaço no mercado, inclusive entre os brasileiros. Seus modelos apostam em alta configuração e preços mais amigáveis do que os praticados por outras marcas já estabelecidas com smartphones premium, como Samsung e Apple.

Aliás, só de olhar para alguns smartphones Xiaomi já é possível perceber que a marca da maçã é uma das grandes inspirações da chinesa. Mas será que ela já apresenta uma concorrência direta aos iPhones?

Comparamos dois modelos com faixas de preços parecidas, o iPhone 8, de 2017, e o Xiaomi Mi 8, de 2018. Descubra se o top de linha da Xiaomi desbancou o modelo mais “antiguinho” da Apple!

iPhone 8iPhone 8Xiaomi Mi 8Xiaomi Mi 8
Tela
Retina HD 4,7 polegadas 1334 x 750 pixels 16:9 6,21 polegadas Full HD+ (2248 x 1080 pixels) 18,7:9
Processador
A11 Bionic Hexa-core Qualcomm Snapdragon 845 (Octa-core Até 2,8 GHz)
Memória RAM
Não informada pela fabricante 6GB
Armazenamento
64GB ou 256GB 64GB ou 128GB
Aceita cartão de memória
Não Não
Conectividade
4G, 3G, Wi-Fi, Bluetooth 5 e NFC 4G, 3G, Wi-Fi, Bluetooth 5.0 e NFC
Dual chip
Não Sim
Leitor de impressões digitais
Sim Sim
Reconhecimento facial
Não Sim (Infraverelho)
Câmera traseira
12MP (f/1.8) Dupla: 12MP (f/1.8) + 12MP (f/2.4)
Câmera frontal
7MP (f/2.2) 20MP (f/2.0)
Filma em
4K @ 30 fps 4K @ 30 fps
Bateria
Não especificada 3.400 mAh
Dimensões (altura x largura x espessura)
138 x768 x 7 mm 154 x 74,8 x 7,6 mm
Peso
148 gramas 175 gramas
Sistema operacional de fábrica
iOS 11 Android 8 Oreo
Ver ofertas Ver ofertas

Xiaomi sai na frente no desempenho

Considerando que o top de linha Xiaomi Mi 8 foi lançado mais de um ano depois do iPhone 8, não é nenhuma surpresa que seu desempenho seja mais evoluído. Até porque, seu objetivo é se aproximar mais dos modelos mais recentes da Apple, como o iPhone XR e o iPhone XS.

Seu processador é o poderoso octa-core Snapdragon 845, um dos mais avançados da Qualcomm, e a memória RAM tem excelentes 6GB. Com isso, o Xiaomi Mi 8 pode rodar qualquer jogo ou aplicativo disponível no Android, mesmo os mais pesados.

Xiaomi Mi 8 64GB

Do outro lado, o iPhone 8 trabalha com o processador A11 Bionic da Apple, que já ganhou versões mais evoluídas. É claro que, como é esperado da marca, ele não vai ter problemas em oferecer ótima velocidade de trabalho nas atividades principais, como sites, aplicativos e vídeos em streaming.

Porém, alguns jogos mais elaborados e lançados já considerando os modelos seguintes da Apple, podem não apresentar o mesmo desempenho.

Sem cartão de memória

Sem surpresas, o iPhone 8 não tem slot para cartão de memória, e você pode escolher entre as versões com 64GB ou 256GB de armazenamento. As duas versões também estão disponíveis na edição do iPhone 8 Vermelho.

E a Xiaomi seguiu pelo mesmo caminho com o Mi A8, que também não tem opção de expansão do armazenamento e chega em duas versões: 64GB ou 128GB. E, mesmo sem o slot de cartão, o modelo tem espaço para dois chips.

Android ou iOS?

É impossível não citar as diferenças entre os sistemas operacionais ao falar de um smartphone Apple e um celular Android. A briga não é mais tão acirrada quanto há alguns anos, mas ainda tem quem mantenha a lealdade a um ou outro.

O iPhone 8 vem com iOS 11 de fábrica, com atualização para o iOS 12 disponível. Já o Xiaomi Mi 8, com Android 8 (Oreo) é um dos modelos que devem receber atualização para o Android 9 (Pie). Dessa forma, qualquer que seja a sua escolha, você poderá trabalhar com as versões mais recentes dos respectivos sistemas operacionais.

iPhone 8 Design

Vale lembrar que a Xiaomi é conhecida por “cobrir” o Android com sua interface exclusiva, que, no caso do Mi é a MIUI 9.5. Mais uma vez, a inspiração na Apple pode ser percebida, inclusive na configuração de controles por gestos na tela, presente em modelos mais recentes como o iPhone X e o XS, mas que ainda não aparece no iPhone 8.

Tela do iPhone 8 é “pequena” para os padrões atuais

A diferença de gerações também fica evidente nas telas do iPhone 8 e do Xiaomi Mi 8. O modelo de 2017 era a versão de tela menor da Apple, já que as telas grandes foram para o iPhone 8 Plus e para o iPhone X, lançados ao mesmo tempo.

Com isso, o iPhone 8 ficou com tela Retina HD de 4,7” e 1334x750 pixels, com 326 pixels por polegadas. Parece pouco para os padrões que surgiram depois, mas o modelo, que também ganhou tecnologias de imagem como a True Tone, tem qualidade de imagem muito boa, e não faz feio na exibição de filmes e séries.

Outro sinal de que a Apple já investiu em outras mudanças é o próprio design do aparelho. O iPhone 8 ainda apresenta aquele visual mais antigo da marca, com bordas mais presentes e o Botão Home na parte frontal, que foi retirado nos modelos seguintes. Mas o modelo já retornou com a traseira em vidro, que ficou de fora em alguns iPhones anteriores.

Já o Xiaomi Mi 8 acompanha uma tendência que ficou mais forte graças à própria Apple, com bordas quase imperceptíveis e o notch de tela, aquele entalhe no alto do visor que guarda alguns sensores do aparelho. Sua tela ficou com 6,21”, definição Full HD+ de 2248x1080 pixels (densidade de 402 pixels por polegada) e formato mais amplo, de 18,7:9. A traseira também ganhou revestimento em vidro.

Então, se você procura um smartphone com tela grande e uma experiência mais imersiva em filmes, séries, vídeos e games, o Xiaomi Mi 8 é o mais indicado.

Xiaomi Mi 8 Tela

Câmera dupla só no Xiaomi Mi 8

Outra tendência que ficou mais popular com a Apple, no iPhone X, e aparece no Xiaomi Mi 8 é a câmera dupla na parte traseira. São duas lentes de 12MP, com recursos como Foco Automático e estabilização óptica de imagem, que ajuda a evitar fotos tremidas, HDR (que realça nitidez de cores e contrastes).

A marca também apostou em diferentes opções de edições e efeitos, inclusive Modo Retrato e uso de Inteligência Artificial no reconhecimento de cenas e ajustes de imagem.

A captura de luz alcança até f/1.8, o que favorece as fotos feitas em locais pouco iluminados ou mesmo em ambientes noturnos. Com isso, os resultados finais são bem legais em diferentes condições de luz, e a marca chinesa não decepciona nas fotos.

Os vídeos podem ser gravados em 4K a 30 quadros por segundo e também oferecem algumas ferramentas de edições rápidas. Já a câmera frontal de 20MP pode fazer selfies bem nítidas e com boa definição e efeitos, inclusive alguns que ajudam nas fotos noturnas e em espaços de pouca luz, embora com ruídos mais perceptíveis.

O iPhone 8 é o único de sua geração com lente única, já que a câmera dupla aparece no iPhone 8 Plus e no iPhone X. Embora com menos recursos e opções de efeitos, a câmera traseira de 12MP e abertura f/1.8 funciona muito bem, inclusive em imagens noturnas.

Em relação à nitidez e qualidade das fotos, ainda é um dos melhores smartphones disponíveis no mercado. O mesmo vale para a câmera frontal de 7MP, mas sua abertura de f/2.2 não favorece fotos em locais pouco iluminados. Os vídeos também podem ser feitos em 4K a 30 quadros por segundo.

No fim das contas, se você considera os efeitos da câmera dupla realmente indispensáveis, deve investir no Xiaomi Mi 8. Mas se a qualidade de imagem e a definição são mais importantes, o iPhone 8 dá conta do recado, e muito bem.

iPhone 8 tem carregamento sem fio

Nenhum dos dois modelos se destaca pela alta duração de bateria, e ambos ficam dentro do esperado, com capacidade de segurar até o fim do dia em uso moderado, mas com períodos de reprodução de jogos ou vídeos.

Alguns testes mostraram que o Mi 8 segura um pouco mais o gasto da tela, alcançando até 14 horas de reprodução de vídeo e 11 horas em navegação Wi-Fi, contra 10 horas de vídeo e 12 horas em Wi-Fi do iPhone 8. Isso pode ser considerado um empate técnico.

Ambos são compatíveis com sistemas de carregamento rápido, e a carga pode ser recuperada em 100% com pouco menos de duas horas na tomada. Já quem quer usar sistemas de carregamento sem fio, só encontra essa opção no iPhone 8, pois o recurso não está disponível no Xiaomi Mi 8.

Xiaomi não tem garantia de fábrica no Brasil

Embora esteja cada vez mais presente no mercado, a Xiaomi não tem representação oficial no Brasil, apesar de estar timidamente voltando ao nosso mercado, então algumas lojas importam os aparelhos e revendem ao público.

Isso chama atenção para um fato bem importante na sua escolha: o Xiaomi Mi 8, assim como outros modelos da marca, não têm garantia de fábrica ou assistência técnica autorizada no país. Ou seja, se tiver qualquer problema, você não poderá recorrer à fabricante, ou optar por comprar as garantias oferecidas pelas lojas, mas que não têm relação com a Xiaomi.

Do outro lado, a Apple é bem conhecida por sua assistência técnica especializada e tem lojas em diferentes lugares do Brasil, o que pode ser de muita ajuda na hora de resolver algum problema.

iPhone 8 ou Xiaomi Mi 8: qual vale mais a pena?

Como deu para perceber no comparativo, o Xiaomi Mi 8 tem alguns recursos mais avançados ou recentes que o iPhone 8. Por exemplo, a câmera dupla e a tela grande e mais ampla ainda não são vistas no modelos mais antigo da Apple, embora apareçam em versões lançadas na mesma época.

Caso essas características sejam importantes para você, além do melhor desempenho em games pesados, o Xiaomi Mi 8 é a melhor opção.

Mas o iPhone 8 é uma alternativa interessante para quem prefere investir em um celular da Apple. Mesmo sem algumas das inovações apresentadas pelas marcas nos modelos seguintes, ele ainda garante ótimo desempenho, boa qualidade de imagem e fotos com ótimos resultados.

Compare os preços:

 

 

 

Leia também:

Confira as nossas análises em vídeo:

 

 

O artigo foi útil?
Sim
Não
Obrigado!

Top 5 em celular e smartphone