Redmi Note 8 Pro vs Redmi Note 9 Pro: compare os celulares Xiaomi

Smartphones diferem em bateria, processamento e câmeras. Descubra se vale a pena fazer o upgrade.

Redação - ZoomEditor(a)

Publicado e atualizado 7 min. de leitura.

O Redmi Note 9 Pro é o sucessor direto do Redmi Note 8 Pro, a versão mais robusta de um dos celulares mais populares da Xiaomi em 2019. O novo smartphone chegou ao Brasil em junho de 2020 trazendo melhorias em câmeras, bateria e no desempenho, mas assusta pelo preço alto: R$ 4.199.

Será que as mudanças compensam a troca de telefone? Para descobrir se vale a pena comprar o Redmi Note 9 Pro, ou se o Redmi Note 8 Pro tem melhor custo-benefício em 2020, veja o comparativo de ficha técnica que montamos a seguir.

Leia também: Melhor Xiaomi em 2020: 10 celulares para comprar no Brasil

a partir de:R$ 1.870,00

a partir de:R$ 2.303,04

Lançamento no Brasil
Novembro de 2019
Junho de 2020
Linha
Redmi Note
Redmi Note
Tela
  • Tamanho: 6,53 polegadas
  • Resolução: Full HD+ (2340 x 1080 pixels)
  • Tecnologia: IPS LCD
  • Formato: 19,5:9
  • Tamanho: 6,67 polegadas
  • Resolução: Full HD+ (2400 x 1080 pixels)
  • Tecnologia: IPS LCD
  • Formato: 20:9
Processador
  • MediaTek® Helio G90T
  • Octa-core de até 2,05 GHz
  • Qualcomm® Snapdragon™ 720G
  • Octa-core de até 2,3 GHz
Memória RAM
6 GB
6 GB
Armazenamento
  • 64 GB
  • 128 GB
  • 64 GB
  • 128 GB
Memória expansível
Sim, via microSD de até 256 GB
Sim, via microSD de até 512 GB
Câmera traseira
  • 64 MP (f/1.89), Super Pixel (4 em 1)
  • 8 MP (f/2.2) (Ultra-wide)
  • 2 MP (Macro)
  • 2 MP (Teleobjetiva, Modo Retrato)
  • 64 MP (f/1.8) Super Pixel (4 em 1)
  • 8 MP (f/2.2) (Ultra-wide)
  • 5 MP (f/2.4) (Macro)
  • 2 MP (f/2.4) (Teleobjetiva, Modo Retrato)
Câmera frontal
20 MP (f/2.0)
16 MP (f/2.48)
Filma em
  • 4K @ 30fps
  • 1080p @ 30 ou 60fps
  • 720p @ 30fps
  • 4K @ 30fps
  • 1080p @ 30 ou 60 fps
  • 720p @ 30fps
Resistência à água e poeira
Não
Não
Sistema operacional de fábrica
Android 9 Pie
Android 10
Leitor de digitais
Sim
Sim, lateral
Reconhecimento facial
Sim
Sim
Dual chip
Sim
Sim
Bateria
4.500 mAh
5.020 mAh
Carregamento sem fios
Não
Não
Cores
  • Branco
  • Cinza
  • Verde
  • Branco
  • Cinza
  • Verde
Dimensões e peso
  • Espessura: 8,79 mm
  • Largura: 76,4 mm
  • Altura: 161,4 mm
  • Peso: 199 g
  • Espessura: 8,8 mm
  • Largura: 76,7 mm
  • Altura: 165,8 mm
  • Peso: 209 g
Ofertas
Ver preçosVer preços

Design

Redmi Note 9 Pro tem design mais moderno, mas menos elegante

O Redmi Note 8 Pro tem design moderno, com bom aproveitamento de tela, poucas bordas e construção feita em vidro e plástico. Há um pequeno notch (recorte) no formato de “gota” no display. E, na traseira, há o conjunto quádruplo de câmeras: três delas alocadas ao centro, na vertical, e uma logo ao lado desse conjunto, abaixo do flash.

O leitor de digitais também fica posicionado na parte de trás do Redmi Note 8 Pro, e olhando de longe, muitos confundem com a quarta câmera.

Redmi Note 8 Pro tem quatro câmeras traseiras. (Imagem: Mr.Mikla/Shutterstock)
Redmi Note 8 Pro tem quatro câmeras traseiras. (Imagem: Mr.Mikla/Shutterstock)

Por sua vez, o Redmi Note 9 Pro continuou com a construção em vidro e algumas partes de plástico, mas traz algumas mudanças na aparência. No lugar do notch em formato de gota e entra o modelo de “furo” na tela para alocar a câmera frontal. Já na parte traseira, há um conjunto quádruplo de câmeras alocado em um módulo quadrado ao centro do smartphone – um tano menos elegante do que o seu antecessor.

Aqui não temos a confusão com o sensor biométrico, já que agora ele fica na lateral do aparelho. Assim como o Note 8 Pro, ele não possui detalhes em seu acabamento, sendo totalmente liso.

Redmi Note 9 Pro na cor branca. (Imagem: Framesira/Shutterstock)
Redmi Note 9 Pro na cor branca. (Imagem: Framesira/Shutterstock)

No Brasil, ambos estão disponíveis em três opções de cores (variando apenas o tom): branco, cinza e verde.

Tela

Redmi Note 8 Pro suporta HDR tende a entregar as melhores cores em imagens

O Redmi Note 8 Pro tem tela de 6,53 polegadas, painel IPS LCD, resolução Full HD+ e proporção de 19.5:9. Além disso, a empresa também colocou uma proteção Gorilla Glass 5, contra arranhões acidentais, e suporte a HDR, que deixa as cores ainda mais vivas e realistas.

Tela do Redmi Note 8 Pro tem notch em formato de gota. (Imagem: NDQ/Shutterstock)
Tela do Redmi Note 8 Pro tem notch em formato de gota. (Imagem: NDQ/Shutterstock)

Já o lançamento mais recente da fabricante chinesa conta com uma tela bem parecida. O display é maior, com 6,67 polegadas, mas mantém a resolução Full HD+, a tecnologia IPS LCD e a proteção Gorilla Glass. O formato está um pouco mais alongado (20:9), para ajudar na pegada de uma tela tão grande. Um ponto negativo é a falta de HDR, o que indica que ele pode entregar resultados de cores inferiores.

Redmi Note 9 Pro tem tela com "furo" para câmera frontal. (Imagem: Framesira/Shutterstock)
Redmi Note 9 Pro tem tela com "furo" para câmera frontal. (Imagem: Framesira/Shutterstock)

Câmeras

Redmi Note 9 Pro se destaca nos recursos profissionais para foto e vídeo

Ambos os modelos deste comparativo são celulares com câmera quádrupla. O Redmi Note 8 Pro tem um sensor principal de 64 MP que utiliza a tecnologia Super Pixel para unir quatro pixels em apenas um, proporcionando imagens mais nítidas.

O segundo sensor tem 8 MP e acompanha lente ultra-wide com abertura f/2.2, para você fazer fotos com ângulos mais abertos. O terceiro é de 2 MP para fotos macro, nas quais o objeto está bem próximo da lente. E o último sensor também tem 2 MP – ele acompanha lente teleobjetiva e consegue mapear a profundidade de campo, para promover dotos com fundo desfocado (Modo Retrato).

Redmi Note 8 Pro tem câmeras alinhadas verticalmente. (Imagem: Only_NewPhoto/Shutterstock)
Redmi Note 8 Pro tem câmeras alinhadas verticalmente. (Imagem: Only_NewPhoto/Shutterstock)

O conjunto de câmeras do Redmi Note 9 Pro é bastante semelhante, em especificações, com alteração do sensor para fotos macro, que ganha maior resolução: 5 MP. Com este smartphone você também poderá registrar paisagens, fotos de muito perto com alto nível de detalhes e fazer retratos com fundo desfocado.

Modos de foto do Redmi Note 9 Pro. (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Modos de foto do Redmi Note 9 Pro. (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

Os dois celulares fazem gravações de vídeo a 4K com 30fps ou Full HD (1080p) com 30/60fps.

O resultado em fotos com a câmera frontal tendem a ser semelhantes: apesar de o Redmi Note 8 Pro ter sensor de 20 MP e o Note 9 Pro ter um de 16 MP, os pixels no aparelho mais recente são maiores, o que proporciona maior entrada de luz, favorecendo a nitidez das imagens.

Nos recursos extras para fotografia e vídeo é que o Redmi Note 9 Pro se destaca: o celular conta com um modo de selfies em câmera lenta, promete maior suavidade na hora de dar zoom em gravações e tem ainda uma trava de foco, para evitar imagens desfocadas. Além disso, quem quiser pode fazer fotos no modo RAW – formato utilizado para profissionais, pois mantém a qualidade da foto na hora da edição.

Os dois aparelhos têm suporte a Inteligência Artificial para otimizar as imagens.

Desempenho

Intermediários com alta velocidade para jogos

O Redmi Note 8 Pro e o Redmi Note 9 Pro têm configurações semelhantes de memória. O armazenamento pode ser de 64 GB ou 128 GB nas duas versões. Já a memória RAM é de 6 GB.

O que de fato muda é o processador: o modelo mais recente conta com o Snapdragon 720G, que se sobressai em relação ao Helio G90T do Redmi Note 8 Pro por ser fabricado em processo de 8 nm (contra 12 nm) e atingir maior velocidade máxima. Isso quer dizer que o Note 9 Pro é o modelo que vai proporcionar maior eficiência energética na hora de rodar apps, especialmente os mais pesados, mas a velocidade em execução de tarefas deve ter pouca diferença, no final das contas.

Redmi Note 9 Pro promete bom desempenho para games. (Imagem: Framesira/Shutterstock)
Redmi Note 9 Pro promete bom desempenho para games. (Imagem: Framesira/Shutterstock)

É importante ressaltar que ambos são celulares intermediários premium, portanto não espere um desempenho top de linha por aqui.

Em termos de sistema operacional, o Xiaomi Redmi Note 8 Pro vem com Android 9.0 Pie de fábrica, e o Redmi Note 9 Pro já chega com o Android mais recente, na versão 10.

Bateria

Ponto para o Redmi Note 9 Pro

Se a competição estava bem acirrada até o momento, na bateria um Redmi Note 9 Pro dá um pequeno salto. Ele tem capacidade para 5.020 mAh e conta com carregamento rápido de 18W, contra 45.00 mAh de bateria do Redmi Note 8 Pro, que também tem carregamento rápido de 18W.

Em termos práticos, ambos devem aguentar a um dia inteiro longe das tomadas, com uso moderado. Mas o Redmi Note 9 Pro deve ganhar em autonomia nas tarefas mais pesadas, especialmente por ter um processador mais econômico.

Custo-benefício

Afinal, vale a pena comprar o melhor em especificações?

No contexto geral, o Redmi Note 9 Pro acaba sendo um celular melhor se comparado à geração anterior, mas a diferença não é tão grande assim. Ele se destaca na bateria e tem câmeras com recursos mais aprimorados, mas não percebemos muitas mudanças ao avaliar seu poder de processamento no geral e tela.

Mesmo com ele sendo melhor, o Redmi Note 8 Pro ainda é uma excelente opção de compra e deve se beneficiar da queda de preço que terá com o lançamento de sua versão mais “atualizada”.

Aqui, no Brasil, o Redmi Note 8 Pro pode ser achado atualmente a partir de R$ 1,8 mil (preços coletados no momento da publicação desta matéria). Já o Redmi Note 9 Pro chegou ao país com preço bem mais salgado: R$ 4.199.

Por esse valor, a compra do Redmi Note 9 Pro não se justifica – nem para quem quer trocar a partir do antecessor, e muito menos para quem está pensando em comprar um novo, partindo de um modelo de outra fabricante. Por R$ 4 mil, você pode optar por um iPhone 11, ou guardar R$ 1 mil e comprar um Galaxy S10 Plus, fazendo um melhor negócio.

Compare preços

Encontre as melhores ofertas para o Redmi Note 8 Pro e Redmi Note 9 Pro no Zoom