Liquidificador portátil montado ao lado do copo e da tampa extra na frente de uma parede de tijolinhos

Liquidificador Portátil Mondial Personal Blender: eficiente, com boa capacidade e fácil de usar

Confira todos os detalhes do nosso teste do liquidificador Mondial Personal Blender DG-01, que vem com dois copos individuais

Ariel Cristina BorgesRedatora

Publicado e atualizado 10 min. de leitura.

Compartilhe:

Muita gente se pergunta se vale a pena comprar um liquidificador portátil. A versão "mini" dos liquidificadores tradicionais é indicada para preparar sucos, vitaminas e shakes. Para saber se os modelos são bons, nós testamos o liquidificador portátil Mondial Personal Blender DG-01, um dos mais populares do nosso site. Tido como um dos melhores do mercado, o aparelho tem 300W de potência, dois copos de 750ml cada, pode ser encontrado em versões com 127V ou 220V de voltagem e traz duas velocidades, além do pulsar.

Pela ficha técnica e o bom preço, esse modelo de liquidificador individual tem motivos para fazer tanto sucesso. Para ter certeza que essa compra vale a pena, eu testei um Mondial Personal Blender DG-01 em casa e, aqui embaixo, conto tudo o que achei dele depois de o usar. Se vale o incentivo, eu não sabia que um liquidificador portátil podia ser tão útil - e já coloquei na minha listinha pessoal de compras para casa. Dá uma olhada e conheça mais sobre esse aparelho!

Prós e contras do liquidificador portátil Mondial Personal Blender

Imagem de lista de prós e contras com títulos em verde e vermelho e letras cinza
  • Prós: esse liquidificador individual Mondial tem a quantidade de velocidades como uma de suas principais vantagens - são duas possibilidades de uso além da função pulsar. Ele vai com dois copos de 750ml que têm tampas para virar squeeze, e isso possibilita o preparo de bebidas personalizadas para mais de uma pessoa. Além disso, graças ao formato mais largo, os copos são fáceis de lavar. As lâminas de aço inox do aparelho trituram gelo com facilidade e ele não vazou nenhuma vez durante os testes.
  • Contras: a colocação do anel de vedação na parte das lâminas precisa de atenção, porque ele pode ficar desencaixado e gerar vazamentos.

Preço do mini liquidificador portátil Mondial Personal Blender

Ficha técnica do liquidificador Mondial Personal Blender

Lista de ficha técnica do liquidificador Mondial Personal Blender

O que vem na caixa do Mondial Personal Blender?

Peças do liquidificador desmontado lado a lado numa base preta
O liquidificador Mondial Personal Blender vai com alguns acessórios para o uso (Foto: Mosaico)
  • base;
  • conjunto de lâminas;
  • dois copos de 750ml;
  • duas tampas;
  • manual de instruções.

Acabamento

Detalhe da base do liquidificador mostrando o botão e o porta-fios do aparelho
A base do liquidificador Mondial Personal Blender é compacta e leve (Foto: Mosaico)

Na caixa, o liquidificador portátil Mondial vem todo desmontado. A primeira parte principal é a base com o motor, onde você encaixa o copo para o preparo das bebidas. Ela é feita de polipropileno e é bem compacta, assim como todo o aparelho de forma geral. A base também é leve, resistente e não parece frágil. Além do botão giratório de velocidades, ela também tem um porta-fios para facilitar o armazenamento do aparelho.

O conjunto de lâminas é bem fácil de manusear: ele conta com quatro facas de inox e tem encaixe duplo, ou seja: serve de tampa para o recipiente e também o liga à base do motor para que o liquidificador possa funcionar. Eu nunca tinha usado um liquidificador portátil antes, mas o processo é bem intuitivo para quem tem costume de lidar com eletrodomésticos e portáteis de cozinha (e também não deve ser muito mais difícil para quem está começando agora). Os seus encaixes são firmes e ficam bem presos. Ou seja: o aparelho passa segurança durante o uso por causa do acabamento.

A Mondial não diz nada sobre o material dos copos, além de prometer que eles são bem resistentes - o que pareceu verdade nos testes. Para mim, eles parecem de acrílico com tampas de polipropileno (um plástico mais duro e também durável). Os dois são graduados e mostram as medidas em ml e oz (ounces, uma das medidas usadas nos Estados Unidos e na Inglaterra). Sua capacidade máxima é de 750ml (contra os 600ml comuns a boa parte dos modelos da categoria). As tampas, que devem ser usadas quando eles estão no formato de squeeze, também vedam bem a abertura do copo e têm uma trava firme. Assim, se você precisar preparar a bebida e colocar em uma bolsa para sair de casa e consumir depois, não vai ter problemas.

Detalhe das marcas no copo do liquidificador indicando 750ml
Os copos desse liquidificador portátil são graduados (Foto: Mosaico)

Também é necessário destacar outro detalhe: ele vai com dois copos, o que ajuda muito na hora de preparar bebidas personalizadas para pessoas diferentes. Isso também pode ser bem prático se você passa o dia todo fora de casa e gosta de adiantar as refeições: um copo pode levar seu café da manhã e o outro, o lanche da tarde, por exemplo.

Usabilidade

Na hora de usar e, até mesmo no momento da compra, uma das coisas que você deve ter em mente é que o liquidificador portátil deve ser usado para sucos, vitaminas, shakes smoothies e bebidas de diferentes tipos. Vou falar da potência do aparelho mais abaixo, mas vale citar aqui que os 300W do Mondial Personal Blender são suficientes para esse tipo de preparo, mas vão deixar a desejar se você quiser preparar massas que levam farinha ou ingredientes mais pesados - mesmo que em quantidades pequenas. Para isso, os liquidificadores tradicionais são ideais. Só por curiosidade, os modelos menores e mais simples de liquidificadores costumam ter uma média de 700W e 800W. Ou seja: a diferença é grande.

Como usar o liquidificador portátil

Já falei aí em cima que essa foi a minha primeira experiência com um liquidificador portátil e, por isso, devo admitir que antes de ter um modelo em mãos eu ficava me perguntando como o encaixe do copo cheio funcionava. No fim das contas, uma base de lâminas que também é removível é o pulo do gato para fazer esse aparelho funcionar: antes de bater, você coloca os ingredientes no copo e fecha o recipiente com as lâminas para o lado de dentro. Depois disso, é só posicionar a parte da tampa para baixo e encaixar na base do motor.

Para garantir que o copo não vai vazar durante o uso, o ideal é que ele fique bem fechado, mas os cuidados não param por aí. Dando uma olhada nos comentários sobre o Mondial Personal Blender na Internet, eu percebi que algumas pessoas reclamaram que o anel de vedação dele não "encaixa" com facilidade, e isso pode causar problemas. Realmente, se você só colocar a borrachinha no lugar, ela pode ficar mal posicionada. Por isso, é necessário dar uma pressionada com os dedos para garantir que ela vai estar bem encaixada antes de fechar e usar.

Liquidificador montado ao lado do copo extra e da tampa sobressalente
O encaixe certo é necessário para o bom funcionamento do liquidificador portátil (Foto: Mosaico)

Liquidificador portátil vaza?

Eu não tive problemas com vazamentos em nenhum dos testes por aqui. Mas além do cuidado com a borracha, a capacidade do aparelho deve ser respeitada para que tudo corra bem. O manual de instruções diz que o volume máximo para líquidos antes de bater é a marca de 750ml e, para sólidos, a metade disso - ou seja: na altura dos 375ml, em média. Mantendo a atenção a esses detalhes, é bem possível que você consiga usar o aparelho da melhor forma, sem acidentes.

Para garantir que essas indicações funcionam, eu fiz um teste de capacidade no aparelho (além das bebidas preparadas): coloquei apenas água até a marca dos 750ml e bati por mais ou menos um minuto. Como resultado, ele não vazou nem quando foi movimentado (o que não é recomendado no uso normal).

Como limpar o liquidificador portátil?

A limpeza desse tipo de eletro sempre deve ser considerada antes da compra. Afinal de contas, existem produtos que dão tanto trabalho na hora de limpar que, inconscientemente, você não usa para evitar a fadiga (referência para millenials que assistiam a Chaves). Com o Personal Blender, essa experiência foi bem positiva. Primeiro porque você pode consumir a bebida no copo em que ela foi feita. Depois, pelo formato e tamanho do copo: como ele é mais largo do que de outros modelos do mercado, é possível colocar a mão por dentro dele com a esponja de louça comum para fazer a higienização, sem problemas. O copo, as tampas e a base de lâminas também podem ser levados à lava-louças.

Ainda assim, se você preparar uma bebida com ingredientes que "grudam" no copo (por aqui aconteceu com a aveia), eles podem dar um pouquinho mais de trabalho para sair, caso o copo não seja lavado logo depois do consumo. Se isso acontecer, vale colocar água com detergente no interior do recipiente e bater por alguns segundos só para facilitar o processo. É bom evitar o processo com água quente, já que o copo tem um aviso contra líquidos em temperatura alta na parte de baixo, mas ela pode ser morna: o manual do produto estabelece o limite de até 80ºC para a temperatura ingredientes no interior do aparelho.

Funções

Nesse quesito, o liquidificador portátil Mondial Personal Blender sai na frente de muitos outros do mercado. Isso porque é bem comum encontrar modelos individuais como ele que têm apenas uma possibilidade de uso, enquanto a opção do nosso teste tem, além das duas velocidades, a função pulsar, que ajuda muito a triturar gelo e ingredientes sólidos para diferentes tipos de bebidas. Ou seja: ele funciona como um liquidificador comum, mas tem a vantagem de sujar menos louça - porque você pode beber no copo de preparo - e de ser bem mais fácil de limpar.

A base do motor, assim como acontece com os modelos de liquidificador tradicional, não pode ser colocada embaixo d'água. Se houver a necessidade de a limpar, use apenas um pano úmido.

Potência

Esse liquidificador portátil 300W pode parecer fraco, mas como já falamos aí em cima, ele tem a potência necessária para o que se propõe fazer. Pensando nisso, meus testes principais foram bem específicos.

Conjunto de imagens lado a lado dos ingredientes no copo e da bebida batida
A vitamina de frutas ficou bem batida e cremosa nesse blender (Foto: Ariel Cristina Borges)

Na primeira vez que usei, fiz uma vitamina de banana, mamão e aveia batida no suco de laranja. Como o manual indica, as frutas devem ser cortadas em tamanhos pequenos (principalmente se você usar opções de textura mais rígida, como o melão) para facilitar o preparo. À princípio, confesso que fiquei receosa de juntar tudo isso com gelo e bater de uma vez só, mas fui surpreendida. O resultado foi bem satisfatório! Sem precisar ficar muito tempo batendo, a vitamina ficou cremosa e sem pedaços de frutas ou gelo. Cinco estrelas para a bebida por aqui!

Imagens lado a lado do copo do liquidificador na base e da bebida pronta
Aqui, o maior desafio do liquidificador era bater o gelo e ele não encontrou dificuldade (Foto: Ariel Cristina Borges)

Depois de fazer um teste mais saudável, as circunstâncias me fizeram apostar em uma opção um pouco diferente - mas não menos saborosa. A verdade é que eu esqueci de comprar as frutas mesmo e, para o café da manhã, aproveitei a praticidade do aparelho para bater leite, achocolatado e gelo (coisa que não aconteceria com a minha colega saudável Maria Paula, que testou o liquidificador portátil LP300 da Black&Decker).

Mais uma vez, achei que a quantidade maior de gelo ia ser um problema, mas com a função pulsar, eles foram triturados sem muito esforço. O resultado final ficou muito parecido com o das garrafinhas de achocolatado pronto, tanto em sabor quanto em textura. Cinco estrelinhas para o aparelho e um lugar no coração de uma pessoa que ama chocolate. Inclusive, isso também daria muito certo com um sorvetinho entre os ingredientes, viu?

Liquidificador portátil faz barulho?

Se a sua preocupação é essa, preciso dizer que a resposta é: sim, ele faz barulho. O Mondial Personal Blender tem Selo Ruído 2 e nível de potência sonora de 88db. Na prática, isso significa que a quantidade de ruído varia de acordo com a velocidade utilizada, mas que fica dentro do que é esperado para esse tipo de aparelho. Liquidificadores, de forma geral, não são os eletros mais silenciosos das casas, né? A vantagem, aqui, é o preparo rápido. O aparelho não precisa ficar ligado por muito tempo, então, se você quiser usa-lo de manhã, por exemplo, o incômodo vai ser curto.

Custo-benefício: vale a pena comprar o Mondial Personal Blender?

Se você chegou até aqui, certamente já entendeu para quais tipos de uso o liquidificador portátil é recomendado e, pensando neles, o Mondial Personal Blender é, sim, uma boa compra. No site da fabricante, ele custa R$ 269,90, mas pode ser encontrado bem mais barato que isso na comparação aqui do site. Como ele é prático, funcional e resistente, uma boa média de preço para esse liquidificador é a de R$ 170,00 - isso em setembro de 2021.

Ainda assim, vale o aviso: o ideal é que você também tenha um liquidificador tradicional em casa ao apostar nessa opção. Dessa forma, você também vai conseguir preparar quantidades maiores de alimentos e receitas com ingredientes mais pesados.

Produtos similares

Ainda não tem certeza de que o modelo de liquidificador Mondial é o que você quer? Confira outras opções de modelos que podem chamar a sua atenção.

O liquidificador portátil Cadence Shake Up! Duo também faz bastante sucesso por aqui e é bem parecido com a opção da Mondial. Ele tem 300W de potência, duas garrafinhas de 600ml e sistema EasyOn, em que você só precisa encaixar o copo para que ele comece a bater - e apenas uma velocidade.

A opção top de linha, por sua vez, é o Philco Nutrifit. Ele é bem mais caro do que os outros modelos da categoria, mas sai na frente com a potência: são 700W, o que pode garantir o preparo de outros tipos de alimentos, além de unicamente bebidas. Ele vai com dois copos de 800ml, tem três velocidades e função pulsar. Além disso, esse é um liquidificador portátil de seis lâminas.

Conclusão

Imagem de nota com foto do liquidificador e os selos de nota 10 e "2 dias de teste"

Com bom custo-benefício e resultado eficiente em todos os testes, eu não podia dar nota diferente de 10 para o Mondial Personal Blender. O encaixe do anel de vedação é um ponto de atenção? Sim. Mas, sabendo disso, você pode ter mais cautela na hora do uso e garantir que ele vai estar bem posicionado antes de fechar a tampa. Além disso, o modelo vai com dois copos, tem duas velocidades diferentes e a função pulsar. Ou seja: é bem possível que você fique satisfeito com a sua compra.

Conheça mais sobre o universo de liquidificadores:

Curte o estilo de vida saudável? Esses artigos podem te ajudar: